Conversa de Mangá: One Piece 611 e 612 – Hodi Jones

One Piece: Capítulo 611 e 612 foram disponibilizados dia 19 e 26 de Janeiro: “Hodi Jones e Trazidos pelo tubarão que salvaram“.

Se você não sabe o que é o projeto Conversa de Mangá, clique aqui. Depois do “continue”, a gente conversa mais:

Aviso: Continue apenas se você já leu os capítulos 611 e 612 de One Piece. Atualmente acompanho o mangá pelo site Mangá Stream, e a qualidade da scan é absurdamente fantástica! Basta não ter medo de inglês. Mas, em todo caso, a StrawHat Scans tem a tradução em Português. 😉

One Piece 611

Hodi Jones

Dois capítulos tão distintos entre 0 611 e 612 deste CdM. Climas e tensões bem diferentes. Entre o desta semana e o da passada, gostei mais da semana passada. O capítulo foi um show a parte na narrativa de apresentar Hodi Jones. Me senti como se estivesse lá no começo do mangá, quando a saga Arlong me impressionou com o tal “poder dos tritões”. Oda conseguiu novamente aterrorizar o leitor com a força destes seres. Incrível mesmo as cenas de ação com Hodi Jones destruindo uma tripulação e navio inteiro apenas com a boca. E o melhor é que sua tripulação parece muito mais excentrica e diversificada do que os integrantes da tripulação do Arlong. Quero ver a luta de todos contra o Ruffy e o exército de Netuno.

É interessante pensar que na saga Arlong eram peixes na terra vs seres terrestres e agora há uma boa chance de termos seres terrestres contra seres aquáticos na água! O cenário favorece o inimigo desta vez e isso é muito show. Arlong não tinha como fugir de Ruffy quando foi derrotado, já Hodi Jones pode muito bem se safar fácil de uma derrota, já que água é que não falta nesse cenário. Ruffy pode se dar muito mal se ficar limitado numa batalha dentro da ilha. Não é a toa que a previsão da madame Shirley seja tão assuatadora. Franky, Usopp, Sanji e Zoro são personagens chaves contra estas batalhas no fundo do mar.

Só achei que essa ideia de pílulas de superman meio desnecessário. Os personagens poderiam simplesmente serem absurdamente fortes. A menos que o Oda tenha planos futuros para elas dentro do contexto da trama. Se servirem apenas para justificar a força dos inimigos, vou achar vacilo. É aguardar e ver.

Quanto ao restante do capítulo, não foi tão impressionante, deu apenas o desenrolar na história do Ruffy. Mesmo assim foi divertido ver a Nami e a loja do Pappug ser devastada por todos. Nami muito bem dentro da sua personagem. Mas começo a sentir falta de outros personagens na história, como o Zoro e Franky. O Usopp é mais engraçado quando a tensão das coisas aumentas e os comentários randomicos do Brooke não são melhores que as caretas do Chopper, alias acho que o Usoop fica muito mais bacana quando está com o Chopper. Ambos tem uma boa química desde… sempre! Não estou reclamando, estou apenas dizendo que sinto saudades de certos personagens dentro da trama.

Já Netuno, que ótimo designe o autor do mangá criou. Achei o máximo o visual, a ideia dele andar numa baleia, pelo fato dele não ser tão gigantesco quanto achei que seria e até o nariz meio sujo (como se estivesse gripado) dá o toque certo ao personagem. Detalhes são realmente tudo. E já tinha sacado na semana passada mesmo que o tubarão Megalo é o mesmo que foi salvo na parte do Kraken. Oda nunca deixa ponta solta e meros detalhes sempre voltam para intregar a trama. Um dos elogios que nunca canso de fazer ao grande Oda.

E vamos para o próximo capítulo!

One Piece 612

Trazidos pelo tubarão que salvaram


Volto a dizer, tem tanta coisa paralela acontecendo nesse momento da história, que é impressionante como ela está sendo bem desenvolvida. Tome por exemplo o inicio deste capítulo, com Caribou sendo libertado pelas sereias. Um personagem que surgiu um pouco antes desta saga, sem muito alarde e que parecia que não ia ter tanta importância assim, aí depois voltou a aparecer na viagem pelo fundo do mar e agora retorna assombrando as sereias na ilha dos tritões. É interessante que cada vez que Caribou aparece, ele vai se tornando mais perigoso e suas ações ficam mais serias no sentido de que pode rolar grandes desastres por um personagem que anda correndo pela borda da história.

E se entendi direito, sua habilidade meio de lama/foço, pode “engolir” pessoas e deixá-las aprisonadas? Pois foi esse o meu entendimento em torno do papo dele de pegar as serieas para vender. Ele as pega com sua habilidade e depois as liberda se assim desejar. Meio que me lembrou do Tobi do Naruto, com aquele poder de aprisionar em outra dimensão. Será que não ficou meio forçado a habilidade do Caribou se for isso mesmo? Não sei o que achar disso.

Me preocupo com as ações de Caribou. E isso já está tendo relação com a previsão da madame Shirley pelo visto. A tripulação do chapéu de palha começa a ser suspeita de sequestrar tais sereias, e os filhos de Netuno estão alertas a isso. Mal entendidos são uma forma bem comum de avançar para porradaria em mangás. Alias nessa conversa com os filhos do Netuno é mostrada a recompensa do Ruffy: 400.000.000 de berris. Não é tanta assim, não acham? Quando o grupo chega pela primeira vez em Sabaody, a recompensa do personagem era 300.000.000 se não estou errado. Depois de tudo que ele fez em Impel Down e em Marinford, sua recompensa aumentou apenas 100.000.000? Me parece pouco até.

A recompensa do restante da tripulação permanece a mesma pelo que dá para ver no quadro, apesar de que o Oda escondeu a recompensa do Zoro, que não acho que tenha mudado, e a do Franky, que com certeza deveria ter aumentando por tudo que ele explodiu na ilha do Dr. Vegapunk.

Continuando a história do capítulo, temos a viagem de Ruffy, Usopp, Nami e Brooke para o palácio de Netuno, assim como outras informações preciosas, como o fato do Zoro já estar lá, Robin caçando pistas dos poneglyhs com certeza e Franky atrás de algum aprente do Tom. Show, parece que a ilha tritão realmente tem muito peso na história do universo da série. É importante em tantos aspectos. Até a tal madeira especial da árvoré de adão soa realmente interessante.

E o quadro com a entrada do palácio de Netuno é um exagero mesmo. Tem que ser um mangaká muito maluco para fzer uma página assim, como tantos detalhes. Inacredítavel mesmo. Me pergunto quantos ajudantes o Oda deve ter atualmente para ficar estes quadros absurdos no mangá. Quanto tempo será que leva para criar algo assim? Se bem que o autor já tinha dito que está a muito tempo trabalhando na Ilha Tritão, então não duvido que até mesmo antes dele começar a desenhar esta saga, já não tinha em mão, muitos desenhos e quadros semi-prontos do que mostrar na saga.

Adorei Netuno levando esporro e também dando esporro em seus Ministros. Achei engraçada a cena com um xingando o outro. Detalhe para que a cena foi cortada na hora certa, de certa forma ficou para semana que vem saber o que diabos aconteceu no palácio com a princesa antes do Netuno chegar e nem qual era o recado do príncipe sobre o Ruffy (apesar de que o recado nós sabemos, o que importa é a reação do rei ao saber disso). E a mensagem de Jinbei? Estou curioso!

Para terminar, fiquei agonizado no final do capítulo, quando Ruffy para naquele portão enorme. Já estava pensando no pior, que ela ia acabar entrando em algo proibido e que ia encontrar algo dispositivo de auto-destruição da ilha Tritão e ia acionar sem querer, burraldo como ele é as vezes. O Ruffy é um daqueles personagens que se vê uma rolha gigante numa parede da ilha submersa, não duvido nada que ele tire a rolha do lugar só para descobrir o que acontece, não de maldade, mas de ingenuidade. Já pensei no pior quando vi o guarda e a porta gigante.

Sorte que era só a princesa Shirahoshi. E cacilda, que menina grande! Quero só vê a explicação do autor para uma sereia gigante. Já imagino que ela deve ficar aprisionada no palácio porque pelo seu tamanho, deve ser muito visada por piratas de má fé que querem leva-lá para a superfície. Se uma sereia normal já é uma fortuna, imagine uma gigante? Por isso também o medo da garota no final do capítulo. E o Sanji não pode ver ela, senão infarta!

One Piece sensacional! Saga sem pressa, seguindo um ritmo ótimo, com a cada semana novos elementos e personagens aparecendo. É verdade que estes dois capítulos não teve tanta comédia como o de costume, mas em compensação, as coisas começam a ficar mais tensas, com os inimigos se movendo e as peças do tabuleiro para batalhas se encaixando.

modelo-squareCurtiu esse texto? Gostou do site?

Então dê aquela força seguindo e curtindo a nossa página no Facebook! — Quer mais interação? Temos um grupo (ainda pequeno) para leitores por lá, o Clube Secreto. Fica aí o convite! Quer ver o site crescer? Talvez você possa contribuir com isso se tornando um apoiador do site lá no Apoie.se.

Tags from the story
, , ,
More from Thiago Machuca

Novo trailer de Kingdom Come: Deliverance liberado, lançamento nesta terça

Cerque castelos, lute em exércitos e proteja sua terra natal no RPG...
Read More