Conversa de Mangá: Bleach 456 – End of the Bond 2

Bleach: Capítulo 456 foi disponibilizado dia 12 de julho: “End of the Bond 2”.

Se você não sabe o que é o projeto Conversa de Mangá, clique aqui. Depois do “continue”, a gente conversa mais:

Aviso: Continue apenas se você já leu o capítulo 456 de Bleach. Atualmente acompanho o mangá pelo site Mangá Stream, e a qualidade da scan é absurdamente fantástica! Basta não ter medo de inglês. Mas, em todo caso, a StrawHat Scans tem a tradução em Português. 😉

Yeah! CdM está de volta! E sem mais recesso! E o CdM dos Leitores?
Em breve darei detalhes sobre ele, padawans. Ele não foi esquecido.

Bleach 456
End of the Bond 2

Bem, acredito que esta semana não haja a necessidade de escrever muito no CdM de Bleach. Não que tenha achado o capítulo um completo desperdício de papel, pelo contrário, apesar dos altos e baixos da trama ao menos o Tite Kubo soube colocar tensão na psique do Ichigo. Ver o Chad e a Inoe contra ele, sem nem imaginar que o Tsukishima é o verdadeiro vilão, realmente não deixa somente o protagonista atordoado, eu como leitor também fiquei um pouco.

Claro que ainda há muito desperdício na trama pra mim, exemplo disso são estas insistentes explicações sobre a habilidade do Tsukishima. Como se os leitores ainda não tivessem conseguido entender como seu fullbringer funciona. A informação da inserção dele no passado de todos que são afetados por sua espada e como isso é aplicado na esfera das alterações temporais, realmente não faz tanta diferença assim ao leitor. Ele altera tudo e pronto, faz a pessoa sentir que ele é o aliado. Apesar de que na fala dele para o Ichigo “a memória de todos está certa, é só a sua que está errada agora” dá a dramaticidade necessária para enfurecer o Ichigo. Disso eu gostei.

Quanto ao braço decepado, já era meio óbvio de que a Inoe iria restaurar. Comentei isso no CdM passado. Membros decepados não tem mais impacto na série. Mas gostei da forma como o Chad apelou com o Ichigo. Novamente o termo  “tensão dramática” me vem a mente. De uma certa forma o Kubo está brincando mais com o psicológico do Ichigo do que ele fez com o Aizen, que só fazia as pessoas verem “miragens”. A única vez que realmente gostei da habilidade da hipnose do Aizen foi quando ele fez o Toushiro perfurar a Hinamori na batalha em Karakura. Esse tipo de jogo psicológico sempre cai bem, e parece que Tsukishima joga sujo a este ponto.

E o cerco vai se completando. O Ginjou também acabou cercado por seus amigos, e pelo garoto na qual nem me lembro o nome (e nem faço questão de ir procurar). Gostei da forma como o autor inseriu o carinha neste capítulo, auxiliando a tensão de tudo. Qual é o fullbringer dele? Até eu fiquei curioso, pois sinceramente, nem parei para imaginar que ele tinha um. Achei que fosse uma mero capacho do Tsukishima.

E pelo que dá a entender, a luta se extendeu para a área externa da mansão, certo? O Kubo não é muito bom com cenários, e nesse final de capítulo, o Chad usa seu poderzão e explode um pedaço da parede. Então presumo que agora a luta vai ser fora da mansão. E espero que o Ichigo seja inteligente o suficiente para não dar sopa ali, pois o pessoal no andar de baixo pode correr para o jardim. Alias também acho que o Tsukishima tá bem troll. Ele fica aparecendo pelas costas do Ichigo. Ora, se o cara é tão rápido assim, porque não muda logo a memória do Ichigo? Pra que fazer joguinhos com o rapaz? Pensando por esse lado, o verdadeiro objetivo do vilão ainda não está definido. O que ele quer com tudo isso? Será que tem a ver com o Isshin e seus tempos de shinigami? Afinal este foi um dos pontos martelados quando essa saga começou. Como interligar todos os eventos ocorridos até agora?

 

modelo-squareCurtiu esse texto? Gostou do site?

Então dê aquela força seguindo e curtindo a nossa página no Facebook! — Quer mais interação? Temos um grupo (ainda pequeno) para leitores por lá, o Clube Secreto. Fica aí o convite! Quer ver o site crescer? Talvez você possa contribuir com isso se tornando um apoiador do site lá no Apoie.se.

Tags from the story
, ,
More from Thiago Machuca

X360: Battlefield Bad Company – Gold Edition

Adquiri essa semana o Battlefield Bad Company – Gold Edition. Não é...
Read More