Nick Jonas: Podem me Matar, mas "Who I Am" é um bom album de estreia! [Música]

nick jonas

Pois é verdade!!

Eu escutei e vi o clipe do primeiro single do Ex-Jonas Brother, “Who I Am”. Chamou atenção a qualidade da gravação, o excelente baterista e o ar “vintage” do clipe, com clara inspiração em um clássico de Bob Dylan.

A pegada Soul, Rock, com arranjos legais, me fez gostar da música. Até a voz estridente dele combinou… O cara se juntou a uma banda de verdade, com músicos que gostam do estilo e acho que isso o ajudou a se desenvolver (o mesmo fez Ben Harper com Innocent Criminals e agora com a nova banda Relentless 7 e até Nando Reis fez com Os Infernais). E aí saiu esse trabalho “Nick Jonas & The Administration”.

Em seguida, peguei o album todo para ouvir: e eis que me surpreendi!

Ele toca guitarra relativamente bem: não é nenhum Deus da guitarra ainda, mas, tem um sentimento legal.

Canta bem e tem uma boa performance, afinal, anos como Jonas Brothers serviram para alguma coisa.

A primeira música, Rosen Garden, tem um estilo bem chegado ao soul, com guitarras pontuadas.

A música single é uma das mais pops do album (por isso que é o primeiro single, é claro) – o que não quer dizer que nao é boa. Pop, com aquela dinâmica e refrões na hora certa são bons para conquistar um primeiro público que, assim, reconhece aquela música de alguma lugar: como se já tivesse ouvido isso antes. 100% dos artistas fazem isso. A fórmula é estrofe, estrofe, refrão, estrofe, refrão, ponte, refrão de novo (pra ficar na cabeça) e estrofe final (lentinha ou mais alta, pra animar a galera).

Continuando…“Olive an Arrow” é uma balada Soul/R&B, com aquele compasso bem lento, back vocals aplicados e tudo que um soul meloso tem direito…

Pulando para “Last Time Around” tem um riff de guitarra bem simples e os arranjos mais pops e… advinha só: com certeza vai ser o segundo ou terceiro single.

“In the End” é lenta demais para tocar em rádio, mas, “Tonight” já se apresenta como uma baladinha para as goartoas: pianos na frente, falsete na voz…

As músicas “lado b” são soul music contemporâneo, meio Marron 5 e guitarras presentes.

As letras são normais, como tudo quanto é artista atualmente – infelizmente. A maioria fala de amor, amor e mais amor e coisas do cotidiano (o sentimento do dia-a-dia).

Mas vale ver a evolução do cara e é claro a minha quebra de preconceito. Antes de sair comentando, leia o post, escute o album, preste atenção nos detalhes! é um album pop de qualidade. Queria John Mayer ter um album nessa qualidade logo na estreia. E Mayer hoje é um dos mais prestigiados, mas, na época, cantava mal e as músicas eram sofríveis…

Nick Jonas & The Administration, Who I Am… Não joguem pedras!

Update Por Thiago: Rá! Como esse post gerou uma boa discussão, vamos deixar o preconceito de lado e segue o videoclipe que o Pedro cita no início do post: “Who I Am”!

Isso também pode lhe interessar

Pedro Duarte

Jornalista apaixonado por todas as coisas que existem. Deve ser isso! Não há nada de novo que não demonstre interesse imediato em conhecer: ler, assistir, escutar, experimentar. Tentando viver um pouquinho de tudo por dia e passar a experiência aos nossos leitores!
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.