Assistindo

As Viagens de Gulliver – adaptação com Jack Black: para se divertir, esqueça o orginal!

gulliver

Tá aí uma gigaaante (desculpe o trocadilho horrível!) história que sempre mereceu um filme de primeira. O fato é que saiu o filme, mas, da história mesmo, aproveitaram apenas os nomes dos personagens e os tamanhos!

O livro de Jonathan Swift, As Viagens de Gulliver, é um clássico da literatura mundial, questionando o jeito tórrido e mesquinho do ser humano, colocando o náufrago Gulliver em diversas situações: uma, ele é um gigante (como no filme); em outra ele é pequeno em uma terra de gigantes. Em seguida, ele embarca numa ilha voadora com sistema de governo bastante esquisito e, por fim, a situação mais notável e louca – a vida com os Yahoos!

Quando Gulliver passa a viver com os Yahoos, que são na verdade cavalos e desconhecem a mentira, inveja e todos os sentimentos bastante humanos.Gulliver sente que a presença dele, somente a presença dele, já está sendo capaz de corromper toda aquela sociedade! E se expulsa para sua própria terra natal, Inglaterra. Ao voltar, sente nojo de qualquer ser humano, incluindo a própria família: filhos, esposa etc. Não conseguindo nem mesmo comer com os mesmos talheres, no mesmo lugar…

Pronto. Só aí já deu pra ter uma ideia de que o filme não tem nada que ver com a história orignal do livro. É na verdade bem ao estilo “para toda a família”, direto para ser lançado no Natal (que é quando será lançado, de fato). O Gulliver é o doido Jack Black, interpretando a ele mesmo (pra variar) e se passa nos Estados Unidos. E conta apenas a estadia de Gulliver em Liliput, com os pequeninos Liliputianos…

A proposta é diferente, totalmente diferente e acho que nem deveria ter o mesmo nome da obra original, cujo conteúdo é aventureiro, fantástico, mas também bastante política e crítico em relação à sociedade. No entanto, bom… acredito que, isoladamente, será um filme divertido de assistir.

E pra variar, será lançado na véspera de natal e em 3-D, a mina de ouro do cinema atual! Confiram o trailer e opinem!

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Pedro Duarte

Jornalista apaixonado por todas as coisas que existem. Deve ser isso! Não há nada de novo que não demonstre interesse imediato em conhecer: ler, assistir, escutar, experimentar. Tentando viver um pouquinho de tudo por dia e passar a experiência aos nossos leitores!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios