Lendo

Review – Superman – Nº 63

Quase colocando os reviews em dia.

Sinopse Panini: Ao investigar o surgimento de um novo meta-humano, Superman se vê diante de um dilema moral que envolve fé, poder e… redenção! Supergirl: para salvar um amigo, a Garota de Aço terá que lutar contra a nova líder da Liga dos Assassinos… Batgirl! E ainda: Superman Confidencial!

Eu li:
Superman – Crise de Fé:
O enredo parecia interessante. Durante a saga 52, quando Clark estava sem poderes, ele deixou alguns acontecimentos envolvendo um suposto herói passar em branco. Agora, 1 ano depois ele tem a chance de consertar as coisas. O problema com este enredo, que divide-se em duas partes e é concluido nela mesma, é o teor religioso. Sinceramente? Não sou muito chegado em histórias que envolvam religiões, e boa parte do enredo se basea em questionar a fé, se um Deus existe e o quanto a Igreja pode enganar a população. Não me parece uma aventura normal do Superman, com grandes vilões e coisa e tal. Fatou um pouco de empenho dos roteiristas em deixar a questão da religião em segundo plano.

Superman Confidencial: Conclusão do arco onde Metrópolis vira uma cidade submersa. Se passa bem antes das aventuras atuais. Aqui nada de mais. O grande climax da edição anterior não passou de uma farsa, Superman recobre a consciencia, resolve a parada e tudo volta ao normal. A história é ficticía demais. Não convence.

Supergirl: Acabei gostando, justamente, da revista que mais vem sendo criticada no combo. Finalmente Supergirl para de ficar vagando entre histórias dos outros personagens DC e começa a seguir seu rumo. O trecho do enredo com Robin é excelente. O suposto namorada dela, o tal Poderoso, começa a ficar interessante seu lugar na história. E Bumer então, vixe… Ficou interessante a batalha com a Batgirl e a maneira como a Supergirl venceu. O que foi aquilo? Mutação? Não sei, mas achei que a HQ ganhou muitos elementos e ficou melhor do que os arcos anteriores. O fim também dá um ar de “continua na próxima edição”, deixa um gostinho de quero mais.

No fim, essa foi uma edição fraca de Superman, o que é raro que não vinha acontecendo faz tempo. Espero que a queda de qualidade não continue na próxima edição, pois Superman teve um excelente recomeço após o arco “Um ano depois”.

Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.