JogandoMiscelânea

Dia de correio: Batman Arkham City – BR

Até que ficou bacana esta versão limitada nacional.

Sabem aquelas ofertas de momento que as lojas adoram fazer, tipo você tem 1 hora para comprar o item tal com tanto de desconto? Isso aconteceu estes dias e eu tinha 1 hora pra decidir se comprava ou não Batman Arkham City por R$ 149,93 ao invés dos normais R$ 199 do Submarino. Por ser lançamento e tal, pensei por uns 15 min, já sabendo que iria me apertar por alguns meses, mas comprei, pois gostei muito de Batman Arkham Asylum que joguei no ano passado. Mas o melhor ainda estava por vir.

Comprei achando que era a versão normal e eis que eles mandaram a versão limitada, que veio numa caixa de papelão e com uma HQ do Batman de brinde (Batman Detetive – Edição Especial), alem é claro dos códigos dos conteúdos adicionais do Robin e da Mulher Gato. Para minha surpresa eis que o gibi era inteiramente em português e desenhado por Paul Dini. Ficou muito bacana se levar em conta que isso é raro de acontecer no Brasil, de vir com brindes legais e perfeitos; às vezes vem faltando alguma coisa dentro da embalagem, como aconteceu com meu Halo Anniversary que mesmo sendo comprado durante o período de pré-venda veio sem os códigos da Armadura Master Chief e Funeral dos Grunts (os quais acabei conseguindo duplos após uma série de ligações e e-mails com a Microsoft).

Bom, eis abaixo na galeria algumas fotos da caixa, do jogo e é claro da HQ (não reparem muito, mas não a abri muito com medo de soltar as páginas). Aliás este medo de soltar as páginas é algo que não consigo deixar passar, pois tenho pavor de ter mangás ou HQs com páginas soltas e descoladas, por isso que prefiro as grampeadas, pois pelo menos dá para colocar de volta no lugar.

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Paulo Roberto L. S.

Gamer desde o antigo Master System 3. Leitor de HQs (Marvel/DC) e de Mangás, como atividades extras me dedico a treinar Pokémon e sair em busca de conquistas e troféus.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios