Assistindo

The Looney Tunes Show estréia em maio no Cartoon Network americano! Patolino e Pernalonga renascem!

Já foi comentado aqui no blog que os Looney Tunes estariam retornando a TV em uma nova série animada. Desta vez, Patolino e Pernalonga irão viver suas aventuras no suburbio, vivendo numa mesma casa, e todos os outros personagens da franquia também estarão ali, como vizinhos, fazendo suas participações especias. Pode ser meio estranho essa ideia de animais vivendo como humanos, tira aquele fator clássico do coelho e do pato na floresta sendo caçados, mas não acho que a ideia seja tão ruim assim. Uso como base os personagens da Disney nos quadrinhos, que vivem em Patópolis e tem suas histórias baseadas na vida em cidade. Imagino que o Patolino e Pernalonga irão funciona quase como um Donald x Silva das HQs, mas de forma mais amena, é claro. A série também terá episódios em CG com o Coyote e Papaléguas, além de musicais de 2 minutos, com personagens cantando canções clássicas (Merrie Melodies).

Mas ainda estava com receio que a proposta não honrasse a memória destes personagens clássicos, mas depois que vi os pequenos clipes que estão ao longo deste post, mudei um pouco de ideia. Na verdade pareceu bem divertido e engraçado os diálogos e até mesmo o traço, mais moderno para os personagens. Claro que a ideia de Looney Tunes no suburbio tira alguns elementos dos antigos desenhos, como espingardas e tiros na cara dos personagens. No passado era normal ter desenhos animados com armas de fogo e personagens atirando uns nos outros. Hoje em dia, se o desenho é com mascotes cartoonizados, tem-se um maior cuidado com essa linha de desenvolvimento. Sendo assim, a nova série deve ser levada mais para diálogos engraçados e situações comuns do dia a dia sendo vivenciada pelos personagens.

Nos clipes temos uma partida de basquete com o Patolino e Pernalonga (Rá! Eu ri no final do clipe), uma conversa entre os dois enquanto comem comida japonesa em caixinha (como os americanos fazem) enquanto o Patolino tenta adivinha tenta adivinhar o aniversário do coelho. O terceiro é ainda mais engraçado, com o Patolino tentando criar uma mentira convincente para aquelas reuniões de antigos estudantes (comum nos EUA) onde ele começa a inventar mentiras, e em certa altura da cena até o Batman é citado (Também acabei rindo da situação). O útlimo clipe é mais comum, um game-show, mas este não vi muita graça. Todos os clipes mostram o peso que o Patolino deve ter no desenho, o que parece ser uma boa idéia, já que dos Looney Tunes, eu sempre achei ele o mais engraçado.

Um clipe agora, e o restante após o continue, junto com algumas artworks de outros personagens que irão aparecer na série. A estréia da animação, que deveria ter estrado no final de 2010 mas atrasou, está agendanda para dia 02 de maio no Cartoon Network americano. Vamos torcer para que não demora para chegar aqui no Brasil pelo Cartoon Netowrk e também na TV aberta (esta eu aposto que só deve aparecer em 2012):

De uma certa forma, esse novo Looney Tunes Show me lembra um pouco de Tiny Toons, série animada produzida pelo Steven Spilberg nos anos 90. O traço é parecido, e as situações dos personagens idem. Perninha e Lilica também tinham muitas histórias de cotidiano, além de paródias e participações de humanos normais (como no clipe de basquete e da reunião). Um dos meus desenhos favoritos da infância. Estou animado! Só espero que o Cartoon Network quando for dublar o desenho por aqui, use a voz original dos personagens, e não como aconteceu no último filme live-action da franquia, onde o Pernalonga ficou com aquela voz ridícula.

Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.