JogandoLendo

Galeria | Álbuns de figurinhas de games – KH e PvsZ – invadem as bancas!

O que lhe vem a mente quando alguém te fala “álbum de figurinhas“? Admito que a primeira coisa que penso são naqueles álbuns de futebol ou de desenhos animados e animações do cinema. Como sou frequentador de banca de jornal são os tipos de álbuns que mais frequentemente vejo sendo lançados aqui no Brasil.

Na contramão, não é tão frequente assim encontrar álbuns de figurinhas baseados em games por aqui. E eu nem imagino como seja esse mercado fora do país, se existe ou se tem as mesmas características do nosso mercado em relação as figurinhas. Mas enfim, o caso é que a Editora Abril está colocando nas bancas dois álbuns gamers! Um de Kingdom Hearts, na qual a editora vem com muito sucesso lançando todos os mangás da série no país – veja aqui –  (a editora está pau a pau com o Japão), e um outro álbum de Plants vs Zombies, o joguinho que todo mundo conhece e que você pode ou não acreditar, mas faz um sucesso incrível com essa criançada que não tem medo de encarar joguinhos de celulares e tablets.

Eu acho fantástico a iniciativa de lançar álbuns de figurinhas baseadas em grandes games. Eu imagino que legal seria sa Abril conseguisse, por exemplo, um álbum de Final Fantasy ou quem sabe um outro de PvsZ só que baseado em Garden Warfare! Seria louco! Cheguei a perguntar para o Paulo Maffia, editor responsável da linha jovem da editora, se a Abril poderia lançar algo da linha da Nintendo, como um álbum do Super Mario, mas infelizmente ele me disse que a Abril não tem a licença sobre esse material da Nintendo, uma pena, não?

Deixando de lado as especulações imaginárias de álbuns de games que poderiam ou não serem lançados no Brasil, tive a oportunidade de ver conferir os álbuns já lançados, e a galeria que abre a postagem é extensa e não me deixa mentir: o álbum do Kingdom Hearts está incrível!

Ele serve como uma espécie de guia básico ao universo de Kingdom Hearts. Quem está na espera do terceiro game e precisa relembrar a pilha de personagens que existem e das linhas narrativas já criadas, só o álbum, sem figurinhas já é interessante. As páginas são bem organizadas, no estilo de uma galeria enfileirada e organizada para apresentar inimigos, vilões, os mundos da Disney que já foram apresentados até aqui. É serio, ficou animal!

Já havia lido a notícia do álbum semanas atrás e não dei muita bola pelas imagens de divulgação que estão também aqui no post, porém pegue a minha galeria lá no topo da postagem, olhe as figurinhas e as páginas, da uma outra perspectiva acredito. Eu achei excepcional a forma como a Abril produziu esse álbum. E sim, ela produziu! Não veio pronto lá de fora, é uma versão exclusiva pra gente, quão bacana é isso!

E no embalo, também chegou as bancas essa semana um álbum baseado no primeiro game de Plants vs Zombies. Lá na galeria do topo da postagem, depois que você passar por todas as fotos do álbum do Kingdom Hearts vai topar com mais uma montanha de fotos do álbum PvsZ.

Aqui admito que talvez ele não seja voltado para um pessoal mais velho. Alias álbum de figurinhas em tese não é para adultos, mas você sabe, né? Todos temos aquela criancinha dentro da gente. O caso é que achei curioso ver a empolgação (espia só) na qual o pequeno Thales – de 3 aninhos – ficou com o álbum do game que ele adora jogar no iPad e no Xbox One. Ah, não se preocupe, eu não deixo ele jogar Garden Warfare online, então se você passa raiva com crianças pequenas nestes games que pedem um público um pouco maior, saiba que não é o Thales jogando mal online! Ele joga offline mesmo, se satisfazendo com os zumbis bots do modo Operação Jardim.

Voltando ao álbum, ele é bem simples, sem muitos textos, mas com a mesma quantidade de figurinhas do álbum de Kingdom Hearts. Ou seja, são 180 figurinhas para cada álbum. Alias ainda não tinha notado, mas as figurinhas da Abril são miudinhas, menor do que um padrão que vi em outros álbuns ano passado. Não que isso seja ruim, pelo contrário, achei até melhor, as páginas cabem mais figurinhas ou ficam melhores reorganizadas para caber artes internas. E o álbum do Plants vs Zombies é num formato quadradão, o que chama uma atenção maior da molecada na banca, enquanto o de Kingdom Hearts tem o formatão americano padrão, mais sóbrio.

Qualquer um dos álbuns tem o mesmo preço, 6 reais o livro e os pacotes de figurinhas são vendidos a 1 real o pacote, que contém 4 figurinhas. E eu to velho mesmo, sabe quanto custavam os pacotes de figurinhas quando eu era moleque lá na década de 90? Em torno de 10 a 25 centavos. Hahaha.

Porém hoje em dia, exceto se você for um colecionador de álbuns, e sim, eles existem, estes álbuns são para a criançada se divertirem. Trocarem figurinhas, colar e colecionar com os amiguinhos e a família. É mais por diversão do que a meta fincada de completar o álbum. Ano passado comprei um álbum das Tartarugas Ninja para o Thales e passamos meses num passatempo de colar figurinhas nesse álbum. Não completamos, e ficamos com toneladas de figurinhas repetidas aqui em casa. Algumas colamos nas paredes, outras na cama, até a esposa/mãe vir e dar um esporro na gente para que parasse de colar figurinhas em qualquer lugar. Aí resolvemos colar as repetidas dentro do álbum mesmo, nos espaços que faltaram. Rá! Álbuns e figurinhas são assim, tem que ser divertido!

Quem tem criança em casa ou um sobrinho(a) ou priminho(a), faça esse experimento de gerenciar um álbum com ele(a). Vai ser o máximo pra criança, fica aí a dica! E que melhor opção que um álbum gamer! Por favor, não vai me arranjar um álbum de figurinhas de futebol! Argh!

Tá dado a dica!

albuns-games-kh-pvsz

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios