JogandoRapidinhas

Coreano bullet-hell shmup, Shikhondo – Soul Eater, na próxima semana

Já faz um tempo que um bullet-hell shoot ‘em up não desperta tanto a minha atenção quanto Shikhondo – Soul Eater tem feito desde que tomei conhecimento deste título. Talvez Ikaruga tenha sido o último a fazer isso. Suspeito, por sinal, que fãs de Ikaruga devem ficar interessados por Shikhondo, que chega na próxima semana nas plataformas PlayStation 4, Xbox One e Nintendo Switch.

O jogo é um produção de um estúdio coreano chamado Deer Farm. Não é o primeiro shoot ‘em up deles, e nem é seu primeiro projeto (na verdade é o quinto game do estúdio), mas certamente é um dos que mais despertam atenção. A direção de arte e os visuais do jogo são incríveis, baseado nas mitologia asiática tanto para a ambientação quanto para os monstros que estão presentem ao longo da aventura.

Shikhondo – Soul Eater conta com cinco estágios repletos de desafios e explosões de tiros e inimigos por todos os lados. Há um modo cooperativo (local) para até dois jogadores e leaderboards globais para aqueles que almejam pontuar entre os melhores do ranking. Há grandes chefes ao final de cada estágio e poderes especiais para serem usados conforme o jogador realizar certas ações dentro do game. O jogo vem com seis modos de jogo para dar valor ao seu replay, incluindo aí o clássico modo arcade e também um modo boss rush.

O game está chegando aos consoles graças a parceria do estúdio com a Digerati, empresa que atualmente tem feito parcerias com diversos estúdios aos redor do globo para trazer seus títulos para diversas plataformas, incluindo aí os atuais consoles dessa geração. A Digerati está entre as principais publishers indies da atual geração.

No PC, o game está disponível no Steam desde outubro do ano passado. Nos consoles, Xbox One e PlayStation 4, o jogo será disponibilizado no dia 28 de agosto, quanto no Nintendo Switch seu lançamento está agendado para o dia 30 de agosto. No Xbox o game já está em pré-venda com 10% de desconto (R$ 24,30), enquanto no PS4 e Switch esse mesmo percentual de desconto será dado nos primeiros dias de lançamento do game em ambas as plataformas.

Certamente é um título que não tem um mercado inchado de concorrentes, ao menos aqui no ocidente, onde é mais comuns jogos independentes pertencentes ao gênero roguelike, metroidvanias e puzzles. É uma boa alternativa para aqueles que procuram por algo diferente. E certamente o game tem méritos e qualidades.

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios