JogandoRapidinhas

Ninja Gaiden: Master Collection reúne três vezes Ryu Hayabusa, chegando em 10 de junho

Três clássicos reunidos pela primeira vez

Chegando na mesma semana das lives da E3 2021, aparentemente sem medo de ser ofuscado pelo evento, Ryu Hayabusa volta para relembrar três de suas aventuras clássicas com o lançamento de Ninja Gaiden: Master Collection, que chega oficialmente em 10 de junho para PlayStation 4 e 5, Xbox One e Series, Nintendo Switch e PC.

A coleção remasteriza três títulos icônicos da franquia: Ninja Gaiden Sigma, Ninja Gaiden Sigma 2 e Ninja Gaiden 3: Razor’s Edge, todos desenvolvidos pela Team Ninja, estúdio pertencente a Koei Tecmo, que aqui também cuida da distribuição global desta franquia de games.

Vale apontar que a coletânea está trazendo aos fãs as campanhas solos de cada um destes clássicos, deixando de lado suas modalidades online, a qual hoje já estariam defasados dada o tempo em que cada um dos títulos fora lançado (2007, 2009 e 2012, respectivamente). Quando se pensar na forma como estes jogos funcionavam no passado, com aquele antigo sistema de host privado, e com seus servidores já há muito desligados, não faria mesmo muito sentido reformar tais modos de alguns destes títulos. Além disso, a atração principal destes jogos da série sempre foram suas campanhas single player.

Outro aspecto que se faz necessário mencionar é que todos os três jogos estão reunidos aqui em suas melhores versões previamente lançadas. Com todos os extras e DLCs com personagens jogáveis, lançados ao longo dos anos em que estiveram em alta. Quanto a remasterização, pode-se dizer que é aquela básica, feita para que os jogos suporte as atuais resoluções dos monitores e televisores. Não é o mesmo tratamento dado a remakes, quando os gráficos são refeitos do zero ou quase do zero. Por isso visualmente o título ainda pode soar um pouco datado para os dias atuais. Não que isso possa vir a torná-los menos relevantes. Longe disso.

É também uma forma da Team Ninja e da Koei Tecmo de reacender o interesse da comunidade com a franquia. Quem sabe isso não abre as portas para novos jogos de Ninja Gaiden? Certamente algo com os gráficos atuais se destacariam dentro os lançamentos ainda mornos de uma nova geração.

Por fim, bacana apontar que o título está chegando as plataformas já mencionadas pelo valor de 39 dólares. Menos do que o preço dos atuais lançamentos. Isso fará seu preço cair um pouco nas lojas digitais de cada console aqui no Brasil. No Xbox, por exemplo, a coletânea está saindo por R$ 147. Soa um valor legal para uma geração a qual os lançamentos tem saído por 350 reais. Acho um valor justo para três clássicos do passado, e que até então não estavam disponíveis para os atuais consoles.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.