Conversa de Mangá: Hunter X Hunter 320 – Eleição

Hunter X Hunter: Capítulo 320 foi disponibilizado dia 12 de outubro: “Eleição”.

Se você não sabe o que é o projeto Conversa de Mangá, clique aqui. Depois do “continue”, a gente conversa mais:

Aviso: Continue apenas se você já leu o capítulo 320 de Hunter x Hunter. Atualmente, acompanho o mangá pelo site Manga Stream, e a qualidade da scan é absurdamente fantástica! Basta não ter medo de inglês. Mas, em todo caso, a Punch Mangás tem a tradução em português. 😉

ATENÇÃO!!

Você acompanha este mangá apenas pelos volumes nacionais da JBC? Se sim, pare por aqui, pois o Conversa de Mangá é dedicado a comentar sobre os capítulos japoneses recentes, que ainda não foram lançados no Brasil. Se você não suporta spoilers, pare imediatamente por aqui. Eu coleciono HxH pela JBC também, mas não me importo de acompanhar com o Japão e depois adquirir os volumes encadernados. Se você também pensa desta forma, continue, mas recomendo que corra atrás dos capítulos 291 em diante, que são os que não foram lançados no Brasil no momento em que este texto está sendo publicado no blog.

Hunter X Hunter 320
Eleição

Disse no último CdM que escrevi (318) que não havia achado lá grande coisa a forma que o Togashi acabou terminando-o, com aquele monte de personagens bizarros em frente a sede da Hunter. Mordo a língua e admito que era realmente uma falsa impressão minha. Bastou surgir o capítulo 319 na semana passada para me simpatizar totalmente com alguns personagens, como o Pariston (Rato), na qual achei engraçado demais. Sem mencionar a presença do Ging, que pra mim foi uma surpresa totalmente inesperada. Jamais imaginei que Ging pudesse participar de um grupo assim, escolhido a dedo pelo próprio Netero. Se isso já havia sido mencionado no passado não cheguei a perceber. Adorei que o Togashi tenha de certa maneira trocado o Gon pelo Ging como destaque neste começo de saga eleitoral (aparentemente é este o tema da nova saga). Tem sim alguns personagens bizarros no grupo (Cavalo, Cobra, Cachorro e Dragão) que possuem uma estética bem esquisita, lembrando, pra mim, até mesmo o visual das Chimeras as vezes, mais animalesco do que humano. Sei que não tem nada a ver com as Chimeras, mesmo assim é estranho o visual.

Mas focando no capítulo 320, adorei ainda mais o Ging. Ele tem o jeitão do Gon, quer dizer, o Gon tem o jeitão do pai, né? Ficou muito engraçado algumas das cenas do Gin neste capítulo, e ele dizendo que pensou nisso porque seria mais divertido só melhorou ainda mais o clima de descontração que o mangá andava precisando, afinal, depois de tanto dramalhão. Ging acabou até mesmo ofuscando o Pariston neste capítulo. Mas o melhor é que ao contrário do Gon, parece que Ging é inteligente, pois bolou toda a estratégia para que suas regras acabassem prevalecendo num possível sorteio entre os Zodíaco, bolando até mesmo uma distração para que ninguém percebesse o esquema. Rá! Não quero mais saber do Gon. Ging para protagonista desta saga de HxH!

Claro que parece que o Gon ainda não será colocado de fora nesta saga. Já apareceu Illumi revelando que o Killua está negociando com sua família uma forma de salvar Gon.  Tudo nessa parte acaba ficando envolto de mistérios. Nem imagino o que o pai do Killua pode fazer para salvar Kon, nem porque Illumi diz que Killua (assim como Gon) vão acabar mortos desta forma e até mesmo qualé da conversa de um outro irmão mais novo que Illumi quer matar. Hisoka, que nem considero mais um vilão (ele está num meio termo, é um personagem cinza, indiferente de tudo), também fez uma ótima participação nesse capítulo. Adorei vendo ele avaliar as pessoas que estavam ali votando, inclusive os três membros do Zodíaco, que ganharam notas bem altas em relação aos demais. Alias Hisoka atrás de uma luta com o Ging? Seria massa se o Ging conseguisse dar uma surra no Hisoka, daquelas em que o personagem nem chegue a suar.

O capítulo ainda traz alguns dados interessantes sobre a votação, que acabou não sendo definitiva. Kurapika não foi votar? Por que será? Togashi também não mencionou o nome do Leorio em lugar algum. Será que ele pretendo usar alguns dos dois personagens em breve? Na página dupla deu para matar a saudade de um monte de personagens clássicos. Ótima idéia do Togashi em mostrar eles, apesar de que depois de tantos anos de mangá e hiatos, nem consigo me lembrar de todos, inclusive da lista com os nomes usados no final do capítulo. Tem alguns ali que só colocando no Google para lembrar quem são. E Pariston ganhou um montão de votos logo de primeira. Será que ao longo das novas eleições haverá alguém que consiga superar o Rato? Apesar de que ainda não cheguei a conclusão se Pariston seriam bom ou ruim como Presidente da Hunter. Ele me parece novo, é claro, mas não consigo pensar em ninguém do nível do Netero para coordenar a associação.

Hunter X Hunter terminou com o dramalhão do arco Chimera Ants (não que o dramalhão em si seja algo negativo), e começou um novo arco trazendo aquilo que Hunter X Hunter tem de melhor: criatividade ao se criar novos personagens, curiosidade do leitor de ver um universo tão diferente de tudo que conhecemos e a expectativa de outro arco tão original quanto todos os outros que já tivemos nessa série. Togashi criou algumas rotas e caminhos para esta saga, mas ainda é muito difícil para a gente tentar adivinhar qual estrada a história irá pegar. Show!

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
More from Thiago Machuca

Bastidores: 12 novos banners para o blog!

Ok, post óbvio se você já está navegando pelo Portallos desde ontem....
Read More