JogandoReflexões & Opiniões

Gears of War 2 | Ok, vazou, e agora? Onde começa a má-fé?

Nessa altura do campeonato você já deve estar sabendo que Gears of War 2 vazou na internet. Eu não ia comentar sobre o assunto aqui no blog, até porque sou contra a pirataria, apesar de também entender que num país como o Brasil, nunca a coibiremos por completo devido a algumas questões sociais e políticas mal resolvidas. O que irei comentar pode ser entendido como uma indireta ou cutucada em algumas pessoas, mas não sei ficar de boca fechada.

Até tudo bem o game, um dos mais esperados do ano, vazar na internet e acabar nas mãos de gamers. Seja cópias ilegais via torrent ou cópias originais que lojistas acabam passando antes da hora. Isso acontece. Não aconteceu com Grand Theft Auto 4 algumas semanas antes de seu lançamento? Aconteceu. Imagino que a ansiedade e a expectativa de alguns, principalmente quando falamos nos americanos, que são muito mais vidrados nesse mercado do que, nós, brasileiros, é normal que alguém, de má-fé ou de sacanagem mesmo, acabe ignorando as regras da brincadeira e solte no mercado o game antes da hora.

Particularmente não sou uma pessoa que infarta ou tem um treco se não jogar determinado game no dia do seu lançamento. Não sou fanático a ponto de querer pegar o game no dia que lança, correr pra casa, jogar ele e só sair do sofá quando encerrá-lo. Qual a graça disso? Poder me gabar na internet que já fechei e sei o final do game?

Enfim, não é para isso que estou escrevendo este post. Vazamentos acontecem. As vezes a empresa consegue coibir e proibir que ele se alastre. Segundo alguns sites reportaram, a Microsoft e a Epic já estão identificando os consoles que rodaram o game antes do lançamento e irão banir todos os espertinhos que não tem paciência para esperar começar a brincadeira. O responsável também pelo vazamento também parece que foi encontrado e será punido pelas leis americanas. Ótimo, pois odeio gente que não sabe brincar.

Mas o que me deixa mais revoltado não é o gamer que joga antes, afinal, ele é gamer! A paixão pelos games fala mais alto. Claro que é um risco que ele vai assumir se a Microsoft realmente resolver bani-lo. O que me deixa revoltado e ao mesmo tempo decepcionado são alguns veículos da mídia que acabam se aproveitando do vazamento.

Hoje estava passeando por alguns blogs, sites e fóruns brasileiros para ver quem estava sendo sacana e quem não estava. Descobri que alguns lugares brasileiros já afirmaram terem jogado Gears of War 2, fecharam o game e inclusive estão para soltar o review nos próximos dias. Obviamente que a versão jogada é a vazada. Isso sim é uma falta de ética gigante pra mim. Acredito que se você mantém um blog ou um site, o mínimo que você pode fazer é ser correto.

É a famosa prática de querer sair na frente a qualquer custo. Tudo bem que sites americanos postam reviews antes do lançamento em alguns casos, mas eles tem acesso ao game pelas produtoras. Aqui no Brasil não tem isso, salvo raríssimas exceções.

Querer jogar o game devido a ansiedade e expectativa dele é uma coisa, mas querer dar uma de espertalhão, se aproveitar de um vazamento e querer tirar proveito disso não só deixando óbvio que jogou tal versão, ainda fez um review dela e ainda se gabar de ser um dos primeiros a ter o review do game em mãos? É uma tremenda palhaçada pra mim.

O Portallos irá sim cobrir e fazer matérias sobre Gears of War 2. Mas faremos na data correta. Teremos o game em mãos, após a data de seu lançamento e iremos brincar, jogar e falar sobre o game, na hora certa. Não seremos oportunistas e nem incentivaremos essa prática chata de querer ser o primeiro a ter informações. Não temos pressa.

Concluindo, minha revolta não é com você que baixou e jogou o game. Tudo bem, aconteceu, você não se aguentou. Mas você aí do outro lado que não só baixou, mas jogou e encerrou numa tapada e agora está escrevendo o review da versão vazada… você é um sacana e não sabe participar honestamente do mundo gamer.

Obs: Não vou apontar os locais onde vi isso acontecendo. Cada um que olhe seu próprio umbigo e veja a sujeira dele. A minha intenção aqui é apenas partilhar da minha opinião.

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.