Lendo

HQ: Disney Big parece uma ótima idéia

Ontem dei um pulinho na cidade vizinha aqui e acabei achando a Disney Big, que graças ao duvidoso sistema de distribuição de HQs no Brasil, não chegou na minha cidade no fim de Dezembro. Esta HQ é uma edição especial com 300 páginas que a Editora Abril lançou no mês de férias e que serviria como um prelúdio para um novo título que deve chegar as bancas nos próximos meses, e que está sendo chamado de Gibiteca Disney e terá “quase” o mesmo formato da Disney Big.

Por que quase? Segundo informações na internet A Gibiteca Disney terá histórias temáticas como da clássica Disney Apresenta da década de 80/90. Já é a segunda ou terceira vez que a Editora Abril tenta reviver esta revista. O grande problema é que uma revista com 300 páginas, a R$ 13 com histórias de uma única tema não parece tão atraente assim como o trabalho que fizeram em Disney Big.

Com a revista em mãos pude conferir a seleção de histórias e digo que a escolha não poderia ser mais feliz. Achei que a revista teria apenas histórias com a temática Férias, por ter saido em Dezembro e ter sido exatamente esta a proposta na época, mas me enganei. A revista basicamente reuni num único volume praticamente tudo que há de bom nos quadrinhos Disney.

Pra começar há 3 histórias completas de Don Rosa, o pupilo de ouro de Carl Barks que desapareceu das publicações habituais da Editora no Brasil. De Volta a Trá-Lá-Lá, A Primeira Invenção do Pardal: Nasce o Lampadinha e Fugindo do Vale Perdido são obras primas de Carl Barks, apesar de serem republicações. Outros artistas consagrados também participam deste volume como Marco Rota, Paul Murry, Arthur Faria Jr., Ivan Saindeberg, Carlos Edgar Herrero, Tony Strobl, Massimo de Vita, Call Fallberg, Paul Halas, William Van Horn e muitos outros.

Tem histórias com o Tio Patinhas, Donald, Peninha, Mickey, Superpateta, Clube dos Heróis, Zé Carioca, Urtigão, Margarida, Pena das Selvas e Prof. Lodovico. Isso mostra a bandeja de personagens e variedades que o Universo da Disney em HQ pode oferecer. Histórias de aventuras, trapalhadas, mistério, paródias etc. O que é bem importante e talvez não deixe a Gibiteca Disney tão bacana quanto ela pode parecer.

Mas o jeito é esperar. A primeira edição já foi definida: Futebol. Não sei porque, mas em termos de temas, eu preferia muito mais a extinta Edição Extra que trazia temas bem mais interessantes como histórias com apenas um personagem em si [Metralhas, Maga Patalógica, Morcego Vermelho etc] ou com temas mais interessantes como Viagens no Tempo ou As Mil Faces do Peninha.

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.