Japão

Animê Clássico | Tonari no Totoro de Hayao Miyazaki! – Meu Vizinho Totoro (1988)

Como diz o título desse post, Tonari no Totoro é um animê longa-metragem produzido em 1988 por Hayao Miyazaki. Você provavelmente deve saber quem é Miyazaki, mas caso não saiba, ele é o produtor das mais recentes animações “A Viagem de Chihiro” (2001) e “O Castelo Animado” (2004), produções recentes e com maior fama entre a galerinha mais jovem aqui no Brasil, sem mencionar que estas duas obras são vendidas oficialmente por aqui no formato DVD. Em 2008 se a Disney não bobear, deve ser lançado nos cinemas brasilieros  a animação Ponyo, a mais recente produção de Miyazaki, feita em 2008. Mas vamos deixar o futuro de lado e vamos para o passado… para 1988!

A verdade é que Miyazaki já produz animações desde a década de 70 e muitas são desconhecidas neste lado do globo.  Em especial a animação deste post, que ficou conhecido por aqui como Meu Vizinho Totoro (My Neighbor Totoro nos EUA). Admito que apesar de saber da existência da animação, nunca tive a oportunidade de assisti-la. Pesquisando pela internet, descobri que Totoro foi até lançado aqui no Brasil em VHS, mas admito que nunca vi em nenhuma locadora em que frequentava nos velhos tempos de videocassete, e mesmo que visse, duvido que alugasse. Quando criança, não ligava muito para estas produções japonesas (Até Cavaleiros dos Zodíacos e Pokémon virarem febre na década de 90, é claro).

Mas nunca assisti Totoro, e por isso resolvi procurar na internet e ver neste fim de semana, já que estou em dia com as séries americanas e os animês que acompanho. Achei uma belíssima versão em widescreen feita pelo fansub Okaeri ripado do DVD japonês. Assisti direto na minha TV de LCD, graças a conexão PC e X360 e ficou show a imagem! Fiquei admirado com a simpática história e seus personagens. Realmente é de ficar impressionado o quão bacana é a animação, ainda mais sabendo que foi feita em 88. Não é à toa que Miyazaki é considerado um gênio.

MyNeighborTotoro

Totoro acaba não tendo a complexidade que Castelo Animado ou Chihiro tem, com uma trama repleta de detalhes e muitos personagens secundários, é algo bem mais simples, mas apaixonante. Agora entendo por Totoro é tão famoso.

A cena da chuva por exemplo, com Totoro, um guarda-chuva e um gato-ônibus é algo simplesmente genial. Algo que quem assiste nunca vai esquecer, como se fosse um daqueles detalhes de um conto de fadas. Claro que se for analisar, o final do filme é um pouco fraco. Estava esperando uma grande tragédia ou algo que fosse chacoalhar o universo dos personagens, mas não. Termina como se fosse um dia qualquer. Talvez seja esta a proposta mesmo do filme, esse é o mal de estar acostumado com animações da Disney. Fiquei ali esperando um vilão para abalar o s momentos finais do filme e não rolou. Sempre estranho quando uma história não tem um antagonista à altura do protagonista. Mas ainda assim a animação se sai muito bem.

Resolvi criar este post para quem ainda não teve a oportunidade de assistir essa animação. Vale a pena conhecer esse clássico dos cinema Japonês. Fiquei tão empolgado com esse trabalho do Miyazaki que já estou considerando assistir outras produções mais antigas do diretor, para ver se tem a mesma qualidade que Totoro. Provavelmente devo ver se encontro “Kiki’s Delivery Service“, de 1989 e depois conto por aqui o que achei. Se alguém quiser recomendar uma outra obra de Miyazaki para dar uma olhada eu agradeço.

Onde baixar Tonari no Totoro? Baixei a versão em DVD-Rip pelo Okaeri lá na Anime Central. Precisa ser registrado para baixar (Dica: Sempre fique de olho no seu ratio para não ser banido. Leia o FAQ lá). O link do torrent é este aqui.

UPDATE DE “ALGUNS ANOS DEPOIS” – Não baixe Totoro pela internet. Não vale mais a pena! Sério! O Brasil recebeu em 2014 um belíssimo box contendo algumas das históricas pérolas do Estúdio Ghibli e Meu Vizinho Totoro está no primeiro box. E ele ainda pode ser encontrado neste link da Livraria Cultura. Faça favor a si mesmo, compre o box oficial (em DVD ou Blu-Ray)!

Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.