AssistindoSeriados

Chegou a hora das seletivas em Glee! [PdS] [2×09]

Glee

Glee: 2º Temporada, nono episódio (2×09) foi exibido nos EUA dia 30 de novembro: “Special Education”

Enquanto isso no Brasil: Glee é exibido no Brasil pelo canal pago FOX. Atualmente o canal exibe a primeira temporada todas as quartas feiras às 22:00.

Aviso: Continue lendo apenas se você já assistiu o nono episódio da 2ª temporada de Glee. Haverão spoilers! Caso ainda não tenha assistido, assista apenas o vídeo (promo do episódio) após o “continue lendo” e depois não prossiga com a leitura.

Àqueles que ainda não conhecem o Papo de Série, basta clicar aqui e ficar por dentro do projeto. Depois do “continue”, conversamos mais.

As seletivas chegaram em Glee trazendo um episódio melhor que o do ano passado, porém muito batido. No episódio anterior, a única coisa relevante foi o fato de Kurt ter saído do Mckinley High e o News Directions a uma semana das seletivas por causa dos constantes assédios de Karofsky. Nesta semana (passada) assim como aconteceu no último ano, coisas começam a desandar no grupo bem no dia da competição.

Como se já não bastasse a falta de um dos membros do grupo, fazendo com que Will começasse uma busca desesperada pelo décimo segundo integrante, depois de muitos episódio somente aparecendo para fazer seu solo semanal, Rachel acha um motivo para voltar ao destaque. Motivo bem ralo para um escândalo tão grande, bem, essa é Rachel. Curiosamente, durante sua conversa com Kurt antes das apresentações, vimos que Rachel sabe ser simpática quando ela quer. Mas ela não quer.

Bem, com Rachel no nível de chatisse no máximo e Will se esgotando nos berros, o segundo resolve mudar um pouco a apresentação das seletivas. Aliás, o episódio não poderia ter começado de um jeito melhor do que com a Emma falando das aprentações mais do que batidas que o New Directions vinha fazendo.

Glee

Eu poderia fazer um grande parágrafo para falar da nova integrante (que não irei nem procurar saber o nome) se eu não soubesse que ela é só uma figurante qualquer para preencher o espaço do Kurt até sua volta (alguém acha que isso não irá acontecer?). Aliás, ela já deu até um motivo para facilmente sair do grupo. Gosto de chamar essas mudanças que obviamente serão retrocedidas de s1índrome de Jesse.

Enquanto isso, Kurt em seu novo colégio já começa a sentir os pesos negativos que a mudança trará. Kurt basicamente gosta de aparecer e brilhar, assim como Rachel, e dificilmente se acostumaria com essa sensação de padronização que os Warblers passam. Ele com certeza não conseguiria ser só mais um. Essa é mais uma evidência de que Kurt só está passando por uma crise de síndrome de Jesse, afinal mesmo que o personagem esteja sendo usado e reusado exageradamente nessa segunda temporada, não creio que os produtores irão retirá-lo no final das regionais. Se apenas acalmarem sua história e derem a chance para outros personagens construírem uma, ele ainda tem muito o que contribuir na série.

Diferente também do ano passado foram os competidores, onde ano passado as duas equipes fizeram musicas de última hora, para utilizar a lista do New Directions, agora vimos verdadeiros competidores. Até mesmo os velhinhos do Hippsters deram um show. Os protagonistas, mesmo tentando inovar, mostraram que é difícil sair do formato padrão de apresentação. Eu já não aguento mais os cantores saírem de trás da platéia como se fosse algum tipo de surpresa. Isso foi muito legal nas últimas seletivas e até mesmo as regionais, mas agora acho que já está na hora de criar algo novo. Outra coisa que não gostei foi de Sam. Pode parecer implicância mas eu acho que ele tem uma voz muito fraca/genérica. Se não fosse a Quiin ali ele teria levado “The Time of My Life” à perdição total. Bem, mesmo com esses problemas, a apresentação do News Direction foi excelente. “Valerie” foi uma uma apresentação muito empolgante, além de finalmente usar o talento de Mike e Brittany. Eu até vi Finn dando alguns passinhos que eu achei que ele nunca conseguiria.

Glee

Para terminar as Seletivas só faltou falar dos Warblers. Só achei uma palavra que expressa o que eu achei da apresentação deles: “bleh”. Não que tenha sido ruim, mas não passou aquele sentimento de uma apresentação digna de competição, além de não acrescentar em nada o que eles já haviam mostrado. Simplesmente não cheirou nem fedeu. Para terem uma idéia, o ponto alto da apresentação foi a Rachel acenando para que Kurt sorrisse mostrando os dentes, afinal, se ele tem ou não dentes ainda é um mistério. Agora não preciso nem dizer o que eu achei do resultado. Injusto. Como algum juiz pôde achar a apresentação deles comparável à do New Directions? O único motivo que eu posso ver é o de colocar os três glee clubs principais juntos nas regionais. Ainda assim achei algo bem forçado…

E nesse episódio Sue não apareceu. É sempre uma falta quando ela não aparece, mas realmente acho que ela não se encaixaria em nenhum lugar. Mas um personagem que deu as caras foi Emma, que só deu o ar da graça para jogar um “pequeno” balde de água fria em Will, mas ele não aprende mesmo. Ele que já se esfregou com metade do elenco feminino da série (até Rachel quase que não escapou). Sinceramente, esse papel de apaixonado ferido não cola mais. Ele reclama tanto de Terry, mas ele mesmo não larga o osso de Emma. Pelo menos ela nunca o traiu, e , querendo ou não, ela realmente fez tudo por amor a seu marido.

Glee

Próximo episódio, especial de natal. Sinto um forte cheiro de solos da Rachel…

Músicas do episódio

– “Don’t Cry for Me Argentina”. Interpretada originalmente no musical Evita.

– “The Living Years”. Interpretada originalmente pela banda Mike & The Mechanics.

– “Hey, Soul Sister”. Interpretada originalmente pela banda Train.

– “(I’ve Had) The Time of My Life”. Interpretada originalmente por Billy Medley em parceria com Jennifer Warnes.

– “Valerie”. Interpretada originalmente pela banda The Zutons.

– “Dog Days Are Over”. Interpretada originalmente pela banda Florence + The Machine.

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Hugo Crisostomo

Viciado em séries e em jogos de RPG. Normalmente sem tempo para nada mas a hora de assistir minhas séries é sagrado! Odeia pessoas que preferem miojo de carne.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.