Jogando

Prototype 2: Activision promove o encontro nada amigável entre criador e criatura!

O glorioso Infamous já se foi infelizmente, mas e agora? Qual outro herói injustiçado pela humanidade correndo contra o tempo num mundo aberto e cheio de possibilidades podemos hypar no mundo dos games? A Activision pede a sua atenção para Prototype 2 dizendo que o novo candidato a protagonista no lugar de Alex Mercer é a personalidade ideal para isso. Daí você pergunta: porque o sucessor e não o próprio Mercer vai figurar como o centro das atenções? Porque a luz divina da inspiração tocou a face dos produtores do jogo e eles decidiram que a nova trama vai colocar dois gladiadores para tratar de um assunto um tanto complicado.

[nggallery id=586]

James Heller é o nome dele, ele é um pobre sargento do exército americano buscando paz que acaba de voltar para a cidade de Nova York Zero, como é chamada no game. Lá, além de perder toda a sua família na devastação do vírus promovida pelo nosso já conhecido Alex Mercer, ele ainda é infectado pelo protagonista do primeiro game. Mas ao invés de morrer agonizando como os demais, a mais nova adição à história ganha poderes similares aos de Alex, começando assim uma caçada pelo seu criador em busca de vingança pelo que foi feito a sua mulher e filha, agora a paz vai ter de esperar. Um enredo que é no mínimo interessante, até mesmo para quem nem jogou o primeiro ainda.

A coisa fica ainda melhor se você pensar nas possibilidades que o game da Activision oferece. Sem querer comparar muito, mas já fazendo comparação, se em Infamous eu tinha que me conter para não pender demais pro lado maléfico do personagem, em Prototype essa limitação inexiste, tudo é grotesco demais, pavoroso demais e chega até aparecer um filme de terror onde o caos predomina a olhos vistos em todo e qualquer canto da cidade. E talvez seja esse o maior diferencial que instigue o interesse do jogador, portanto vai ser uma experiência e tanto usar e abusar da destruição e não se preocupar tanto assim com a nossa raça humana, deixemos isso para a realidade.

[nggallery id=587]

E quando os produtores falam sobre o game, o discurso é o de sempre: melhorar o que estava bom e dar um jeito no que não agradou tanto assim na primeira edição. Na lista de elementos novinhos em folha a integrar na trama temos inimigos grandes e trabalhosos como os Hunters, que exigem que você desmembre peça por peça do bichano para pô-lo no chão definitivamente, além deles ainda temos os Juggernut, que são criaturas ainda maiores que os Hunters e vão exigir que você apele mais para o seu cérebro e nem tanto para sua emoção. A ação agora também acontece no subterrâneo da cidade. O que há lá a Activison ainda não nos revelou, mas deixou claro que a experiência de batalha debaixo da Terra será totalmente diferente de estar em solo.

Armamento pesado aqui também não vai faltar assim como nunca faltou no game anterior, ou seja, se você não estiver afim de sujar a tela com toneladas de sangue ou achar que mostrar seus tentáculos ao inimigo é algo muito feio de se fazer, basta arrancar pedaços do canhão mais próximo que encontrar ou surrupiar alguns armas da guarda Blacksmith e pronto. Você estará apto a transformar Prototype 2 em um momentâneo shooter frenético, ainda que a câmera não pareça ajudar muito neste aspecto.

Prototype 2 chega para PlayStation 3, XBOX 360 e PC no dia 24 de abril de 2012, tempo suficiente para atrasados como eu conferirem o primeiro jogo. Mais vídeos depois do continue.

Isso também pode lhe interessar

K o n S a m a

Do ser sem razão a essa explosão de emoção, do preguiçoso leitor ao (meia-boca) escritor, do tímido calado ao ator inquieto, do caminho já traçado à esquina do destino incerto. Tentei me definir, mas sem sucesso. Games, filmes, música, animes, são só o começo desse quebra-cabeça sem nexo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.