XCOM: 22 minutos de gameplay e toda a árdua luta do homem contra a raça alienígena! [PS3/X360/PC]

E aqui estamos novamente com aquele game que era exclusivo do XBOX 360 e subitamente se tornou multiplataforma. XCOM é uma homenagem aos clássicos games da série que tanto fizeram sucesso no passado. A idéia aqui é mostrar mais uma vez um dos sonhos do cinema: a nossa brava luta contra uma possível invasão por parte dos extraterrestres.

Até aí tudo bem, os problemas talvez talvez deem as caras quando o gameplay começar a rolar. A série XCOM ficou marcada na memória dos mais saudosos por sua jogatina mais estratégica que se baseava em ações por turnos. Já a mistura de releitura da trama e apresentação dos princípios da notória organização preza muito mais o gênero FPS. Isso é ruim? Não sei, não acompanhei os games clássicos da época para dizer o que acho, os fãs mais puristas podem chiar bastante com essa mudança, já quem é recém chegado no assunto talvez tenha bons motivos para apostar no game.

[nggallery id=641]

A ambientação dos anos 50 está muito bem retratada na minha opinião e dá aquela sensação de filme sci fi das antigas, recriando bem o clima retrô de investigação dos extraterrestres. Seguindo para o gameplay, o título possui elementos interessantes que podem prender a sua atenção na frente do vídeogame. Os 22 minutos que você confere a seguir mostram que o jogo preza pelo trabalho em equipe. Você sai em missões que envolvem não só deter as curiosas formas de vida que mais parecem manifestações de luz como também capturar suas tecnologias e até mesmo salvar civís, tudo depende do que manda o figurino da missão.

Apesar dos gráficos serem outros e o velho sistema por turnos deixar de ter o seu propósito aqui, as batalhas também tem algumas opções mais estratégicas para lidar com a ameaça. Para derrubar as defesas inimigas por exemplo, podemos solicitar que um dos parceiros vire a isca enquanto os restantes aplicam a devida saraivada de balas nos coitados. Felizmente isso não significa que eles estejam imunes aos ataques, se um dos seus cair no meio do tiroteio é seu dever ajudá-lo a se reerguer paa a conclusão da missão e algumas habilidades como tiros que criam escudos ao redor do alvo ajudam muito em horas onde é necessário dar apoio.

Como não poderia ser diferente, alguns inimigos dão mais trabalho que outros, mas o interessante é que o armamento também permite que você extraia a tecnologia alheia e ainda possa usá-la mais a frente. Sao poucos detalhes que tornam a jogatina aparentemente um pouco mais desafiadora, mas se você não gostar de nada disso você ainda terá duas escolhas: voltar para Call Of Duty Modern Warfare 2 ou voltar às velhas edições de XCOM no MSDOS, caso você queira ser mais radical.

[nggallery id=642]

Lembrando que esta demonstração esteve presente na E3 deste ano, a novidade são os comentários no vídeo. Se você perdeu algum detalhe sobre a história, o sistema de níveis dos agentes e a estrutura de operações, a demonstração abaixo também é uma boa oportunidade de conhecer melhor o game.

O game tem previsão para o mês de março de 2012 com versões para PlayStation 3, XBOX 360 e PC.

Isso também pode lhe interessar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.