Jogando

Os carros quase indestrutíveis de Ridge Racer Unbounded já tem data para chegar! [PS3/X360/PC]

A coisa não está fácil quando o assunto é buscar novas idéias para games de corrida, enquanto Need For Speed foi buscar inspirações no cinema, Dirt seguiu levantando poeira, e Burnout continua tirando suas merecidas férias, o velho de guerra Ridge Racer volta às pistas deixando todo o glamour do passado de lado para dar lugar à disputas perigosas com direto a muita destruição. A idéia nem de longe é inovadora e já temos títulos que dominam nessa área, mas a Bug Bear garante que a destruição não se limitará aos carros e vai envolver também o cenário a sua volta, possibilitando até mesmo que o jogador faça emboscada jogando por exemplo parte de uma construção inteira contra os outros veículos ou mesmo derrubar uma ponte e evitar que quem está atrás de você siga viagem.

A coisa toda basicamente consiste em realizar manobras como drift para ganhar pontos e encher uma barrinha vermelha na parte inferior do vídeo. Assim que a mesma está cheia você consegue ver quais locais podem ser alvo de batidas, o que também pode proporcionar alguns corta caminhos na corrida. O único problema é que fica meio estranho um carro comum bater contra edifícios inúmeras e só explodir quando um outro carro toca nele. Mas se você não liga nenhum pouquinho para o que chamamos de realidade talvez você curta o game, os gráficos estão de bom tamanho, as pistas parecem ter mais liberdade de direção do que aparentam, a sensação de velocidade demais é boa e ainda haverá a opção de criar pistas e fazer a sua própria arena de batalhas com esses carros de outro mundo.

Ah… e para que não voltemos a confundir o game com Burnout, a Bug Bear já anunciou que o game, ao contrário da criação da Criterion, não se passará num mundo aberto. Não sei se isso resolve o caso, mas fica aí o recado. Ridge racer Unbounded chega no dia 06 de março de 2012 para PlayStation 3, XBOX 360 e PC.

Isso também pode lhe interessar

K o n S a m a

Do ser sem razão a essa explosão de emoção, do preguiçoso leitor ao (meia-boca) escritor, do tímido calado ao ator inquieto, do caminho já traçado à esquina do destino incerto. Tentei me definir, mas sem sucesso. Games, filmes, música, animes, são só o começo desse quebra-cabeça sem nexo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.