Lendo

Prévia: Almanaque do Zé Carioca nº 5 – Dez/11

Somente histórias do Morcego Verde – versão Batman! o/

Última prévia dos almanques de dezembro. Perdeu as outras prévias? Bem, veja aqui: Almanaque do Pato Donald nº 5, Almanaque do Mickey nº 5 e Almanaque do Tio Patinhas nº 5. Quanto a prévia deste post, digo e repito: a primeira página você confere acima, enquanto as demais estão após o “continue lendo”. E o mês está chegando ao fim, as prévias de janeiro irão começar já nesta primeira semana de 2012, assim como o checklist do mês com as capas já reveladas. 😉

 Almanaque do Zé Carioca nº 5 – Dez/11

  1. O Comissário (9 págs) (1995) (Inducks)
    Roteiro: Arthur Faria Jr.
    Desenho: Paulo Borges
  2. A Vingança do Descarado (12 págs) (1996) (Inducks)
    Roteiro: Arthur Faria Jr.
    Desenho: Paulo Borges
    Arte-final: José Wilson Magalhães
  3. S.O.S. Vila Xurupita (20 págs) (1996) (Inducks)
    Desenho: Paulo Borges
  4. Nosferrato (8 págs) (1996) (Inducks)
    Roteiro: Raimundo Guimarães de Cerqueira Júnior
    Desenho: Paulo Borges
    Arte-final: José Wilson Magalhães
  5. Enfrenta Branca de Neve (9 págs) (1996) (Inducks)
    Desenho: Paulo Borges
  6. As Duas Faces do Morcego (15 págs) (1997) (Inducks)
    Desenho: Paulo Borges
    Arte-final: José Wilson Magalhães
  7. Uma Vez Malandro… (5 págs) (1995) (Inducks)
    Desenho: Aparecido Norberto

E aí está, conforme prometido hoje mais cedo, a prévia com o Morcego Verde de 1994 que qualquer pode encontrar nas bancas de todo o país. Achei um pena que a Editora Abril não tenha dedicado uma página ou até mesmo um pequeno quadro em algum lugar explicando a origem desde Morcego Verde. Entretanto a edição ainda assim está imperdível. A primeira HQ da edição, por exemplo, temos a primeira aparição do Delegado Porconi, que aparece em outras histórias desse Morcego Verde a la Batman. Acho hilário o Zé o chamando de comissário e o Porconi ficando irritado porque ele é delegado.

Pela prévia dá para perceber que os desenhos dessa fase do Zé Carioca são bem diferente das histórias normais. Os quadros são mais escuros, mais flexíveis, com quadros fugindo da padronização. O Zé também está mais heróico, caçando bandidos de verdade, encontrando vilões baseados na mitologia do Batman, como na segunda HQ quando ele encontra o “Sem-Cara”. Rá!

Também é revigorante ver histórias brasileiras com mais de 10 páginas. Neste alamanque dá para encontrar uma com 12 páginas, outra com 15 e um com 20 páginas no total! Bom demais! Esta também é a primeira vez que a Abril prepara uma capa inédita para a linha dos almanques. E a capa como podem perceber é uma paródia com a boxart da capa do game de Batman Arkham City. Show!

Um almanaque certamente histórico. E espero que seja o primeiro de muitos. Que a Abril regaste outras HQs dessa fase do Morcego Verde, como as que citei no post de hoje de manhã sobre o Morcego (não viu? clique aqui).

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.