JogandoMiscelânea

Game On: Um passeio na história dos Games!

Exposição no Museu da Imagem e do Som nos guia pela história dos games!

Este domingo finalmente fui ao Museu da Imagem e do Som, onde estava ocorrendo uma exposição sobre a história dos Games. Batizada de Game On a exposição foi de Novembro do ano passado e se encerrou nesta terça-feira, como todo bom brasileiro fui apenas na última semana, infelizmente não fui em tempo hábil para recomendá-los, mas deixo o registro de um evento que deveria retornar para todos conferirem.

Passei um longo tempo na fila, cerca de uma hora e meia, mas a persistência foi mais forte e pude conferir de perto a Game On. Na exposição pudemos ver peças de museu dos games, como arcades dos clássicos Donkey Kong, Pac Man e vários outros que podem ser vistos nas fotos mais abaixo.

Na exposição pudemos conferir não apenas peças de museu, mas interagir com elas, jogos como o clássico Pong estavam lá em sua concepção original para serem jogados por todos em uma telona para uma partida multiplayer, e claro que eu aproveitei muito, não apenas esse, mas tantos outros consoles.

Havia diversos portáteis ali disponíveis, além dos atuais para degustação, com jogos como Pokemon. Pokemon teve até um espaço bem singelo mas imteressante ver que os monstrinhos foram lembrados pelos organizadores do evento de forma dedicada, e dentre os jogos tinhamos Hey You Pikachu onde pude conversar com meu parente que se recusava a me obedecer, e sequer entendia minha pronuncia de “Playstation”, numa tentativa de tentar deixá-lo bravo, em meio a todo aquele barulho.

No lado dos consoles de mesa, pude jogar um PC Engine e me divertir com o primeiro dos Street Fighters, além do Jaguar e tantos outros consoles, até mesmo os mais atuais como o Dreamcast e o velho primeiro XBox.

Ainda numa viagem pelo tempo, dentre os games presentes estavam Final Fantasy 7 no Playstation ao lado do primeiro FF e de Zelda: Ocarina Of Time. Nos console, o Kinect marcou presença por lá, e um jogo clássico de dança com o velho tapete dos consoles de mesa, cujo nome não me recordo, ao lado de Guitar Hero para mostrar as tecnologias do “futuro”.

O que achei mais sensacional foi ver alguns desenhos feitos pelo pŕóprio Shigeru Miyamoto de Mario e Donkey Kong, da época do Gamecube. Falando em artes, alguns desenhos conceituais de games estavam lá na exposição, dentre eles, conceitos do GTA 3, se não me falha a memória, e na lista de coisas bizarras e estranhas, havia as roupas de Max Payne em exposição.

A parte dedicada as trilhas sonoras dos games era bem singela com muita pouca coisa, faltou falar de muitos compositores importantes dos games, e de jogos como Final Fantasy que tem uma das trilhas mais lindas, além de Zelda e os jogos da Nintendo, ou mesmo explorar melhor os jogos da era 16 bits e suas trilhas que merecem uma atenção tamanha.

Tudo isso me faz lembrar da minha relação com os games, que se iniciou com o velho Atari. E vocês amigos leitores qual foi seu primeiro contato com um videogame?

Foi um passeio nostálgico em mais de duas horas de caminhada por todo o espaço onde pude tocar games que jamais vi além de consoles que jamais vi, embora muitos deles estavam indisponíveis, onde indisponível quer dizer alguém estava jogando e não largava nem a pau, e pude notar que meu mais divertido entretenimente está se tornando uma peça de museu. A exposição parecia mais um fliperama com consoles e arcades disponíveis para jogatina, mas quem é que conseguia ficar para terminar um jogo?

Enfim, abaixo vocês conferem toda a galeria de fotos numa viagem pela história dos games em mais de 100 imagens, e saibam que nem ao menos eu havia jogado muitos deles, não sou tão velho assim e sequer consigo dizer o nome de todos os consoles que vi.

Isso também pode lhe interessar

Pikachu

Gamer e nerd, meus gêneros favoritos são RPGs e Adventures, e claro que adoro Pokémon. Aprecio uma boa música também, em especial o bom e velho Rock N' Roll e o Metal e suas vertentes.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.