Saint Seiya Ômega – World Premiere – Eu fui!

Evento da Toei em São Paulo exibe nova e promissora série de Saint Seiya.
Saint Seiya Ômega

Na última sexta-feira (30/03/2012), aconteceu em São Paulo o evento intitulado “Seiya Night – Saint Seiya Omega World Premiere” realizado no Japão e exibido simultaneamente no Brasil, França e Taiwan, países que foram selecionados a dedo pela própria Toei Animation para sediar a pré-estreia do novo anime de Os Cavaleiros do Zodíaco Ômega (título original no Brasil).

Para esta empreitada, a Toei contou com a importante ajuda do maior portal da série no Brasil, CavZodiaco.com.br, que além de divulgar informações em primeira mão sobre a série que estava por vir, a equipe ficou responsável pela seleção dos fãs que compareceriam no evento. Os 250 primeiros inscritos tiveram a oportunidade única de acompanhar tudo que rolou neste dia e eu estava entre eles! =D

A exibição aconteceu na rede de cinema UCI do Shopping Jardim Sul, no Murombi. Por volta das 11h já era possível acompanhar o aglomerado de fãs que se organizavam na fila em meio a comentários, expectativas e sessões de fotos. Todos pareciam muito ansiosos para saber o que estava por vir – a Toei manteve a programação em total sigilo – a única coisa que sabíamos era que assistiríamos ao primeiro episódio da nova série.

Saint Seiya Ômega

A entrada foi liberada às 12h30, cada fã ganhou um pôster juntamente com um informativo sobre a programação do evento. A transmissão ao vivo iniciou às 13h. Houve uma apresentação do evento e logo em seguida as performances ao vivo de Nobuo Yamada com Pegasus Fantasy – tema da primeira abertura da série clássica no Japão – seguido de Hironobo Kageya com Soldier Dream, segunda abertura (porém devido a um erro de sinal perdemos a canção Pegasus Fantasy). Na sequência, os dubladores foram chamados para uma apresentação e este foi um dos momentos mais marcantes: o dublador de Seiya (Toru Furuya) se emocionou com o carinho dos fãs que aplaudiram e gritaram enquanto se apresentava e nós que estávamos apenas vendo isso na tela do cinema, também aplaudimos e nos emocionamos.

Em seguida, os apresentadores leram uma carta de Masami Kurumada, este foi outro momento muito emocionante para todos. A carta foi exibida na tela também em português, para que pudéssemos acompanhar a leitura que transmitia o carinho do autor para com os fãs que acompanham a série até hoje, e seus votos de sucesso para Saint Seiya Ômega. Todos aplaudiram, e a expectativa só aumentou!
Depois chegou o momento mais aguardado: os apresentadores iniciaram a contagem regressiva para a exibição do primeiro episódio e todos presentes contaram junto em voz alta. Pronto, meu coração bateu forte e então começaram a ser exibidas as primeiras cenas do novo anime! Mas calma não vou soltar nenhum spoiler.

Para minha surpresa e a de muitos outros fãs, o anime não decepcionou: diferente do que estávamos pensando, mesmo com o traço diferente da série clássica, não foi um anime infantilizado. Pelo contrário o anime começou de forma promissora. A abertura é um show à parte, ao menos para mim, a versão Pegasus Fantasy cantada por Hironobo Kageyama e Shoko Nakagawa ficou fantástica! É uma mistura do clássico com o novo, afinal de contas, mesmo sendo uma nova geração, os produtores não deixaram os fãs da série clássica na mão, diversas referências à série clássica são notadas até mesmo na abertura.

Após a exibição do anime, todos aplaudiram e a transmissão ao vivo retornou. Subiram ao palco novamente os produtores, dubladores e cantores, que contaram suas expectativas sobre a série Ômega. E para finalizar Hironobo Kageyama e Shoko Nakagawa cantaram o novo tema da abertura ao vivo, e por fim a transmissão se encerrou em meio a aplausos e gritos de todos.

Depois disso ainda assistimos ao episódio dublado do final da Saga de Hades (série clássica). Para finalizar, a equipe do CavZodiaco promoveu diversos sorteios, entre eles DVDs, mangás e álbuns da série. Embora não tenha ganhado nenhum deles, consegui pegar uma camiseta de Saint Seiya quando a equipe começou a lançá-las em nossa direção.

Me diverti muito durante todo o evento, desde a espera na fila, conhecendo alguns fãs, fazendo brincadeiras, tirando fotos e etc. Existia sim um certo receio de minha parte em relação à nova série, mas que se tornou um sentimento de satisfação e expectativa para os próximos episódios depois da exibição. Quando nos reunimos ao lado de fora do cinema, após o término do evento, podia-se ouvir comentários como: “A Toei Animation acertou!”, “Sensacional!”, “Superou minhas expectativas!” entre outros.

Ainda é muito cedo para dizer que a série será boa, afinal de contas estamos falando apenas do primeiro episódio. Mas a impressão que ficou é que o anime promete ser um grande sucesso visto o investimento em qualidade de animação, trilha sonora e enredo.

Saint Seiya Ômega estreia no dia 1º de Abril no Japão e será transmitido pela Tv Asahi. Os direitos da série no Brasil foram adquiridos pela Playarte mas ainda não foram divulgadas datas, dubladores e nem em que emissora será transmitida. Espera-se que alguns personagens como Seiya, Saori e Shina sejam dublados pelos mesmos da série clássica.

Algumas fotos do Evento:

Isso também pode lhe interessar

30 Comentários

  1. Estou feliz em saber que os fãs gostaram! Desde que foi anunciado eu já sabia que podia ser coisa boa e torcia muito para isso, mas eu vi que os fãs estavam muito descrentes. Sempre manti a confiança no anime, ainda não assisti, mas de ler o relato do Rod, fico feliz que os fãs gostaram. Vamos ver como será esta grande estréia!

  2. O anime paresse estar perfeito,gostei muito delee estou loco para assistir.
    Que lindo o poster,queria um,pena que nao moro onde foi o evento.
    Os caras que foram la devem ter pirada de emoçao,Sera que nenhum foi pro hospital nao?
    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  3. A aparência é para mim oque menos importa nesse caso pq ja esperava um trabalho bastante semelhante com CDZ original ja que o designer Yoshihiko Umakoshi era o responsável e em Casshern Sins fez um trabalho que assim que vi o anime me lembrou cdz. Enquanto a historia é ver oque vai ser e que a TOEI não largue de vez a possível terceira temporada de Lost Canvas no futuro.

  4. Eu estive la também!!! De fato pelo menos inicialmente não parece ser tão "infantil" quanto parecia que iria ficar. A animação, pra mim, poderia ser melhor, mas ficou num nível OK, mas compensou pela quantidade de movimento(as lutas desse 1º cap. mostraram bem isso)
    A história tem tudo pra ficar muito interessante, e os novos personagens principais…não vejo a hora de vê-los em ação!!!!
    E a abertura….um verdadeiro ESPETÁCULO!!!!

  5. Eu queria muitooo ter ido T_T só espero que não demore muito para passar o anime aqui.. estou muito curiosa para assistir, fiquei um pouco desapontada com as imagens do anime que não trazem tantos detalhes nas armaduras… estava torcendo também para que essa saga fosse melhor do que as espectativas que a maioria dos fãs estavam tendo e depois de ler esse relato me animei mais =]
    Agora é só esperar para assistir.. seja lá quando isso for.. rs
    Obrigada pelo relato ^^

  6. Inveja monstro de vc cara!! se soube-se antes eu tb teria idoo! =/

    mas o first episodio é muito bom, a saga promete!! hehe
    só os traços mais infantis que deixam meio sem graça, mas fazer oq né…

  7. Altas expectativas para assistir o primeiro episódio… Parece que será bom… O pessoal do Chuva de Nanquim que assistiu também elogiou o primeiro episódio… por isso não devemos ter tanto preconceito com nada nesse mundo…

    Lembrando que Code Geass não tem um traço, digamos, de caras durões, mas é simplesmente lindo de assistir e a animação é foda…

  8. Ja vi o primeiro episodio e gostei muito! Manteve o espirito do original e adicionou novos conceitos bem legais, como as novas armaduras:aparentemente elas ficam guardadas em um cristal e a aparencia delas é como se fosse realmente uma vestimenta,roupa com metal em algumas partes enquanto as armaduras antigas mantem o padrao "full armor".

    To doido pra ver os proximos episodios, porque fiquei com uma duvida tremenda no episodio sobre o que aconteceu com todos os outros cavaleiros(bronze,prata e ouro),um personagem levanta essa questão e eu fiquei na duvida. Não quero dar spoiler aqui,so digo:Assistam! Hehehe

    1. Wazuki, vc comentou algo que eu ia comentar, mas diferente de vc, eu detestei esse estilo que as armaduras parecem roupas mesmo, simples pedaços de tecido, pano… ao invés de armaduras, de fato. Tá certo que o nome original sempre foi CLOTH MYTH, mas pow, estilo armadura é muito melhor e mais estiloso que literalmente um pedaço de pano.

      1. Pois é, eu ja gostei das novas armaduras. Passa o conceito de realmente serem uma nova era de cavaleiros, um novo estilo. Mas dos poucos cavaleiros antigos que apareceram no episodio e na abertura, percebe-se que as armaduras antigas(ou pelo menos de categorias maiores que bronze) estão com o estilo antigo de "armadura" mesmo.

      2. O original foi jogado para o saco logo na primeira temporada do anime, durante toda a saga do santuário a armadura parecia mais vestimenta de power rangers hahaha. E toda a animação a movimentação era como se fossem feitas de papel …

        Logico que prefiro armaduras como armaduras, por isso mesmo curto demais o Episodio G.

  9. Acabei de assistir o 1º ep. e achei uma grande porcaria! Tipo, parece q o Kurumada não está à frente da produção e sim uma nova equipe da Toei (corrijam se eu estiver errado), mas pelo menos questionar o q foi feito ali, isso ele poderia ter feito! Foi tanta besteira junta q desanimou de ver o restante da série! Começando pela música de abertura… fail total por não usar música nova (DB Kai usou música própria e o anime era o msm de antigamente). Depois arrumaram um dublador horrível pro Kouga q mais parecia o Bob Esponja falando (e olha q opção de bons dubladores eles tinham de sobra, só com a equipe do Fairy Tail já resolvia o assunto). Mais um fail: o traço dos personagens… cara, que regressão foi essa? Não venham falar de estilo diferente, pq uma coisa é estilo e outra é qualidade (e anime dos anos 90 era mais bem desenhado q esse troço). Pra fechar, o desenho do Ares não bate com nada no estilo do anime, parece q fizeram um crossover de SS com outro anime aleatório! Resumindo: arrumem essas falhas e eu volto a acreditar q Saint Seiya ainda rende algo bom na TV.

  10. Se aquele carinha de vermelho for o Hades…fudeu. Tá MUITO caricato, horrível, e aquele fogo na cabeça dele? WTF??? oO

    E é muito porco essa coisa de cristais, as armaduras tinham que ficar nas urnas (por mais que seja meio estranho ver os carinhas carregando aquilo nas costas).

    E não gostei do novo estilo delas também.

    Aff. Enquanto não mudarem isso, fico com a minha antiga opinião de que era melhor ter continuado o Lost Canvas ou fazer uma animação do Episódio G

    1. Se é Ares não sei, apesar de ser chamado de marte li que ele era o 13ª cavaleiro de ouro da constelação de serpentário … Então torço para quando ele for derrotado ou durante a luta com ele apareça uma armadura de ouro nova.

  11. Acabei de assistir o episódio e infelizmente detestei… Não vou dizer que vai ser ruim até o fim, porque além de ter tempo de melhorar, é gosto pessoal meu… Mas vejamos:

    O episódio foi corrido em termos narrativos, o vilão é um digimon tosco, achei a animação fraca, e não digo isso pelo estilo escolhido, mas sim porque quando pegam os personagens em um ângulo de perto fica bom, de longe os personagens ficavam sem olhos e outras partes do corpo… isso até acontece em outros animes, mas para uma estréia e nesse estilo de animação, um bom detalhamento é essencial…

    As "armaduras", assim como outros já citaram aqui, parece mais uma roupa, um cosplay…
    Caras, se estão usando a marca SS, acho que deviam fazer no minimo algo na qualidade de Lost Canvas… Dar continuidade na história dessa forma, na minha opinião, só queima o filme da série… Se a intenção (que depois de assistir ficou bem clara), era fazer um anime totalmente voltado para crianças, que não usassem os personagens clássicos e deixassem a continuação ficar nas mãos do Kurumada (o que não é grande vantagem, diga-se)…

    Logicamente não vou julgar a nova série, por apenas um episódio, mas na minha opinião, (um cara fácil de se agradar), o primeiro episódio ficou devendo muuuuuuuuuuitoooooo!!!

    1. Concordo plenamente com o Digimon tosco. É muito paia eles colocarem um inimigo assim. Não me conformo até agora com aquela chama na cabeça dele '-'

      Eu ainda não tinha visto o episódio todo quando postei a primeira vez. O negócio é o seguinte: Que merda de cristais são esses até nas armaduras? ¬¬ Tem cristal no peito, no joelho, pqp mano!

      É foda…

  12. É interessante ver o quanto o povo que nem gosta de SS se incomodando com o Ômega… gente comparando com Fairy Tail… acordem… o Ômega é um novo anime… assim como diversos outros… daqui a pouco vai ter gente aqui comparando AnoHana com Bleach… dizendo que Le Portrait de Petit Cosette não tem ação como Dance in the Vampire Bund… parem de comparar…!
    O primeiro episódio do Ômega é muito bom… ninguém realmente sabe se ele terá ligações fortes com o SS clássico… os personagens ainda estão lá (que bom!)… e se não tiver relação, ainda assim tá bom! Obrigado, Toei e Kurumada, por uma nova série no universo de Sant Seiya! Aproveitem!

  13. Ei pessoal que critica o SS Ômega:

    Só tenho que dizer uma coisa: se fosse pro SS Ômega ser igual a série clássica, não teria o Ômega no final do SS né?? =D
    Além disso, traço e mudança na história todos nos já prevíamos. Mas ninguém ficou contente de ver que a história não é infantil? Eu acho que está no mesmo nível da série clássica (que quando víamos eramos crianças e foi isso que nos prendeu). Claro que com – 180 litros de sangue…hahaa
    Eu vou ver SS Ômega com os mesmos olhos que vi SS LC e SS EPG: obras com a temática de SS, mas diferentes.
    Torçamos para que em fim venha a Saga de Zeus. Alguém aqui já considerou que caso SS Ômega faça sucesso, isso pode ficar muito mais perto de acontecer do que em outra época? Isso é o mundo dos negócios minha gente, sempre foi e sempre será assim, gostemos ou não. ^^

  14. A história é infantil colega, tanto que a Toei planejou o anime para as faixas etárias 4 a 10 anos (Na minha opinião se vc é gay também conta)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.