E3 2019JogandoMiscelânea

O vídeo de Halo 4 que lembra Metroid Prime?

Foi mais ou menos isso que escutei ontem durante a conferência de alguns…

Acho meio petulancia tentar comparar Halo e Metroid, mas essa conversa surgiu ontem durante a apresentação de Halo 4 na conferência da Microsoft e não fui eu quem trouxe isso a tona. São games com diferenças gigantescas, com legiões de fãs distintas e com propostas e sentimentos até mesmo conflitantes. Mas não dá para negar que há coisas entre estas franquias que se assemelham, principalmente se você pensar em Metroid Prime, a série em FPS de Metroid.

Talvez esse sentimento “Metroid” no vídeo acima seja pelo forte contraste da luz laranja dos novos inimigos do novo arco que a franquia estará estreando em novembro. Laranja é a cor da série Metroid. Outro detalhe que liga mais ainda esse sentimento à série Metroid Prime em específico é o visor da tela em primeira pessoa. Pela primeira vez num game de Halo eu finalmente sinto como se realmente estivesse jogando com um capacete sci-fi tecnológico. Esse apelo visual não tem de forma tão impactante nos games anteriores e eu gostei muito disso.

Mas as semelhanças param por aí acredito. Existe um abismo de discrepâncias entre estas séries. Coisas que odeio em Metroid Prime e que adoro em Halo. Já disse aqui no blog no passado que odeio do fundo do meu coração gêneros de games que obrigam o jogador a ir e vir pelos mesmos caminhos e cenários dezenas de vezes, culpa dos updates e coisas das roupas da armadura de Samus que se destravam aos poucos. Castlevania em 2D é outro gênero que passo longe e que não curto. Não tenho nada contra esse recurso usado em alguns games em menor evidência, mas acho chato quando se abusam disso para “alongar” o tempo de jogo. Me irrita mesmo, principalmente quando os mesmo inimigos retornam para as mesmas áreas “magicamente”. Enfim, enquanto Metroid Prime é mais exploração, Halo é mais shooter-ação em sua essência. Sem ficar indo e voltando, destravando updates, e apesar do caminho linear, ele é aberto o suficiente para estratégias de multiplas formas.

Metroid Prime também é um game mais solitário, com forte apelo em sua personagem principal, regra esta que Halo não segue a risca, apesar da importância de Master Chief. Halo é um game cooperativo, online e quanto mais gente jogando, melhor ele fica. Metroid se a minha curta memória de adulto não me falha até tentou uma vez brincar com multiplayer, lá numa versão do nintendo DS, mas que mais parecia um Goldeney 64 do que o que vemos hoje em dia nos FPS de X360/PS3.

Ambas as franquias tem suas semelhanças, seus positivos e negativos. Quem é fã de Halo talvez não veja graça em Metroid, e o mesmo vale para os fãs de Metroid, que também podem odeiar Halo (as vezes de birra, infelizmente, porque não é “Nintendo Feeling”). Mas não nego que adoraria ver a Nintendo colocar certos elementos de Halo em Metroid. Gráficos de ponta, multiplayer online cooperativo e até mesmo expandir ainda mais o universo de Samus. Metroid é uma franquia que eu sinto um certo abandono da Nintendo, que poderia ser muito mais do que a franquia chegou a oferecer no Wii, mas de fato há várias franquias que sinto abandonadas pela Nintendo (F-Zero e Star Fox só pra citar e cutucar feridas). Enquanto isso Halo parece que também pode aprender algumas coisas com Metroid e talvez Halo 4 tenha sim se inspirado um pouco na franquia da Nintendo. Por que, não? É um novo estúdio, um novo arco. O visor parece muito melhor, as cores alaranjadas trazem lembranças involuntárias e por que não dizer que fico extremamente grato que finalmente não trata-se de um jogo onde os inimigos serão os xaropes Covenants? Finalmente novos inimigos! Porque esse um zilhão de games de Halo e sempre lutando contra os não carismáticos Covenants é realmente um saco. Com um universo infinito, só há meia dúzia de raças alienígenas que não curtem a gente? Para com isso! Sejam bem vindos novos inimigos! (obs: eu sei que Covenant não é raça de alienígemas, mas o nome da organização de múltiplas raças que nos odeiam, mas a variedade não é lá grande coisa, sem falar que todos agem sobre uma mesma premissa, o que torna tudo óbvio e méh. Os novos inimigos não são Covenants!)

E o WiiU com potência gráfica está aí, será que alguém gostaria de um Metroid Prime 4 com gráficos de Halo? E um multiplayer?

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.