E3 2019JogandoVídeos & Trailers

Trailers | Rumo a Bolívia em Ghost Recon Wildlands! (E3 2016)

Todo novo game de Tom Clancy’s me deixa confuso. Hoje em dia entendo que a franquia se divide em séries diferentes e distintas, apenas usando a alcunha do Tom Clancy, famoso autor de vários best sellers, como referência a este universo de games de espionagens e militares da Ubisoft. É tipo uma marca, um selo de qualidade.

Hoje entendo que as séries se dividem em alguns segmentos, como Ghost Recon, o que entra aqui no caso de Wildlands, ou Splinter Cell, série que já sinto saudades nesta geração tenho que admitir (gosto muito dos dois games da geração passada) e agora até mesmo The Division abre uma nova divisão dos games do selo Tom Clancy’s. Ah e não posso me esquecer de Rainbow Six, é claro. 4 franquias, 4 séries diferentes, todas dentro de um mesmo selo, o que não necessáriamente signifique o mesmo universo, apesar de que seria foda se tudo se passasse no mesmo universo, ainda que indiretamente. Preciso estudar mais esse mundo de Tom Clancy’s, não nego.

Em todo caso, a apresentação da Ubisoft em torno de Ghost Recon Wildlands foi bem interessante. E dá um ar totalmente diferente aos outros games recém lançados de Tom Clancy’s, o Rainbow Six Siege e o The Division. Em parte me lembrou um pouco a ideia por trás de games como Metal Geal Solid V (sem toda a loucura do Kojima, óbvio) e Just Cause 3 (sem toda a galhofada). É um jogo um pouco mais sóbrio, sem os exageros destes que mencionei, focado na exploração de um ambiente de mundo aberto e missões coordenadas com outros jogadores online, ainda que me parece que ele não descarta a experiência single player.

Visualmente o game está bonito, parece haver uma gama de veículos, armas e ambientes. É um jogo rico. Fora que é bem maneiro que ele use uma locação de verdade, a Bolívia, e uma situação que é relativamente real, o problema dos cartéis de drogas lá. Claro que é uma realidade misturada com ficção. Fico na torcida para que os desenvolvedores tenham estudado bastante a cultura de lá e que isso possa ser mostrada no jogo. É uma proposta legal em uma videogame, ainda mais pensando no que a Ubisoft faz com a parte histórica de Assassin’s Creed.


Parece que Wildlands é um bom lugar para onde levar a série Ghost Recon. Porém os jogadores ainda vão precisar esperar um pouco, pois o título só chega aos consoles em 2017, lançamento agendado para o dia 07 de março!

E olha só, coincidências ou não, no momento em que estava finalizando esta postagem, eis que chega na caixa postal do site o release oficial em português de Wildlands. E em um estalar de dedos, ele já está lá no Ponto de Checagem!

Ghost Recon Wildlands 008 Ghost Recon Wildlands 007 Ghost Recon Wildlands 006 Ghost Recon Wildlands 005 Ghost Recon Wildlands 004 Ghost Recon Wildlands 003 Ghost Recon Wildlands 002 Ghost Recon Wildlands 001

Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.