JogandoRedes Sociais

Minipost | Dificuldades quatro em um para Unit 4

— Miniposts são pequenos aperitivos em forma de imagens ou vídeos com pequenos textos compartilhados pelas redes sociais do Portallos. O feed (origem e ordem cronológica) destas publicações é nosso Instagram.

Unit 4 (clip1) – Introdução Aí está um game com uma pegada realmente nostálgica não só em termos visuais, mas também em jogabilidade (o que significa que o jogo é difícil para inferno). Em Unit 4 o jogador tem o controle de 4 patrulheiros espaciais combatendo uma invasão intergalática (simplificando bem a trama). O game pode ser jogado com 4 jogadores (multi local) controlando cada um dos personagens ou um jogador (single player) alternando cada personagem em tempo real em relação ao gameplay.Cada personagem tem uma habilidade única. O azul tem pulo duplo, o vermelho tem um dash que pode ser feito até mesmo no ar e que derrota inimigos, o verde tem um gancho que pode ser usado para alcançar grandes alturas e o amarelo que pode planar e virar uma espécie de fantasma que o faz atravessar algumas paredes. É preciso misturar as habilidades para avançar pelos estágios e coletar todas as moedas espalhadas.A pegada aqui é que o game é realmente desafiador. Tem um estilo 8 bits, como se fosse um jogos do tempo de NES, o que significa que o visual é bem singelo, mas que proporciona um certo efeito hardcore na jogabilidade.Lembra um pouco a loucura que eram os desafios de plataforma dos clássicos jogos do Mega Man 8 bits. Não tem a parte de tiro, os inimigos não são um problema aqui (normalmente), porém atravessar obstáculos e plataformas de certas fases são o grande desafio, daqueles que querer atirar o controle na parede (trarei vídeos onde mostrarei esse inferno). Para quem curte um desafio, ainda que um tanto retrô, Unit 4 é um título bem convidativo.Lançado no final de maio, Unit 4 é um indie game desenvolvido pela Gamera Interactive, disponível para Xbox One e PC.#unit4 #gaming #xboxone #steam #gamerainteractive #indiegame #pixelart #8bits #videogames #gameplay Gamera Interactive

Posted by Portallos on Friday, June 9, 2017

Introdução

Aí está um game com uma pegada realmente nostálgica não só em termos visuais, mas também em jogabilidade (o que significa que o jogo é difícil para inferno). Em Unit 4 o jogador tem o controle de 4 patrulheiros espaciais combatendo uma invasão intergalática (simplificando bem a trama). O game pode ser jogado com 4 jogadores (multi local) controlando cada um dos personagens ou um jogador (single player) alternando cada personagem em tempo real em relação ao gameplay.

Cada personagem tem uma habilidade única. O azul tem pulo duplo, o vermelho tem um dash que pode ser feito até mesmo no ar e que derrota inimigos, o verde tem um gancho que pode ser usado para alcançar grandes alturas e o amarelo que pode planar e virar uma espécie de fantasma que o faz atravessar algumas paredes. É preciso misturar as habilidades para avançar pelos estágios e coletar todas as moedas espalhadas.

A pegada aqui é que o game é realmente desafiador. Tem um estilo 8 bits, como se fosse um jogos do tempo de NES, o que significa que o visual é bem singelo, mas que proporciona um certo efeito hardcore na jogabilidade.

Lembra um pouco a loucura que eram os desafios de plataforma dos clássicos jogos do Mega Man 8 bits. Não tem a parte de tiro, os inimigos não são um problema aqui (normalmente), porém atravessar obstáculos e plataformas de certas fases são o grande desafio, daqueles que querer atirar o controle na parede (trarei vídeos onde mostrarei esse inferno). Para quem curte um desafio, ainda que um tanto retrô, Unit 4 é um título bem convidativo.

Lançado no final de maio, Unit 4 é um indie game desenvolvido pela Gamera Interactive, disponível para Xbox One e PC.

Unit 4 (clip2) – Corra! Mesmo que o game em grande parte seja focado em plataforma e nessa troca entre as habilidades de cada personagem, existem alguns momentos diferentes em Unit 4, como o apresentado neste vídeo.É legal porque dá um respiro ao game em termos de diversidade. Normalmente os estágios normais demoram cerca de 20 à 30 minutos para serem vencidos (tentando pegar todas as moedas), enquanto uma fase como esta, me tomou cerca de 4 minutos (considerando que morri algumas… cof… muitas… cof… vezes próxima do final dela). Interessante dizer que todos os estágios, incluindo esse de correr, possuem checkpoints, que são máquinas que armazenam as moedas coletadas. Este vídeo acaba bem no momento em que encontro uma destas máquinas. Se eu morrer a partir desse ponto é nele que retornarei.#unit4 #gaming #xboxone #steam #gamerainteractive #indiegame #pixelart #8bits #videogames #gameplay Gamera Interactive

Posted by Portallos on Friday, June 9, 2017

Corra!

Mesmo que o game em grande parte seja focado em plataforma e nessa troca entre as habilidades de cada personagem, existem alguns momentos diferentes em Unit 4, como o apresentado neste vídeo.

É legal porque dá um respiro ao game em termos de diversidade. Normalmente os estágios normais demoram cerca de 20 à 30 minutos para serem vencidos (tentando pegar todas as moedas), enquanto uma fase como esta, me tomou cerca de 4 minutos (considerando que morri algumas… cof… muitas… cof… vezes próxima do final dela).

Interessante dizer que todos os estágios, incluindo esse de correr, possuem checkpoints, que são máquinas que armazenam as moedas coletadas. Este vídeo acaba bem no momento em que encontro uma destas máquinas. Se eu morrer a partir desse ponto é nele que retornarei.

Unit 4 (clip3) – Batalha de ChefeE nenhum está realmente completo se não houver alguns chefes para serem enfrentados. Este é o primeiro chefe do primeiro mapa (planeta) de Unit 4.Parece simples no vídeo, mas leva um tempo até o jogador entender o que fazer nesse chefe, considerando que os personagens não podem atirar e seus ataques físicos parecem não funcionar em qualquer ponto do chefe.Tem aquele direção na qual o jogador deve decorar os movimentos e esperar o momento na qual precisa chegar ao todo da cabeça do chefe, o que também envolve pulos precisos nas plataformas para conseguir atingir o topo antes que o chefe retorne a atacar.Este em particular é dividido em 3 atos, sendo que a cada hit ele fica mais rápido e mais agressivo. Elementos de risco também são colocados nas plataformas, que possuem espinhos e plantas carnívoras. Precisei morrer algumas vezes até acertar o tempo… mas esse é um daqueles games em que vencer acaba sendo recompensador.Bom que a cada ato dessa batalha gera um checkpoint, então morrer não significa reiniciar tudo desde o começo, o que poderia ser frustrante. Decisão certeira dos desenvolvedores.Em breve mais alguns vídeos e um review do título também está sendo preparado!#unit4 #gaming #xboxone #steam #gamerainteractive #indiegames #pixelart #8bits #videogames #gameplay Gamera Interactive

Posted by Portallos on Friday, June 9, 2017

Batalha de Chefe

E nenhum está realmente completo se não houver alguns chefes para serem enfrentados. Este é o primeiro chefe do primeiro mapa (planeta) de Unit 4.

Parece simples no vídeo, mas leva um tempo até o jogador entender o que fazer nesse chefe, considerando que os personagens não podem atirar e seus ataques físicos parecem não funcionar em qualquer ponto do chefe.

Tem aquele direção na qual o jogador deve decorar os movimentos e esperar o momento na qual precisa chegar ao todo da cabeça do chefe, o que também envolve pulos precisos nas plataformas para conseguir atingir o topo antes que o chefe retorne a atacar.

Este em particular é dividido em 3 atos, sendo que a cada hit ele fica mais rápido e mais agressivo. Elementos de risco também são colocados nas plataformas, que possuem espinhos e plantas carnívoras. Precisei morrer algumas vezes até acertar o tempo… mas esse é um daqueles games em que vencer acaba sendo recompensador.

Bom que a cada ato dessa batalha gera um checkpoint, então morrer não significa reiniciar tudo desde o começo, o que poderia ser frustrante. Decisão certeira dos desenvolvedores.

Em breve mais alguns vídeos e um review do título também está sendo preparado!

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios