JogandoRapidinhas

Sleep Tight é lançado, monstros querem invadir seu quarto

A madrugada pode ser um lugar aterrorizante para o quarto de uma criança. Afinal é no escuro, e na calada da noite, que os monstros saem do armário para puxarem os pés dos pequenos. Sleep Tight é a contra medida a esse ato vil dos monstros, aqui as criança deve se proteger e acabar com essa invasão noturna. O jogo está sendo lançado hoje para Nintendo Switch e Steam.

A premissa é bacana: construa fortes, com itens do quarto e travesseiros, muitos travesseiros. Sobreviva a horda de monstros com armas (de brinquedo) e habilidades que vão sendo aprimoradas a cada rodada e progresso do game. Há vários tipos de quartos e crianças para serem selecionadas.

E há alguns modos extras bem interessantes, como um que coloca a perspectiva em primeira pessoa e um outro que deixa o quarto totalmente na escuridão. Parece divertido, na mesma equivalência que pode ser tenso se você entrar na brincadeira do game.

O visual do game é bem charmoso, sabendo ser fofinho e colorido, porém também conseguindo ser eficiente quando precisa ser escuro e mais sombrio. Funciona bem, especialmente pensando que são crianças em seus quartos combatendo monstros imaginários.

Gostei muito da ideia do game. Torço para que eventualmente ele chegue em mais plataformas, como o PlayStation 4 e Xbox One. E lamento apenas um único detalhe: não há indício de que o game tenha um modo multiplayer. O que é uma tremenda pena, pois seria muito legal a ideia de dois jogadores sobrevivendo as hordas de monstros. Espero que eventualmente o estúdio possa criar uma atualização que permita pelo menos dois jogadores se divertirem juntos. Até porque há alguns casos de Indie Games que fizeram isso ao longo dessa geração, com títulos saindo somente single player e com a modalidade multi chegando meses depois. Torço por isso.

Sleep Tight é um jogo desenvolvido pelo estúdio We Are Fuzzy. Primeiro projeto do estúdio, que foi fundado em 2017. O jogo conta com o talento de alguns profissionais de respeito e experiência na área, como Maxx Burman responsável pelos efeitos especiais (VFX) e que já trabalhou em games como Far Cry 5, Titanfall 2, Game of Thrones; Dylan Ekren que trabalhou como design de personagens na Disney em obras como Operação BIG Hero, Detona Ralph e Zootopia; e também Oscar Mar, que trabalhou como designer na Ubisoft e em games como Far Cry 3, Splinter Cell: Conviction e Rainbow Six Siege.

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.