Comunicados de ImprensaJogando

Razer aprimora seu ecossistema de recompensas para jogadores

Único programa do mercado que premia os gamers por jogarem amplia as vantagens para os usuários e oferece ainda mais formas para ganhar; moeda virtual Razer Gold e créditos Razer Silver também têm novidades  

A Razer, marca líder mundial em estilo de vida gamer, anuncia aprimoramentos em seus softwares e serviços que vão acelerar e melhorar as recompensas que os jogadores podem receber simplesmente por fazerem o que mais gostam: jogar.

As principais novidades são a remodelação dos créditos virtuais “Razer Gold” e “Razer Silver”, e do sistema de recompensas, que passaram por mudanças de nome, visual e experiência. Conforme jogam com produtos da Razer, os participantes são gratificados por sua lealdade à marca com prêmios digitais e físicos.

Para dar maior dinamismo ao programa e facilitar o acúmulo dos créditos virtuais Razer Silver, a Razer trouxe de volta o programa Paid to Play, disponível via software Razer Cortex tanto no PC quanto em dispositivos móveis. O Paid to Play recompensa os usuários simplesmente por jogarem e, com a chegada do Razer Cortex às plataformas mobile, pode ser utilizado a partir de qualquer lugar.

A Razer também lançou a versão beta do aplicativo para desktop “Razer SoftMiner”, que utiliza o poder de processamento da GPU que está ocioso para solucionar quebra-cabeças complexos baseados em blockchain, em segundo plano no PC. Quanto mais o SoftMiner for utilizado, mais Razer Silver o usuário receberá.

“Os aplicativos e serviços da Razer são essenciais no nosso ecossistema e complementam nossa proposta de estilo de vida gamer. As atualizações que estamos anunciando são enviadas a mais de 50 milhões de jogadores registrados em nossa plataforma de software e reforçam o compromisso da marca de melhorar a experiência dos usuários em toda a linha de produtos da Razer, dos periféricos mais simples aos aplicativos de alta performance”, disse Min Liang Tan, cofundador e CEO da Razer.

Razer Gold e Razer Silver – Novo nome, melhores benefícios

Lançado em 2017, o Razer zGold e o Razer zSilver evoluíram até se tornarem uma das principais moedas virtuais e plataformas de recompensa do mercado, com mais de cinco milhões de usuários registrados.

Para simplificar ainda mais a experiência de pagamento virtual e de recompensas para jogadores, as moedas virtuais Razer zGold e o zGold-MOLPoints foram unificadas e, a partir de agora, são todas Razer Gold. Da mesma forma, os créditos do programa de recompensas de fidelidade passam a ser chamadas apenas Razer Silver.

Atualmente, o Razer Gold é aceito em mais de 2.500 jogos e nas maiores lojas digitais de games, como a Razer Game Store e a GamersGate. A moeda virtual da Razer também pode ser usada para transações in-game em títulos populares de PC e mobile, como PUBG Mobile, Black Desert Online, Bigo Live e Mobile Legends: Bang Bang. Existem mais de1 milhão de estações de compra online e offline para os usuários adquirirem Razer Gold.

  • Recargas simplificadas: a partir de agora, um dólar convertido para a moeda do país do jogador equivale a um Razer Gold. Assim, recarregar a conta, comprar jogos e adicionar conteúdos in-game se tornam tarefas mais simples e familiares para os gamers.
  • Mais dinheiro pelo seu Gold: Quando os jogadores utilizam Razer Gold para carregar os créditos dos jogos, eles têm taxas de conversão exclusivas. Por exemplo: US$ 0,99 usados no PUBG Mobile pelos métodos tradicionais do Google Play dão direito a apenas 60 Unknown Cash (moeda do jogo). Porém, US$ 0,99 em Razer Gold correspondem a 74 Unknown Cash, 23% a mais.
  • Itens exclusivos: Os jogadores que utilizam Razer Gold também receberão regularmente itens exclusivos nos jogos. Em PUBG Mobile, por exemplo, é possível adquirir um paraquedas personalizado com temática da Razer.

 A cada Razer Gold gasto, os jogadores são recompensados ​​com créditos Razer Silver, que podem ser trocados por produtos, descontos lançamentos da Razer e até mesmo em recompensas digitais, como jogos, vales-presente e muito mais.

Para atualizar o ecossistema de pagamentos e recompensas da Razer, basta que os usuários acessem suas contas já existentes no zVault e sigam as orientações. Quem ainda não tem um login na plataforma, só precisa fazer o registro. Todos que fizerem isso receberão instantaneamente 500 Razer Silvers, e os usuários que preencherem todas as informações do ID Razer ganharão mais 500.

Saiba mais em http://gold.razer.com e http://silver.razer.com.

Paid to Play está de volta – Jogue e ganhe Razer Silvers

O programa Paid to Play está de volta ao Razer Cortex, e não apenas no PC, mas também nos smartphones Android, pelo aplicativo Razer Cortex Mobile.

Para começar a ganhar créditos Razer Silver pelo programa Paid to Play, basta que o usuário inicialize seus games pelo aplicativo Razer Cortex e os joguem por um período de tempo mínimo. Novidades de balanceamento e mecânicas de ganhos também foram incorporadas ao programa para garantir que todos os usuários sejam recompensados seguindo os mesmos critérios.

Para mais detalhes, visite: Razer Cortex para PC e Razer Cortex para Mobile.

Coloque a GPU ociosa para trabalhar

Os gamers costumam ter máquinas poderosas para jogar, mas muitas vezes elas ficam ociosas e não exploram bem todo seu potencial. Com o novo aplicativo Razer SoftMiner, os computadores aproveitam momentos de calmaria para resolver quebra-cabeças complexos de blockchain em segundo plano, e os usuários ainda recebem Razer Silvers.

O Razer SoftMiner está em versão beta, suporta até 5 mil usuários por semana, conta com a engine GammaNow e, uma vez instalado e ativado, explora o poder de processamento inativo das GPUs.

O novo aplicativo pode ser baixado e instalado pela Razer Central, junto com o Razer Synapse e o Razer Cortex. Quanto mais o usuário usa o SoftMiner, mas Razer Silvers ele recebe. Saiba mais sobre em http://razer.com/softminer.

“Nenhuma outra empresa ou marca de jogos tem hoje um sistema tão abrangente para que os jogadores aproveitem ao máximo seus jogos e estilo de vida gamer”, acrescentou Tan. “O Razer Gold continua sendo uma das formas mais vantajosas de se fazer compras dentro de jogos e apps, e a Razer tem o único ecossistema que recompensa os jogadores só por fazerem o que mais gostam, que é jogar”.

 Sobre a Razer – A Razer é a marca líder mundial em estilo de vida para gamers e seu logotipo, uma cobra de três cabeças, é um dos mais reconhecidos entre a comunidade global de jogadores e profissionais de eSports. Com uma base de fãs presente em todos os continentes, a empresa projetou e construiu o maior ecossistema de hardware, software e serviços para gamers do mundo.

A premiada linha de produtos da Razer vai de periféricos gamers de alto desempenho (para PC e consoles) aos poderosos laptops Razer Blade. Já a plataforma de software da Razer, que tem mais de 35 milhões de usuários, inclui o Razer Synapse (um sistema gratuito para configuração de recursos de seus produtos), o Razer Chroma (tecnologia proprietária de retroiluminação RGB) e o Razer Cortex (software desenvolvido para melhor o desempenho de games e que atua no centro de toda a experiência do jogador). Entre os serviços oferecidos pela Razer está o Razer zGold, um dos principais serviços de crédito virtual do mundo para jogadores que permite comprar produtos e itens virtuais de mais de 2.500 jogos diferentes.

A empresa tem nove escritórios em todo o mundo e é reconhecida como a marca líder para gamers nos EUA, Europa e China. Fundada em 2005 e com sede em São Francisco e Cingapura, a Razer é apoiada por investidores institucionais, como a IDG-Accel, a Intel Capital e a Horizons Ventures.

// Comunicado enviado via assessoria de imprensa da Razer //

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!

Artigos relacionados

Fechar