JogandoRapidinhas

Com os roubos de senhas, o que fazer para proteger seu Xbox?

A conectividade já é uma realidade nos consoles. Esqueça a realidade de jogar seu Super Nintendo com um único controle, sozinho(a), de frente para o televisor. Hoje, o mundo dos games é um mundo online.

Consoles de gerações mais novas estão cada vez mais integrados à internet. Os modelos Xbox (e especialmente o Xbox One), produzidos pela Microsoft, são um ótimo exemplo disso.

A plataforma permite o acesso por contas criadas no Xbox Live. Mas, com os roubos e vazamentos de senhas cada vez mais frequentes, os fãs desses consoles podem passar por várias vulnerabilidades.

Nesse texto você vai conferir algumas dicas importantes para melhorar a integridade das informações da sua conta do Xbox Live e, de quebra, tornar sua experiência com esses consoles ainda mais agradável – e menos preocupante.

Quais as principais ameaças à sua conta

Como praticamente todas as informações online, os dados da sua conta no Xbox Live podem ser capturados por terceiros por meio de malware, phishing, hacking e outros mecanismos e ações de pessoas maliciosas (como keyloggers).

Em 2017, foi divulgado que os dados de aproximadamente mais de 2.5 milhões de contas de usuários de plataformas online dos consoles Xbox e Playstation (Xbox360 e PSP) foram hackeados e vazados, principalmente por meio de informações dos fóruns online que reúnem as comunidades oficiais de jogadores desses consoles. Apesar de o fato ter sido descoberto em 2017, o roubo dos dados havia ocorrido dois anos antes.

Isso coloca em dúvida a capacidade de as próprias empresas garantirem a segurança das informações de seus clientes (e, claro, muitas vezes elas mesmas comercializam essas informações, como aconteceu com o Facebook e a Google) e o quanto os próprios usuários não adotam comportamentos que aumentam esses riscos.

Há duas dicas essenciais e que já são verdadeiros clichês, mas que merecem ser repetidas: jamais use uma senha fraca e, claro, não compartilhe as informações da sua conta com ninguém. Elas são pessoais e intransferíveis e as próprias plataformas deixam esse fato bastante claro para os jogadores.

Algumas formas de proteger suas informações

Além de manter um bom firewall para a sua conexão e reforçar sua rede de Wi-Fi, melhorando a confiabilidade da rede à qual o seu console está conectado, você deve criar uma senha forte (há várias dicas interessantes quando você vai criar sua conta no Xbox Live, por exemplo), proteger seu e-mail e tomar cuidado com arquivos suspeitos – que podem servir para instalar malwares na sua máquina.

Evite usar a mesma senha para várias contas e, se possível, associe suas diferentes contas a diferentes e-mails, ao invés de vincular todas as suas informações em apenas um endereço eletrônico.

Utilizar um bom sistema antivírus também é um ponto fundamental, assim como fazer varreduras periódicas nas suas máquinas. Evite baixar e instalar softwares duvidosos nos seus dispositivos e procure por boas reviews dos materiais e websites que você pretende utilizar.

A utilidade de um provedor VPN

Outra dica ótima para qualquer pessoa apaixonada por games e que quer ampliar a segurança das informações da conta associada às ferramentas online dos consoles é a utilização de um provedor VPN.

VPN é a sigla para Virtual Private Network (“Rede Virtual Privada”), uma rede “simulada” criada acima da rede fornecida pelo seu provedor de internet – ou qualquer outra, como aquelas redes públicas de Wi-Fi que te ajudam muito quando você precisa usar um smartphone, por exemplo.

Esses provedores oferecem uma ótima criptografia dos seus dados, a ampliação da confiabilidade da sua conexão, a alteração do endereço de IP (Internet Protocol) do seu dispositivo e, de quebra, o impedimento da diminuição da sua velocidade de navegação por parte do seu provedor de internet.

Para os apaixonados por games, esses provedores também podem diminuir significativamente o lag (uma realidade para quem gosta de partidas multiplayer), aqueles travamentos indesejados enquanto você joga e que estão diretamente associados à velocidade da sua conexão.

Você pode associar um provedor VPN ao seu Xbox One por meio do seu roteador de Wi-Fi (e você pode comprar um roteador que já dá suporte para provedores VPN, o que vai facilitar muito sua vida). Há tutoriais disponíveis para fazer a configuração manualmente.

Você também pode configurar a VPN diretamente no seu PC, ou configurar um provedor VPN no seu Mac. O importante é escolher um provedor da sua confiança e que ofereça as ferramentas mais adequadas às suas necessidades. Essa é uma ótima forma de ampliar não só a segurança das suas contas, mas sua própria experiência de jogo – uma ótima dica para streamers, inclusive.

— post criado em colaboração com Eduardo Garcia

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios