JogandoRapidinhas

Koala detetive, STONE precisa resolver um mistério enquanto cura sua ressaca

Título chegou recentemente ao Xbox One

STONE é um jogo independente, lançado originalmente em setembro de 2018 para PC, que se porta como uma aventura interativa, na qual o jogador segue a narrativa de um koala detetive que certo dia acorda com uma tremenda ressaca e descobre que sua amada desapareceu. Agora ele precisa reviver seus passos das últimas 24 horas afim de descobrir o que diabos aconteceu.

O título é uma produção do estúdio independente australiano Convict Games, fundado em 2017. STONE foi lançado para iOS ano passado, enquanto também chegou ao Xbox One no final de janeiro deste ano. Não seria uma surpresa se ele vier a aparecer em mais plataformas futuramente, então vale ficar de olho.

Uma coisa importante de se mencionar é que STONE talvez tenha um certo visual que pode atrair as crianças, porém o título tem uma classificação etária relativamente alta lá fora (M – Mature), pois o jogo contém palavreado forte, uso de drogas e álcool, humor cruel e certas conotações sexuais. Aqui no Brasil, de acordo com sua página na Microsoft Store, seu conteúdo foi classificado indicado para maiores de 14 anos.

Quanto suas mecânicas, é um jogo interativo. O jogador anda pelo cenário, conversa com outros personagens, tem o poder de decidir algumas das falas do protagonista, enquanto investiga e descobre o que aconteceu com sua amada. A câmera se movimenta livremente, podendo ser posicionada onde desejar, além disso há uma certa liberdade para explorar o ambiente urbano do game.

Nota-se também um cuidado dos desenvolvedores para com a arte, que mesmo que possa ter gráficos mais humildes em certos ambientes, é notável que existe uma atenção ao estilo visual dos personagens e para com alguns objetos em cena. O jogo também tem oferece uma bela trilha sonora, com talentos internacionais da esfera independente, como Ryan Little, Luchii, Ilkka S, Warchief e James Tottakai. Também há um estilo bem noir em sua temática, tanto que o jogo tem um momento em que o jogador pode parar e assistir com Stone a alguns filmes clássicos – de domínio público.

Para saber um pouco mais de STONE, vale a visita ao seu site oficial, enquanto no Twiiter vale seguir o perfil oficial do estúdio, para saber de mais novidades e quem sabe vindo do jogo para outras plataformas eventualmente.

Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.