Arte conceituais de Donkey Kong Country Returns distinguem planejamento do resultado final? [Wii]

As artes conceituais deste post são oficiais da Retro Studios para o planejamento de DKCR, postadas no forum Conceptart pelo artista Sammy Hall. Eu sei que o game também possui uma galeria de artes que vai sendo destravada aos poucos, alias algumas deste post eu tenho quase certeza que cheguei a ver lá, mas como não abri toda a galeria ainda, muitas são novidades pra mim.

Enfim, a grande questão aqui e que não chega a ser uma novidade é grande diferença que existe as vezes entre estes storyboards e telas para o resultado final do game. Isso aconteceu recentemente em Epic Mickey, onde na minha visão, o game não conseguiu atingir o mesmo charme que as telas de conceito do game, ainda que certas o resultado final tenha se obtido.

O interessante das artes conceituais de DKCR, veja a galeria abaixo, é que existem sim uma semelhança entre o planejamento do game e o resultado final. Note as cenas na praia e tal e dá para perceber que a essência ali permaneceu até o game pronto, enquanto outras telas foram claramente descartadas, como a que mostra DK embaixo d’água segurando um enorme peixe vermelho (seria um substituto para o Enguarde, o peixe-espada da trilogia clássica?). A cena da batalha contra uma énguia gigante num farol também me parece épica e até mesmo parece que o game poderia vir a receber alguns outros tipos de cenários especiais, como a cena que mostra o DK num cenário que lembra muito o Super Mario Bros 2 americano. Mas tudo bem, que são feitos cortes entre o planejamento até o resultado final, não chega a ser novidade alguma. O que não consigo parar de pensar é que estas telas mostram uma paleta de cores tão rica e que destacam a ideia de arte visual, que é marca da série Country, que fica impossível não imaginar o que teria sido do game se a Retro Studios não tivesse feito uma abordagem diferente nos gráficos finais do game.

Não que o visual 3D tenha ficado ruim, mas ficou comum. Normal dentro dos padrões do Wii. Na trilogia clássica a Rare foi muito além de gráficos normais e mostrou algo que surpreendeu muitos gamers no Super Nintendo, ousadia esta que a Retro não teve, na minha opinião, na versão Returns, mesmo com todos aqueles conceitos de cenários funcionando em vários pontos 2D (background e na frente, e com sombras). Sendo mais prático, já que não dava para reproduzir a ideia de “gráficos reais” da trilogia original, poderia ter sido feito algo mais perto destas delas conceituais, usando gráficos como se o game fosse uma pintura. Um exemplo prático disso é o que foi feito em Braid, joguinho via download lançado em 2008 nos consoles de alta-definição. Com certeza um estilo mais de pintura, com texturação de cores e tal, deixaria DKCR bem parecido com estas artes conceituais. Veja a cena na cachoeira na galera abaixo e imagine isso.

O Wii realmente tem certas limitações, mas tudo depende da criatividade é claro. Os games da Playstation Network e Live Arcade já provaram que games podem receber um visual original e criativo, sem apelar para os 3D básico. Eu meio que esperava isso de DKCR, ainda que usasse gráficos em 3D, que eles tivessem mais efeitos, fossem mais marcantes e originais.

Só para finalizar, não estou dizendo que o o game ficou ruim ou feio. Estou dizendo que pelas telas abaixo, parece dar a ideia de que o jogo poderia ter um visual muito mais marcante do que apresentado pela Retro Studios no produto final. Podia ser melhor do que ele já é. Uma pena.

[nggallery id=412]

Isso também pode lhe interessar

8 Comentários

  1. não apenas é normal que ideias sejam descartadas como tb é normal, normalíssimo, praxe até, que telas artes conceituais sejam muito mais bem feitas do que o jogo depois de finalizado.

    se for pra dizer que o DKC tem um visual “padrão demais”, ok, tb acho em partes do jogo. mas caramba, que gamer adora procurar motivo pra falar mal do wii, te contar…

    1. “que gamer adora procurar motivo pra falar mal do wii, te contar… ”

      – pior do que estes acima, são aqueles que ficam “doloridos” com qualquer conversa que envolva gráficos no wii. Se ler a matéria com atenção, em nenhum momento eu reclamei dos graficos ou da potencia do wii frente a outros consoles HD, usando isso como desculpa para falar mal dos gráficos de DKCR, muito pelo contrário, reafirmei que mesmo diante das limitações do console, ainda tem muita coisa que é possível ser feito e que deixa qualquer game muito bonito.

  2. Eu qria q DKCR fosse um remake mesmo como fizeram em Teenage Mutant Ninja Turtles re leashed ( de Teenage Mutant Ninja Turtles – Turtles in Time)

  3. como o JV disse, é mais que normal as artes conceituais serem mais bem feitas!
    Mas concordo que eles poderiam ousar mais nos graficos!
    enfim, concordo em partes com os dois rsrsrs (Jv e T_Thiago)

  4. Nossa não joguei o game (apesar de querer) mas essas artes conceituais são de cair o queixo.
    Será que um dia chego a esse nível?
    liofreitas.blogspot.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.