Community: a melhor série de comédia atual? Para mim, é! [PdS] [2×22]

Community, episódio 22, da 2º Temporada. Mesmo se você não assitiu a esse episódio, pode ficar traquilo e seguir adiante (até certo ponto – você saberá!)

Community vem evoluindo desde sempre, desde o primeiro episódio que assisti, há 2 anos, na primeira temporada, no início de tudo (o famoso “piloto”).

É bem facilmente identificável as alterações, até mesmo na personalidade de alguns personagens, na construção de outras, até chegar ao meio da primeira temporada – quando, para mim, tomou o primeiro lugar da minha lista pessoal, do gênero comédia!

Abed tinha se tornado Abed de vez, quando no piloto aparentava ser só um cara inteligente que falava muito rápido. Jeff deixou de ser apenas um advogado frustrado, para tornar-se “Jeff Winger”, oras! O cara que resolve tudo, a voz mais ouvida, e assim sucessivamente… (o que é normal, todas as séries são assim!).

Mas, voltanto… Episódios impressionantes e marcantes como o do “paintball”, o da sinuca (onde a partida leva ao ápice da nudez total!), os diferentes tipos de direção, as paródias de  filmes e de outras séries, feitas de forma inteligente e peculiar – fugindo totalmente do “fácil modelo pastelão”.

Isso tudo combinado aos episódios em que o roteiro original se destaca, e também à grandes atuações (divertidas demais!), deu oportunidade de renovação para mais uma temporada.

Eis então que a segunda temporada começou e a série sofreu algumas outras modificações…

Algumas, eu gostei muito, como a intensificação das personalidades, a loucura nerd de Abed, o jeito “esquisito” de Troy, o facista/racista/mau caráter Pierce, a natureba Britta, o bonitão e orgulhoso Jeff, a puritana Shirley e a certinha Annie.

Não curti as lições de moral que se sucederam em alguns episódios, ficou uma coisa meio “Scrubs”, sabe? Em que, no final, alguma coisa tinha de ser concluída, com uma musiquinha de fundo.

Mas, isso é facilmente abstraído por excelentes roteiros originais, como o episódio do foguete, o que a caneta fica perdida, o episódio da votação da entrada de Chang ou não no grupo, votação do líder estudantil, o teatro sobre drogas, enfim – cenas que me fizeram rir alto e diálogos que mereceram ser assistidos mais de uma vez, até! Destaque também para o episódio do RPG! Sensacional! E a ousadia dos produtores de fazer um episódio em stop motion, o qual não me diverti muito. Mas admirei a iniciativa, sair da zona de conforto…

Aliás, já que mencionei Chang: eu adoro a personagem! Ele é muuuito louco e o fato de ter inventado o verbo “changuear” foi mais uma dentro por parte da equipe de produção da série.

E é por essas todas as qualidades, de pessoas carismáticas e temas diversos que surgem a cada episódio, (mesmo com continuidade nos fatos), que a série foi renovada mais uma vez!!

Agora, após a looonga introdução, podemos finalmente falar do último episódio lançado: o episódio 22!

Atenção: não tem spoiler diretamente, eu dou uma passada por tudo o que acontece, mas não falo como, nem o que é na verdade. Mas, se você é daqueles que preferem ficar 100% sem saber de nada mesmo, nem somente “pinceladas”, não recomendo continuar…

Mas, voltando (mais uma vez). O episódio aqui “analisado” foi lançado no dia 24 de abril, nos EUA e, realmente, não sei dar uma previsão de estreia no Brasil… Episódio esse que deu um fim à gestação de Shirley e ao suspense: quem é o pai do bebê?!

Tudo foi contado tão naturalmente, com histórias paralelas tão divertidas, que passou rápido, como se tivesse dez minutos, e não 20 de duração…!

Pierce apareceu insuportavelmente como Pierce, com propostas indecentes e atentados ao politicamente correto; Britta foi natureba até o fim (Deus sabe até onde ela agüentou)! A amizade esquista de Troy e Abed também tiveram força nesse episódio que deu espaço até mesmo para a implicância natural de Jeff!

E como se não bastasse, o episódio reuniu o reitor e o professor de antropologia, além de contar com os absurdos de sempre de Chang!

Bom, o que quero dizer com tudo isso, é o seguinte: um episódio tão maduro, tão curto e ao mesmo tempo tão completo, com todos os personagens aparecendo e brilhando de uma só vez e, mesmo assim, nada soou forçado!

Adorei a forma como começou de um jeito e foi tomando outro rumo, tão naturalmente, que parecia um episódio bom dos Simpsons, sabe? Quando a premissa só servia para iniciar o assunto real do espisódio…

Então, em resumo: para mim, é a série de comédia ideal, imprescindível que você, nem ninguém que você conheça, deve deixar de assistir! E serve para mostrar que a série pode (e deve) evoluir, sem alterar a construção inicial dos personagens e suas personalidades (após solidificá-las), simplesmente para “estender” e ganhar mais dinheiro, entendem?

Em breve, o PdS do episódio 23 (chegando no final da temporada!)! Mas corra e assita! Porque Community é imperdível pô!

Isso também pode lhe interessar

20 Comentários

  1. Whoa, wait, whoa.

    Eu ACABEI de recomendar isso no Wallpaper do Dia da Dakini!

    Edit: Fui procurar sobre Community no site… pelo visto, fui eu que não fiz a pesquisa direito… <^^'
    (eu não tinha conhecido pelo site, e sim por um amigo, no começo do ano…)

    Sem entrar muito em detalhes (ainda não cheguei a ver depois do 2×20), mas também estou adorando a segunda temporada… e os dois últimos episódios, pelo que vi por aí, levam Paintball no nome… comparado a Modern Warfare, como serão eles? õ_o

    Also, só precisava reafirmar isso: Abed é meu herói. Pronto.

      1. Recomendado a série, mesmo xD

        Mas como não via muita exposição do nome Community por aqui, achei que tinha passado batido, então… <^^'

        Malz, nem sabia que o Theo já tinha recomendado… @_@

        1. Mas acho que você está correto, até certo ponot, porque não lembro de um PdS, de qualquer forma!!

          Bom, o que importa é que a série é muuito legal e agora está por aqui também, oras!

  2. assisti um episódio dessa serie acidentalmente, adorei, não acompanho mas já vi uns 4 ou 5 episódios.

    E já coloquei na gravação recorrente.

    O chines é muito engraçado, Chevy Chase também é hilário.

  3. Community e the office são minhas preferidas, the office na minha opinião é a mais genial, e community é bem genial tbm, mas gosto MUITO dela pelas várias referencias nerds.. acho isso mt foda ..

  4. Eu comecei a assistir Community porque conhecia o Joel Mchale do The Soup, e num dos episódios ele fez propaganda sobre a nova série que ele ia atuar.

    Não deu outra comecei a curtir demais a série, roteiro muito bom, piadas atuais e é claro hilárias, um prato cheio pra quer curte uma boa comédia.

    Acabei de assistir o episódio 23 e to muito feliz que a guerra do Paintball voltou
    , essa temporada vai fechar com chave de ouro.

  5. Community é foooooooooodaaaa!!! Quando sai o 02×23???

    Devo ter assistido a série em 1 semana (é, não tenho muita vida mesmo não).

    Quanto ao moralismo, só aceito se for MUITO bom, às vezes as séries mostram alguma coisa do Abed, tô esperando mais dele.

    Aliás, o Chang é fooooda, des da primeira vez que eu vi ele já gostei do personagem, quando ele diz “Há, Gaaaaaaaaaaaayyyy” é demais (aula de antropologia – Jeff diz sobre respeito). Heheh

    Não tenho muito o que dizer mesmo, até, espero ver os próximos episódios, ótima série.

    1. Erik, já saiu o 23! Mas, só vou postar sobre ele depois, hoje foi para a gente relembrar tudo, falar um pouco do histórico da série e ver se o pessoal respondia bem!

      Até a próxima!

  6. Assisti a primeira tempora ano passado e curti bastante. Estou esperando acabar essa para eu assistir tudo de uma vez só, mas na minha opinião acho difícil superar The Big Bang Theory que para mim é o mais engraçado.

    1. Pois é, devo admitir que essa 4º temporada de big bang theory voltou a ser engraçada, em alguns momentos…

      Mas, acho community mais imprevisível, inteligente do que big bang – que se foca nas mesmas piadas contraditórias – TODOS os episódios começam com eles conversando no refeitório ou em outro espaço sobre algum assunto sem sentido aparente, enfim…

      Big Bang Theory é uma série boa, mas acomodada…

      1. TBBT já deixou de ser GENIAL lá no meio da terceira temporada, agora só fala de sexo, bebida e coisas desse tipo, diria que agora mesmo que virou uma série “Chuck Lorre”, estilo TAHM.. community, parks and recreation, modern family e the office que, na minha opinião, são comédias inteligentes, que te fazem pensar ..

        1. Modern Family também é muito legal mesmo… Só vi a temporada 1, até aquele momento era muito boa… Mas, falta de tempo não deixou conferir o resto! XD

  7. Pra mim a melhor era Two and a Half Men, mas todos sabemos as babaquices que o Charlie Sheen vem fazendo, tomara que a série volte com ou sem ele… Big Bang acho engraçado, mas muito repetitivo, não animei de ver a série toda em sequencia ainda… Esse Community eu ouvi falar muito bem e penso em assitir ele completo até uma definição sobre TAHM…

  8. Po quanto elogio! Única série que de comédia que tava com vontade de acompanhar é Big Bang Theory, apesar de assistir Friends e Two and a Half Man quando tinha alguns canais da tv a cabo aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.