Conversa de MangáJapão

Conversa de Mangá: Bleach 464 – Quiet Chamber, Noisy Heart

Bleach: Capítulo 464 foi disponibilizado dia 13 de setembro: “Quiet Chamber, Noisy Heart”.

Se você não sabe o que é o projeto Conversa de Mangá, clique aqui. Depois do “continue”, a gente conversa mais:

Aviso: Continue apenas se você já leu o capítulo 464 de Bleach. Atualmente acompanho o mangá pelo site Mangá Stream, e a qualidade da scan é absurdamente fantástica! Basta não ter medo de inglês. Mas, em todo caso, a BleachProject tem a tradução em Português. 😉

Bleach 464
Quiet Chamber, Noisy Heart

Há duas coisas que preciso mencionar sobre o capítulo 463, que não teve CdM semana passada: primeiro que achei interessante e intrigante o Ginjou realmente ter recusado a dividir os poderes do Ichigo com o Tsukishima. Realmente o vínculo destes dois vilões me parece mais complexo do que aparente. Há uma rivalidade entre eles e mesmo assim, estavam trabalhando juntos e a forma como o Tsukishima está todo calmo em relação a toda essa situação me deixa meio apreensivo, pois o Aizen também tinha esse jeitão de “to nem ae porque ninguém me vence mesmo”. A segunda coisa é a forma fenomenal na qual o Kubo terminou o capítulo, um dos melhores finais que ele faz para um capítulo semanal em muito tempo. Nem me recordo qual foi o último tão animal assim. Mas é Zaraki Kenpachi, né? Não podia ser diferente de forma alguma. Adorei a fala do Kenpachi “Chato pra caramba”. De certa forma refleto um pouco dos meus sentimentos para com estes inimigos, que não me dão qualquer sensação de perigo.

Quanto ao capítulo desta semana, gostei de como a narrativa foi conduzida, dividida em vários personagens e as apresentações dos respectivos oponentes e áreas de lutas. Kenpachi venceu mesmo o grandalhão que nem me dei o trabalho de guardar o nome. E já tava indo embora pra Soul Society se não fosse a Yachiru dar uns tapões nele. Rá! Será que alguém ficou bravo porque isso quer dizer que não vai ter luta para o personagem participar nestas batalhas que começam? Pra mim, Kenpachi já fez o que tinha que fazer e ganhou um dos momentos mais apelões do arco. Pode ir pra casa.

Boa idéia o Kubo não fazer o Ichigo lutar com o Ginjou sozinho, Ishida entrou na chat-room dos dois. Seria chato outro duelo mano a mano do Ichigo, apesar de que ainda acho muito sem noção o Ginjou conseguir se igualar com o Ichigo de agora, para somar, ainda tem o Ishida. Fiquei curioso quanto a conclusão que este chegou quanto a omissão da Soul Society em relação ao papel do shinigami substituto, o fim do diálogo ele parece concluir alguma coisa importante e novamente, deixou o Ichigo de fora já que ele não faz questão mesmo em saber. Agora é ver se o Kubo conduz direito a luta dos três!

Toshiro ficou com o “Garoto-psp”, já esqueci o nome do carinha também. Não faz mal, depois a gente aprende se ele desempenhar algo memorável nos próximos capítulos. A ideia de usar a habilidade dele para separar as lutas e cenários das batalhas foi genial. Kubo mandou muito bem nesse sentido. E parece que a batalha do Toshiro vai ser cheio de referências ao universo dos videogames, o que pode ser interessante pra quem é gamer (como eu). Mas será que a batalha dura o suficiente para tirar proveito dessa ideia?

Rá! Rukia ficou ótima mesmo de cabelo curtinho. A cena dela com as pelúcias ficou muito engraçado. Ainda acho que a Riruka (opa, essa eu sei o nome!) não vai lutar de verdade com a Rukia. As duas tem jeitão de que ainda podem virar amigas, já que a Riruka parece gostar do Ichigo e já havia mencionado que nem queria os poderes dele. Será que ela muda pro lado dos mocinhos. Não antes é claro fazer a Rukia sofrer um pouco com os ataques das pelúcias. XD

Por fim, Byakura vs Tsukishima. Adorei a explicação que ele deu sobre porque não deixar o Zaraki lutar com o Tsukishima. Realmente não tinha pensado por esse ângulo semana passada, quando torci pela troca de oponentes. Byakura também mandou bem no discursinho dele, chamando o Tsukishima de covarde e tal. Vamos ver se ele consegue fazer o vilão perde o controle e ficar com raiva, perdendo essa aura “zen-aizen”. Mas se Byakura perde essa luta, será algo ainda mais interessante, afinal, tirando a luta dele com Ichigo, ele não perdeu qualquer outra, não? Seria bom ter um vilão de verdade nesta saga, do que o fanfarrão do Ginjou.

Ainda faltou ver o Ikkaku contra o carinha aliado ao Tsukishima e o Renji com aquele do “Dirty Boots”. Quem sabe na próxima semana. Por sinal, falando em Ikkaku, adorei a chamada no rabo que ele deu no Ichigo no capítulo da semana passada, enquando enfiava sua espada no peito do “Garoto-psp”. Tudo ok então em matar alguns humanos malvados, Soul Society?

Obs: Galera não fiquem perguntando quando vai sair CdM “X” ou “Y” ou qual será o próximo CdM. Sai quando estiver pronto. Tem dia que eu não me importo de ver leitor cobrando, mas eu já deixei de fazer CdM em certos dias de tanto que vem leitor em outras postagens aqui do blog ou até mesmo no twitter cobrar pelos CdMs. Acabo me sentido pressionado e, de birra, perco o tesão em fazer o texto. Sei que alguns não fazem por mal e tal, e boa parte é educada quando pede, mas ainda assim, tenham um pouco de paciência. Curtam as outras matérias do blog enquanto os CdMs não saem. Se não saiu é porque algo nos bastidores aconteceu e não deu mesmo. A gente faz isso pela diversão e não pela obrigação, sabem? Tanto que estamos com alguns problemas internos que estamos resolvendo antes de chamar mais pessoas para equipe e estrear novas áreas no blog. É chato vir falar assim, eu sei, mas segurem a ansiedade e aguardem porque estamos nos esforçando pra trazer novidades e manter os projetos que já temos sempre em dia. O CdM não feito semana passada foi uma fatalidade mesmo. Beleza assim? 😉

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios