O universo das HQ's perde um gênio: Sergio Bonelli [HQ]

O dia de hoje vai entrar para a história como o dia em que uma das maiores lendas das histórias em quadrinhos nos deixou. Faleceu aos 79 anos em Monza, cidade da Itália, um dos nomes mais queridos da nona arte: Sergio Bonelli. As causas da morte ainda não foram divulgadas, mas a perda de Bonelli já causa comoção não só na Itália, mas em todo o mundo.

Sergio Bonelli era filho de Gian Luigi Bonelli (1908-2001), o criador do lendário personagem Tex. Sergio seguiu os passos do pai e com trabalho e dedicação transformou o personagem criado por seu pai em um símbolo dos quadrinhos italianos, chamados por lá de fumetti. Sergio também era conhecido pelo pseudônimo Guido Nolitta, nome que usava para não ser confundido com seu pai.

E não só isso, Sergio criou personagens como Zagor e Mister No, e comandou a expansão da pequena editora fundada por seu pai, criando assim por meio da Sergio Bonelli Editore o “Universo Bonelli”, que estabeleu conceitos como as publicações em formatinhos preto e branco nos quais seus personagens conquistaram o coração dos italianos e amantes de hq’s de todo o mundo por meio de histórias apresentadas nas revistas de Tex, Zagor, Mister No, Martin Mystère, Dylan Dog (que inclusive ganhou recentemente um filme live-action), Nathan Never, Dampyr, entre muitos outros.

No Brasil, seus personagens são muito queridos, sendo publicados há mais de 60 anos. Atualmente nas bancas daqui podemos encontrar as séries Tex, J. Kendall, Zagor e Mágico Vento. Eu atualmente não leio os fumettis com muita assiduidade, mas conheço-os desde a infância e sei da importância desse universo tão rico e único, e por isso me junto ao coro daqueles que não só lamentam, mas agradecem pelo magistral trabalho que marcou a vida de Sergio Bonelli.

Isso também pode lhe interessar

5 Comentários

  1. Confesso que nunca li muita coisa do Bonellli, apesar de saber que tem muita gente que ama os trabalhos dele, eu só me interessei por Zagor, e só li algumas…

    Pensando agora, vejo o quanto vai fazer falta ele… tanta gente que gosta…

  2. Li bastante quadrinhos da Bonelli comics na adolescencia, MUITO melhor que Marvel e DC com sua cronologia confusa, histórias de baixa qualidade, preço mais alto e só 10 ou 20 paginas por edição.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.