Pra tudo tem um jeito!

Se o Yoh já dizia, quem sou eu para discordar? Que a luta dos Shamans recomeçe!

Não há mal que sempre dure, nem bem que nunca se acabe e lutar contra isso nem sempre é uma boa idéia. Mesmo assim um dos mangás que eu julgo ser completamente insuperável, nem tanto em termos de história, mas imbatível quando se fala de seus personagens, vai ganhar um novo fôlego no Japão, é Shaman King: Flowers pelas mãos do próprio Hiroyuki Takei. O mangá começa a ser serializado na Jump X, no dia 10 de abril. E bem… sou fanzaço do trabalho do cara, mas sinceramente não sei bem o que esperar, muito embora devesse. Li toda a série de one shots que saíram depois que o mangá terminou de forma oficial e cada quadro, cada memória ou detalhe a mais ali davam mesmo a entender que o criador ainda tinha vontade de tocar aquela história pra frente. O único problema é que eu não esperava acabar sendo meio que traído por ser tão entusiasta do Yoh.

Praticamente ninguém realmente relevante pra trama foi esquecido, Horo Horo, Chocolove, o Hen, Tamao, Ponchi e Konchi, a Anna, Amidamaru e principalmente o Ryu que foi o que mais apareceu, entre outros mais. Só que eu acabei não me sentindo 100% contente vendo o Yoh crescido, com aquele cabelão e enfim curtindo a vida sem estresse como ele sempre quis.

Eu sempre gostei dele mais do que deveria, porque o modo como o Yoh tratava dos problemas, dos seus adversários, o modo como ele cativava as pessoas a sua volta, mesmo os mais durões como o Hen, era algo fora do comum pra mim. O Yoh não era o cara que estava atrás de mais poder para proteger os amigos, também não era o cara que queria dominar o mundo, ser o rei de algum lugar ou simplesmente ganhar status, fama ou que quer que fosse. Tudo o que ele queria era sentar na grama, observar as nuvens, tirar um bom cochilo, viver uma vida de paz e sossego e nada mais.

Como a maioria dos protagonistas shonen são pessoas obstinadas e guerreiras por natureza, personagens criados para conquistar os seus objetivos somente mediante a muito trabalho duro e disciplina, observar a evolução de um herói tão sereno e preguiçoso como Yoh e acima de tudo me certificar de que ele nunca se perdeu na sua essência foi um dos maiores prazeres que eu já tive. Mais até no anime que no próprio mangá que o inspirou. Então sei lá… ver ele enfim deixando a cena principal foi marcante, divertido, mas ao mesmo tempo um tanto triste pra mim.

Hoje eu peguei o último one shot da série pra ler de novo e só me senti alegre pela possibilidade de rever todos mais uma vez. O clima dá a entender que mesmo crescidos, o velho time da colina Funbari ainda vai se fazer muito presente na jornada do Hana. Mas o protagonista ainda não me diz nada e algumas situações meio clichês só colaboram para isso.

Mas calma lá, vamos dizer que essas são apenas as minhas primeiras impressões. Não vou dizer que espero ver uma cópia do Yoh no Hana, o Yoh é único e por mais que eu quisesse uma continuação de tudo o que a gente já viu, uma luta dos Shamans sem um vencedor (porque quem ganhou era meio que café com leite, por assim dizer) foi a melhor escolha para aquele grupo de amigos tão emblemático.

Então vou dizer apenas que espero muito por um personagem tão fascinante quanto foi o Yoh. ”Surpreenda-me novamente, por favor” acho que é a palavra certa para definir o que estou sentindo com esse anúncio. Se em Flowers o mestre Takei puder nos brindar mais uma vez com algo tão bom se não do mesmo bom gosto que foi o mangá anterior, vou passar a acreditar mais em continuações inesperadas no mundo dos mangás. Ser menos cético nessa vida já cheia de pessimismo e por fim exercitar mais vezes aquele velho lema do Yoh que não por acaso adotei um dia desses: Pra tudo tem um jeito.

Isso também pode lhe interessar

21 Comentários

  1. Cara, essa é uma série que me decepcionou muito (o original, é claro). Do começo do mangá até boa parte do shaman fight o mangá era muito bom, de repente começou aquela fase do "festival das estrelas" que durou uma eternidade, onde nada acontecia e depois o mangá me acaba quando o Takei tinha resolvido acabar a história!

    Não achei o Kazenban o final digno que a série merecia (poucos capítulos para isso), mas melhor o Kazenban do que não ter final nenhum.

    1. O mangá não ia bem das pernas e a Shonen Jump tesourou sem dó, só um tempo depois é que chamaram o cara pra terminar, mas com o tempo limitado, não teve como o Takei não correr com a história. Tbm achei uma pena, queria ver um final tão empolgante quanto o do anime, mas nem tudo pode ser perfeito! =(

  2. gosto muito desse manga….mas o final realmente frustrante XD
    esse segundo final não cheguei a ver..mas bem q gostaria…
    li esse capitulo ai do flowers…e não entendi nada =_="
    achava q o hana era filho do yoh e da anna……..agora aparece uma outra menina q é filha do hao q foi cuidada pela anna? e o hao q virou msm o rei shaman?? x_x
    embananei geral…

    1. O Hana é mesmo filho do Yoh com a Anna, mas eu não vou te spoilar sobre o porque ele é tratado como filho da Tamao. Em vez disso vou te recomendar que leia todos os one shots que o Takei lançou antes desse especial. Tu vai ver a explicação no decorrer de um deles, só não me lembro agora qual! XD

      1. mas ond acho?
        li outro dia akeles one shots dos personagens no passado…
        e no final do manga lançado aki so mostrou ele sendo cuidado pela tamao msm…

        e não se preocupe…eu gosto d spoiler XD Oo

        1. Ué? Mas tu disse que já leu! XD
          De qualquer forma se quiser traduzido tem no forum da Shaman King BR, os caras de lá mesmo que traduziram. Tem um especial chamado Remix Track que é bem engraçado.
          http://forum.shamankingbr.com/forum/854700/

          Lá só fica faltando Funbari No Uta, que é exatamente antes desse one shot que eu linkei no post. Tu pode baixar desse outro site aí embaixo que tá numa qualidade boa. Quanto ao spoiler, [SPOILERS] na verdade é uma ceninha bem pequena com a Tamao dizendo que o Yoh e a Anna estão voltando e que em breve vai chegar a hora dela revelar que não é a mãe dele, só o que ainda não se explicou é o porque deles terem enganado o pivete. [/SPOILERS]
          http://www.baka-neko.net/2010/11/shaman-king-funb

          1. eu queria achar akele com o "final novo" XD
            a coleção dele tenho completa…com o final "maluco corrido" XD
            vou dar uma olhadinha X3

            é q ultimamente ta saindo tanta coisa parece…q fikei total perdida
            igual qnd saiu os filmes remixados do evangelion…tava toda perdida kkk

  3. Yoh é um dos protagonistas mais legais, essa personalidade dele que eu curto muito. Deve ser difícil mesmo ver um outro personagem como protagonista.

    Acompanhei pouco o mangá, e o anime um pouco mais (e fiquei com aquele mindfuck no final dele rs). Vou ver se consigo ler o mangá inteiro e baixar o anime todo também, sempre curti SK.

  4. @Camilla
    Se tu tá falando dos capítulos com o final novo e broxante (XD) ele tem lá no forum tbm, os caras lançaram na mesma época em que os kazenbans tavam bombando, mas se não me engano tá tudo ON ainda!

  5. Esses dias estava tirando o pó de meus mangás de shaman king, e pensando: "não vejo a hora de ver Shaman King Flowers" E você me vêm com um post desses!!! A ansiedade só cresce! Shaman King é um dos meus mangás/animes favoritos. Ainda sonho com um remake no melhor estilo FMA: Brotherhood, seguindo o mangá fielmente! Acredito que seja o sonho de todos os fãs hehehe! Quem sabe né!

      1. Acho que ambos são imperdíveis! XD

        @Simiano
        Uns tempos atrás tinha um fansub legendando, mas não sei se levaram adiante.

        Tem tbm esse site aqui, é daqueles de reencoder, mas eles tem uns links pra Shaman King que parecem estar numa qualidade bem acima dos outros animes do site. É dar uma olhada e ver qual é. http://www.avidown.net/

        Agora pra imagem superhypermegablastermasterfodástica acho que só garimpando um bom tracker mesmo! XD

  6. Yoh Asakura, sempre será o protagonista que mais gosto, tanto pelo que disse Kon, como pelo fato dele considerar cada vida como algo realmente precioso. Na minha opinião Yoh é o verdadeiro herói, ou, anti-herói como alguns preferem, o fato de procurar sempre algo de bom nas pessoas, não importando quem seja, é um ponto muito positivo ao meu ver.

    O mangá acabou me decepcionando também, por diversos motivos, as mortes foram uma deles. Hao, foi um vilão que na época, pelo menos, achei bem trabalhando e interessante, praticamente inderrotável. Não terminei de ler Shaman King, parei dez volumes (da JBC) antes do final, mas mesmo assim o "carinho" por Yoh continua.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.