O futuro dos indies está aqui: Steam Greenlight!

Nada de burocracia de uma Live ou PSN, aqui é quem compra que escolhe!

Jogos indie roots (aqueles que estão na cara e na coragem, sem uma EA, WB Games, por trás) sempre encontraram muitas vezes a suas dificuldade maior em serem mais conhecidos para assim ter apelo para serem lançados em grandes serviços de distribuição digital.

Muita porqueira chega nas mãos das empresas, e por causa destes quantas pérolas nós já perdemos? Quantos Minecrafts poderiam ter surgido? Quantos Super Meat Boys deixamos de desafiar? As empresas acabam sem contingente hábil para avaliar tantas entradas, e Limbo é o destino de poucas obras, muitas acabam indo para o limbo mesmo.

Em uma época aonde desenvolvedores tomaram conta do Kickstarter para buscarem seus sonhos e mostrarem ao mundo porque eles seriam merecedores do seu dinheiro para levar aquilo à frente, porque não deixar quem está com o controle na mão escolher o que deseja ser publicado? O que merece figurar no grande Hall dos Indies da geração?

Steam Greenlight parece ser a resposta que a Valve encontrou para esta pergunta. Como berço dos indie games, os computadores agora terão uma nova ferramenta para decidir qual será o próximo sucesso da Steam Sale de Natal.

Os desenvolvedores terão sua chance de convencer você a gastar dinheiro com o jogo (pra comprá-lo, não para fazê-lo), e terão um espaço de propaganda mais livre, em um ambiente integrado com a maior plataforma de games de PC, o lugar aonde basicamente todos os gamers desta plataforma podem ser encontrados de uma forma ou de outra.

Sinceramente, achei muito boa a iniciativa da Valve, e é algo que em minha opinião será um grande passo para os indie games, que agora terão maior facilidade em serem publicados independentemente, sem precisar correr atrás de grandes produtoras, e eventualmente acabar sem nada.

Acho que o caminho é esse. O futuro é por aí, e espero que a ideia dê certo para que os outros grandes serviços disponibilizem ferramentas semelhantes. E que venham os bons jogos!

O serviço está planejado para entrar em funcionamento no fim de agosto. O site oficial que possui uma seção FAQ está aqui.

Isso também pode lhe interessar

Um Comentário

  1. exelente,quanto mais ferramentas assim tivermos mais utopico sera o futuro dos games,afinal quando atingirmos os limites graficos (o fotorealismo) oque vai realmente valer é a criatividade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.