Assistindo

É bom que você goste de Peter Pan…

… porque ele vai invadir os cinemas!

A adaptação mais conhecida de Peter Pan é aquela de 1953 feita pela Disney, e que todo mundo já viu. Até existiram algumas tentativas de repaginar o clássico, como aquela mediana versão live action de 2003 ou ou fraquíssimo Hook – A Volta do Capitão Gancho, que nem de longe parece ter sido dirigido por Steven Spielberg.

De olho nessa lacuna e na tendência hollywoodiana de reciclar contos de fadas, um monte de gente decidiu que era hora de fazer mais uma versão com atores do menino que nunca cresce. Lembra quando saíram dois filmes sobre a Branca de Neve no mesmo ano? É mais ou menos isso, mas exponenciado. Vamos dar uma olhada nessas futuras obras de arte (ou bombas, dependendo do seu otimismo).

– Pan (Warner Bros.)

peter_pan_portallos

Esse projeto teve duas notícias recentes, uma dizendo que Joe Wright está em negociação para assumir a cadeira de diretor e outra que Javier Bardem está sendo cotado para ser o Barba Negra. Wright é um sujeito que tem o nome sempre em alta poque seus filmes sempre são indicados a premiações. O mais recente, Anna Karenina, ganhou o Oscar de Melhor Figurino e recebeu mais três indicações.

 Até agora, sabe que a história será sobre como Peter Pan foi levado para a Terra do Nunca, e lá, se tornou o salvador dos nativos na batalha contra os piratas.

– Peter Pan and the Starchatchers (Disney)

Peter-and-the-Starcatchers

O projeto mais promissor até agora. Ele tem Gary Ross na direção, o mesmo sujeito que fez de Jogos Vorazes uma das melhores adaptações de livros do ano passado. Ross disse que não ia dirigir a sequência, Em Chamas, então logo a Disney o chamou para levar outro livro aos cinemas. O livro, que se passa anos antes da história original, trata de quando Peter Pan foi sequestrado e enviado para o Rei Zarboff. A aventura envolve os Apanhadores de Estrelas, seres que pegam a poeira dos corpos celestes antes que caiam em mãos erradas.

O livro é o primeiro de uma série de quatro livros, o que explica o interesse da Disney. Desde Piratas do Caribe que a empresa não encontra uma franquia longa e rentável.

– Neverland (Sony Pictures)

Peter_Pan_And_Wendy

Esse aqui ainda está procurando seu caminho, embora pareça promissor. Há três grandes nomes por trás desse filme: Channing Tatum, Gavin O’Connor e Billy Ray. Tatum é o produtor, função no qual ele se sai melhor que atuando. Gavin O’Connor foi escolhido para a direção. Embora seja meio desconhecido do grande público, seu filme mais recente, Guerreiro, é bastante bom. E por fim temos Billy Ray como roteirista, o maior nome dos três citados aqui. Ele foi um dos roteiristas de Jogos Vorazes (ele de novo!), e foi o roteirista principal de Capitão Phillips, filme que está cotado para receber muitos prêmios.

Os detalhes sobre a história ainda são nebulosos. Sabe-se que contará a origem de Peter Pan e Capitão Gancho, mas nada muito além disso. Alguns sites dizem que, nesse roteiro, eles serão irmãos!

– Pan (Social Captal Fims e Energy Entertainment)

Peter_Pan

Essa é a versão mais diferente de todas que falei aqui. Trata-se de uma releitura moderna e invertida, onde Capitão Gancho é um investigador policial à caça de Pan, um assassino foragido. O elenco de peso inclui Aaron Eckhart como Gancho, Sean Bean como Smee, Terence Stamp (o primeiro General Zod!) num personagem ainda não revelado, e Anna Sophia Robb como Wendy, que nessa versão será uma sobrevivente do maníaco Pan.

Como deu pra perceber, é algo bem bizarro mas que tem potencial, caso esteja nas mãos certas. A direção está a a cargo de Ben Hibon, que ficou mais conhecido no meio cinematográfico quando dirigiu aquela sequência em animação de Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 1. Ele também trabalha com games, tendo participação em Killer 7 e na mini-série animada de Heavenly Sword.

E você, caro leitor, o que acha dessas vindouras adaptações? Reaproveitar histórias antigas é uma boa saída ou apenas prova da falta de criatividade em Hollywood?

[Imagens via DeviantArt]

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Pedro Ivo Maximino

Jornalista em formação. Sou gamer desde os tempos em que passava horas jogando Sonic no velho Master System de um primo. Também sempre gostei de cinema desde aquela época, embora só recentemente tenha me interessado o bastante pelo assunto a ponto de me considerar um cinéfilo. Tomei gosto pela leitura por "culpa" de Harry Potter e hoje leio de tudo. Além do Portallos, escrevo ocasionalmente em meu blog pessoal, o OverLine.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios