JapãoJogando

Dragon Ball Xenoverse leva Goku ao Xbox One e PlayStation 4!

dragon ball xenoverse artwork

Chega um ponto de vida de qualquer jogador em que ele cansa de jogar um determinado game. E isso é muito mais comum com as franquias que possuem sequencias constantes, em grande parte aquelas basicamente anuais, do que com aqueles títulos que conseguem espaçar melhor suas sequências. Dragon Ball, no caso, é um título que me cansou na geração Xbox 360/PlayStation 3.

Tive um game da série. Depois saiu outro com mais personagens, e acabei comprando também. Para logo em seguida, um novo já havia sido anunciado e também era maior do que o anterior, apesar de mecanicamente parecido. Aí já me encheu o saco e parei de dar suporte as sequências anuais. Até cheguei a comprar no começo do ano Dragon Ball Z: Battle of Z, até então o último game da série lançada para a velha geração de consoles, afinal já tinha passado pra frente todas as versões anteriores e porque peguei numa promoção pela metade do preço normal dele. Nem cheguei a jogar! Infelizmente percebi que já estou totalmente na vibe do Xbox One e que serão raras as ocasiões em que voltarei ao Xbox 360. Mas de repente, bateu uma saudade de jogar um jogo de lutinha de Dragon Ball.

E eis que no início de 2015 será lançado Dragon Ball Xenoverse que estará presente nas plataformas de nova geração, Xbox One e PlayStation 4, além claro de sair também para PC, PS3 e X360. Wii U? Você sabe a resposta pra isso, vai. Enfim, será o primeiro game de Dragon Ball para a nova geração. O primeiro de muitos outros provavelmente, mas acho que é válido ficar de olho e quem sabe não pegar no começo do próximo ano? Pra matar mesmo a saudades e enquanto outros games baseados em animês não chegam a estas plataformas. Estou na esperança que no próximo ano saia um Naruto Storm também, e quem sabe já com o final de todo o arco da série, tendo em vias que está chegando ao final o mangá (finalmente). Enquanto isso, Goku e amigos em Xenoverse parece uma boa opção.

O game causou um mimimi uns tempos atrás na internet porque a Bandai-Namco havia feito suspense em torno de um personagem misterioso, que todos acharam que seria algo novo feito pelo criador da série, e depois rolou o balde de água fria quando se descobriu que apenas se tratava de um sistema de customização única de personagem, para que o jogador monte seu próprio personagem no game. Não é uma má ideia, mas não era isso que as expectativas acabaram criando. Mesmo assim, Xenoverse me parece interessante desde o meu último game jogado de Dragon Ball. Muitos personagens, customização não só do personagem, mas parece que de golpes também, exploração tridimensional e aperfeiçoamento do sistema cinematográfico de batalhas. Dragon Ball de lutinha é isso mesmo, não tem muito o que reinventar. Apesar de que eu adoraria um game da franquia de outro gênero, como um Aventura ou RPG. Quem sabe algum dia eles percebam que algo assim seria maneiro, mas por enquanto, só a porradaria entre jogadores já está ótimo!

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.