JogandoLendoRapidinhas

Catarse | O livro Mega Drive Definitivo e o indie game Trajes Fatais!

Antes de começar, um esclarecimento: a correria do dia a dia não anda permitindo vir aqui no site a todo momento recomendar projetos de apoio coletivo na frequência de que gostaria de estar fazendo. Ou até mesmo dedicar um post para cada projeto incrível que vejo por aí, por isso hoje juntei dois em um.

Alias tem crescido a quantidade de pessoas que mandam e-mail para o site pedindo para que o Portallos divulgue algum projeto, seja quadrinhos, games etc. E veja só, se tivesse tempo adoraria recomendar todos. Juro, sério mesmo. E assim, talvez eu não mencione seu projeto hoje, nem amanhã ou depois. Isso não significa que não olhei e que ele não entrou no meu radar, mesmo que eu não responda seu e-mail (porque tem sido difícil responder todos).

Normalmente se estes projetos possuem páginas nas redes sociais (nunca esqueçam de me mandar links), eu corro para curtir e seguir. Entra na minha bolha e assim, talvez não agora, mas eventualmente ele volta a aparecer na minha lista de assuntos que um dia preciso escrever a respeito.

Trajes Fatais

É o caso de Trajes Fatais, do estúdio brasileiro indie Onanim. Me recordo de ter visto o título ano passado, durante a correria que foi a cobertura da Brasil Game Show. Não cheguei a jogar no evento – já que apenas em um dia não dá para conferir tudo – e no momento em que passei pela área indie já havia algumas pessoas jogando e testando e não havia tempo para esperar, apenas espiei rapidamente e o guardei na memória.

Mas tudo que é bom volta. Olha aí a chance de mencionar que o game está com uma campanha no Catarse, já em reta final alias. Corre que senão você perde ela. E no momento da publicação desta postagem, a campanha já está 98% financiada! Provavelmente nas próximas 48 horas o game atinja 100% do financiamento e aí é só aguardar a produção pelos próximos meses!

Para ver a campanha, detalhes, e apoiar Trajes Fatais no Catarse, acesse este link! Já o vídeo abaixo dá uma boa noção de tão bacana é o projeto desse indie game. Por favor, assista!

Essa é a típica ideia que tem de tudo para continuar crescendo após o lançamento do jogo no PC. Parece que no momento a meta do Catarse para um lançamento simultâneo nos consoles da atual geração está um pouco longe, porém não duvido que no futuro veremos o título no Xbox e PlayStation (e como não sou um PC Player, torço muito por isso).

Tomo como exemplo algumas ideias que o próprio estúdio andou compartilhando no Facebook para o game, com personagens adicionais, que também são metas estendidas. Veja só que maneiro a personagem Astronauta e o Homem das Cavernas.

Além de tudo isso o game em seu projeto de 2017 parece lindão. Pesquise os primeiros vídeos, é notável a evolução do desenvolvimento do game. Agora o título está sendo desenvolvido na Unreal Engine 4, a arte pixelada está ainda mais aprimorada, o sistema de combate evoluiu. Está realmente algo muito caprichado.

É um indie game brasileiro que certamente vale a pena ficar de olho! E apoiar no Catarse agora, se você puder.

Warpzone Mega Drive Definitivo

Já ali, no outro lado desse mundinho gamer, tem a galera da revista Warpzone com um projeto gráfico de um livro de luxo, em formatão e capa dura relembrando e homenageando o console queridão de muito marmanjo brasileiro, o Mega Drive!

O livro está sendo produzido em parceria com a Tec Toy, que irá produzir também alguns textos para o projeto. Serão 320 páginas, mais de 1200 jogos mencionados, depoimento de fãs e história de um console que entrou para a história. A capa minimalista (e até meio sóbria) do livro ficou sensacional na minha opinião.

E o melhor de tudo é que no momento em que publico essa indicação, o livro já está totalmente financiado. E ainda há mais alguns dias de campanha para conseguir o exemplar e ter o nome imortalizado em suas páginas.

Não vou mentir. Quando criança, vivida nos anos de ouro dos videogames, meu console predileto sem dúvida nenhuma foi o Super Nintendo. O amor este que durou até a Nintendo cagar tudo com o Wii, mas essa história já cansei de contar por aqui.

O Mega Drive era aquele console estranhão, que jogava na casa do vizinho ou na casa do meu primo. Joguei bons clássicos dele, afinal aqueles eram os bons tempos de locadora de bairro, na qual era possível alugar games de tudo quanto é tipo, sem a necessidade que temos hoje de adquirir os jogos para conhecer como são.

Eu torço muito para que esse projeto gráfico da Warpzone venha a dar muito certo e que com o sucesso do livro dedicado ao Mega Drive posteriormente venham a fazer um nos mesmos moldes para o Super Nintendo.

Para ver a campanha, detalhes, e apoiar Warpzone Mega Drive Definitivo no Catarse, acesse este link!

Fica aí ambas as indicações. Se você tem condições e achou legal, não custa muito dar uma força para essa galera e ver projetos tão incríveis saírem do papel!

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios