The Last Story: Um pouco de justiça sendo feita aos RPG's no branquinho da BigN! [Wii]

The Last Story vem aí e o game não parece pouca coisa não, mas também pudera, sendo produzido por uma das mentes pensantes da era de ouro de Final Fantasy, não se esperava menos que isso, gostei do gameplay, fugindo do habitual sistema de batalhas por turnos, o qual estou mais acostumado, só achei que a movimentação dos personagens podia ser um pouco mais rápida, quando vejo games com liberdade de campo em batalha não consigo deixar de lembrar do dinamismo que as lutas em God Of War III e Bayonetta tem, com seus movimentos não só de ataque, mas também de esquiva. Já o modo como as magias são realizadas  está de bom tamanho para mim, reparem que ao lançá-las você tem o direito de escolher exatamente onde ela vai cair e tem uma boa noção da área que receberá o impacto.

Aliados as magias e liberdade nas batalhas estão os bons gráficos, o game está muito bonito,  excelente em vista do que o Wii pode fazer, deviam pegar esse jogo e esfregar na cara muitas third-parties que andaram fazendo games meia boca aos montes para o console, se bem a própria Nintendo também tem culpa no cartório. Recentemente também foi anunciado que o game terá um modo online para até 6 jogadores, um aspecto do jogo interessante e ao mesmo tempo duvidoso, afinal, ninguém nunca recebeu uma recomendação de uso para a rede do Wii, que comparada a PSN ou XBLA deixa demais a desejar, porém segundo declarações de Sakaguchi, o modo multiplayer online pode surpreender, com um sistema de batalhas por equipe ou solo, dependendo do modo de jogo também será levado em conta (ou não) o nível de habilidade do jogador, e se você está achando pouco, ainda está prometida uma maior interação durante as partidas através de chat online.

E sobre a duração do game? Ela será longa, mas dependerá também do interesse do jogador em completar as diversas missões paralelas que o game terá, bem como o empenho em evoluir o nível de seus personagens, concluindo, parece que a Nintendo não quer deixar a peteca do Wii cair tão cedo, só é desanimador ver que a BigN só agora veio enxergar isso, vamos torcer para que mais games de qualidade e menos games (medíocres) casuais dêem as cara este ano. The Last Story tem data de lançamento marcada para 27 de janeiro no Japão, e no ocidente? Só Deus sabe.

Isso também pode lhe interessar

10 Comentários

  1. Esse e Xenoblade são os que eu mais espero!
    Acho que já to de saco cheio de RPG de turno, sempre a mema coisa de Attack, Magic, Item, Run, comprar equipamentos que não fazem diferença no visual, monstros que surgem do nada… xD

    1. Quando eu comprei o Wii, eu era um tapadão, não sabia quase nada do console e achava que a lineup (gráficos idem) dele era tão boa, se não melhor (pelos exclusivos) que a do PS3 e Xbox (que eu mal conhecia na época), nem preciso dizer que eu tomei um belo banho de água fria, o Wii é excelente pra efeito de nostalgia, se tu quer jogar SNEs nele, tu consegue, clássicos do N64? Idem, Gamecube eu nem preciso falar né? Sem contar a variedade de homebrews, porém o Wii não vive só disso, e além da própria Nintendo, as third parties também tem de ajudar a empresa e fazer games que prestem, mas infelizmente não é isso o que acontece, o Kinect tá ai e as vendas do Wii comecam a cair, a Nintendo não tem mais o efeito surpresa dos games casuais, nada contra, já perdi uns bons tempos com Wii Sports e afins, mas a Nintendo se concentrou muito nisso e deixou que um número absurdo de porcarias fossem produzidas para o console, você passa pela lineup do Wii e vê trocentos genêricos do Wii Sports, ou de um jogo de golfe, ou de tenis, enfim, sem falar em algumas pérolas que eu só tenho vontade esquecer.
      A Nintendo só veio acordar agora, lançou uma porrada de games de franquias que já deveriam ter dados as caras a muito tempo, e apesar de não admitir deve arregalado os olhos quando viu a pré venda do Kinect criar fila de espera no Reino Unido no fim do ano passado (apesar do público maior do Wii estar no Japão), tamanha é a curiosidade por um acessório que dispensa controles e deixa o impreciso Wiimote como algo quase que passado (PSMOVE também deve ter assustado) mais uma vez nada conta o casual, mas ao mesmo tempo em que ele foi a mina de ouro da BigN, agora ele é seu pior inimigo, olhando pra trás, parece até que a Nintendo achou que venderia horrores durante a geração inteira só pelos games com sensor de movimentos, agora ou lançam jogos que prestem e chamem a atenção ou pode preparar um novo console HD (se não já estiverem fazendo isso), fato que é outro pecado gravíssimo por parte da empresa, pois apostou todas a fichas na inovação dos controles sem imaginar que a falta de gráficos de última geração poderia tornar o hardware obsoleto e forçá-los lançar um sucessor antes da hora, agora chegamos a isso, eu posso até estar enganado, mas acho que o atual dilema da Nintendo é lançar ou não um console novo até o ano que vem, pois mesmo com jogos bons, o Wii parece estar em cima de uma mesa de operação passando por uma cirurgia crítica, hora acorda, hora morre, uma hora ás vendas sobem aos céus em virtude de algum lançamento, para cairem não muito tempo depois, já que o console mal tem atrativo para concorrer com os consoles HD, é parecido com a situação do PSP, onde a Sony insite em dizer que o portátil ainda vai longe, enquanto cada vez mais pedem por um sucessor do mesmo, enfim…

      E olha só que loucura, já dava pra ter criado um post com isso, culpa sua Mauri! XD

      1. Faz um post aí, só não esqece de mostrar que a Nintendo tem mais da metade do mercado de games, é a que mais lucra, a que mais tem ações valorizadas, etc xD

        Mas não culpe a Nintendo, e sim as thirds e ses consumidores 🙂

        1. KKkk… fica pra outra vez, a Nintendo é tudo isso ai e mais um pouco, mas nem por isso está numa posição confortável na qual possa dizer que não teme a concorrência, admiro a empresa e a sua versatilidade em apostar em inovações que as outras tempos depois correm atrás pra copiar, mas ainda assim acho que a Nintendo tem culpa sim no cartório por fechar os olhos para seus antigos seguimentos e se focar apenas numa coisa só, o mundo não é só o Japão e o mercado de games não se resume a games casuais ou shooters como no 360, eles esqueceram quase que totalmente dos fãs de longa data pra satisfazer um novo público, agora é hora de correr atrás e trazer de volta quem não bota mais fé na empresa, é o que eu acho!

  2. ALELUIA!!!
    Neste post o KonSama não falou que o jogo poderia ser lançado pra PS360 ja que ficaria mais bonito neles!!! Ainda bem que nesse post ele reconheceu que não é só os consoles HD que merece jogos bons e com um bom desempenho gráfico! Wii tambem é um console de ultima geração que apesar de não ter hardware como PS360, é um ótimo console!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.