JapãoLendo

Elfen Lied traz uma pitada de novidades para os momentos conclusivos! [MdQ] [Vol. 09 e 10]

E o manga está se aproximando dos momentos conclusivos, muita coisa está acontecendo que marca este que parece ser o fim de uma das publicações mais interessantes que já vi. E pensar que tudo se iniciou há 5 anos atrás quando assisti ao anime sem conclusão, e ficou aquele gostinho de quero mais, mas finalmente com a ajuda da Panini poderemos conferir o fim da história de Lyn Okamoto.

Estas edições tentarei ser mais breve na história, focando nos fatos mais relevantes destes momentos conclusivos. No momento em que escrevo este post já tenho em mãos as edições 11 e 12, mas ainda não os li, portanto vamos divagar sobre os acontecimentos destas.

Finalmente uma capa com um homem na edição 09, uma homenagem muito bacana para Bandou. Já na edição 10, dois personagens dão as caras na capa, quebrando a corrente de um personagem por capa. Eu gosto de capas simplistas com um personagem como estava sendo feito, me lembro agora de D. Gray Man e suas capas no início tão bacanas, mas as as atuais são tão poluídas. Enquanto as capas de Naruto e One Piece são fantásticas, e tem artes bem trabalhadas porém nem tão carregadas.


Começamos a edição com o fatídico encontro de Bandou com Nyu, que logo desperta. Eu já não entendo mais quantas personalidades a personagem possui, para mim, parece ser mais de três. Contava muito com esse encontro, porém o desfecho dele não era o esperado, gostava muito do personagem não queria que ele morresse, mas todo a batalha foi bem empolgante, com momentos bem inesperados, como a morte do cosplay de Hellsing.

Passado isso, somos apresentados a mais um personagem bizarro, um homem, cunjo nome é Nousou, que aliás para mim parecia uma mulher, e pior ainda ao ver que ele sobrevive somente comendo chocolate, e ao que sei as mulheres são em geral as maiores chocolatras do mundo.

Nousou controla experimentos de silpetis que agem sob seu comando, sem questionar. Ordenados pelo diretor, eles devem ir em busca de Lucy numa operação com a ajuda ainda de um agente. No momento em que eles estavam em casa de volta, e prontos para ver o resultado do vestibular para a Nozomi, os agentes chegam e surpreendem a todos, e inclusive afetando as cordas vocais da personagem.

E uma batalha tremenda vem a tona, com Lucy novamente despertando ao ver Kouta sendo alvejado por uma bala ao ameaçar Nousou, isso tudo resulta também nas memórias de Kouta retornando.

E as silpetis treinadas protegem o dito doutor até o último instante, e o agente se prova não ser qualquer pessoa e acaba por capturar Lucy. Antes disso Kakuzawa aparece e vê as clones de Mariko, e conhecemos um pouco da hitória da Lucy quando ela o conheceu, uma história comovente.

No hospital, Kouta ainda está de coma, sua tia decide por encerrar o Solar Kaede, agora destruído, e ela mostra desconfiança da Nana-san, já que como a Lucy também possui chifres, mas ela ouve tudo, e Mayu dá o local de onde seu “pai” está, mas sem que ela saiba.

Chegando até o local, ela encontra o pai mas ele está insano segurando nos braços a clone de Mariko, e ignora Nana. Nesse momento fico pensando que o autor é insano, e só trás desgraça a seus personagens, vemos momentos muito curtos de felicidade deles, o autor é muito maluco. Por um instante pensei que Nana ia matar seu pai, e acho que eu até torcia por isso, o que me faz um tanto mais malvado que o autor.

E o tal doutor compulsivo por chocolate sobreviveu ao acidente de helicóptero, com a ajuda da clone de Mariko, chamada Barbara, e ele fica com dúvidas se ela gosta tanto assim dele, e o protegeu somente devido ao mecanismo que controla sua mente, e assim para sanar sua dúvida ele decide por remove-lo e assim para a nossa surpresa, ou não, ela mostra seu instinto assassino, matando-o.

E o lebensborn está pronto para ser executado, mas somos surpreendidos com Lucy num antro de fúria, o que será que presenciaremos? Será que o clone de Mariko chegará antes e acabará com a Lucy, nem Anna foi capaz de pará-la. E o que será que a doutora tem em mãos? Do que se trata aquela ampola em sua posse? Muitas perguntas, basta aguardar pelas próximas edições que parecem eletrizantes.

Estou bem empolgado com a conclusão, portanto já vou pegar os próximos números para ler, e em breve conversaremos sobre o fim da história de Elfel Lied, e só depois lerei H.O.T.D. Aliás esse mês também tenho a edição 28 de Gantz, manga fabuloso, pena que já é tarde para fazer um Mesa de quadrinhos dele, pois já está nos momentos finais, e outro estreante que veio para ocupar o lugar de Elfen Lied é Kimi no Todoke, que estou bem empolgado para começar, mas bem, até a próxima meus caros.

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Pikachu

Gamer e nerd, meus gêneros favoritos são RPGs e Adventures, e claro que adoro Pokémon. Aprecio uma boa música também, em especial o bom e velho Rock N' Roll e o Metal e suas vertentes.
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios