LendoMiscelâneaReflexões & Opiniões

Um pouco de contexto nos Quadrinhos Disney

Matérias explicam melhor conceitos, mestres e o universo de Patópolis…


Essa semana que acabou eu andei martelando bastante o trabalho editorial de certas publicações nacionais (link), incluindo as revistas Disney (link). Não só aqui mas no Calisota também, tanto no fórum quanto no facebook. Mas tem um ponto que merece elogio, pois é algo que vivo dizendo que precisa acontecer por aqui com maior frequência: Contexto.

Tio Patinhas nº 561, Almanaque do Pato Donald nº 7, Essencial Disney nº 9 (e todas as outras edições da coleção) e o especial encadernado A História de Patópolis. Todas estas revistas lançadas no mês de maio trazem algumas páginas especiais explicando, apresentando, homenageando e detalhando um pouco sobre esse universo. Tem uma entrevista com o argentino José Massaroli, que ajudou nos desenhos da saga inédita dos Ducktales que começou esse mês, tem uma bonita homenagem ao desenhista chileno Vicar, que faleceu no começo deste ano, tem todo o conceito em torno da construção do universo de Patópolis, seus habitantes e muito Barks no especial dedicado a cidade e apesar de toda a polêmica que Essencial Disney criou (link), toda edição vem com ótimos textos que explicam origens e elementos dos temas propostos e dos personagens envolvidos na edição.

Pode parecer bobeira isso, mas não é. Os quadrinhos Disney estão vivenciando uma nova fase, onde as vendas aumentaram muito desde 2009, o que significa que novo leitores estão chegando agora, enquanto outros mais velhinhos estão retornando a reler esse universo. É importante matérias e especiais que explicam um pouco desse universo que existe há quase 1 séculos. Décadas de quadrinhos, de fases, de produções de diversos países, de centenas de personagens com  personalidades peculiares.

Isso é algo importante que precisa acontecer com bastante frequência, ainda mais no Brasil que publica muito material misturado, seja entre artistas de estúdios e países diferentes, ou de épocas distintas. Numa revista é muito fácil encontrar uma HQ feita lá na década de 70 e um criada há poucos anos atrás, entre artistas que já faleceram e artistas recém chegadas a casa. E essa variedade é um ponto positivo em nossas revistas, mas ao mesmo tempo causa bastante confusão entre novos leitores as vezes.

Lá fora é comum em alguns países esse tipo de matéria, apresentando artistas, homenageando os que falecem, explicando o conceito de sagas (muitas inéditas por aqui ou incompletas), ou simplesmente trazendo curiosidades do dia-adia. Nossas revistinhas nem sempre fazem isso, mas nesse mês de maio eu tiro meu chapéu porque a Editora Abril trouxe muito disso para as revistas. Espero que não seja uma mera coincidência e torço para que esse tipo de atitude acontece mais vezes sim.

Preciso dar meus parabéns ao jornalista Marcelo Alencar, responsável por quase todo esse material especial que saiu nas revistas de maio (o material de Essencial Disney anda sendo preparado pelo Júlio Andrade e o pessoal do Planeta Gibi). Foi tudo preparado por ele, que é considerando um dos maiores especialistas em quadrinhos Disney no Brasil (isso se não for o maior). É sempre uma delícia ler os textos do Marcelo, por mim podia ter uma página de texto dele em qualquer revista Disney todo mês, trazendo fatos e curiosidades.

É isso!

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.