Miscelânea

#PdR – A Trilha Sonora do Guerreiro

A Saga da Espada Esmeralda

Posted Image

(Por Gustavo Grangeiro)

Emerald Sword é a espada que dá nome a Saga criada pela banda italiana Rhapsody (of Fire) e também o nome da segunda faixa do belíssimo álbum “Symphony of Enchanted Lands” (de 1998), um álbum para ser degustado na íntegra, se entregando a cada momento da emocionante aventura do poderoso guerreiro do gelo na sua busca pela lendária Emerald Sword.

Porém, poderia ser a historia de Arthur (Excalibur), de Link (Master Sword), de Aragorn (Narsil/Anduril), ou de qualquer outro guerreiro que possua sua imagem ligada a uma espada lendária, por isso é comum encontrar no Youtube fans usando essa música em homenagens a esses honoráveis homens citados acima.

Rhapsody possui um estilo único dentro da música, o que a torna uma banda de extremos, ou seja, ou você ama ou você odeia, no meu caso fico com a primeira opção. Vou tentar resumir um pouco a historia, os caras possuem um estilo de música com base no power metal, com fortíssimas influências barrocas e clássicas, criando uma atmosfera tão densa, algo tão épico que faz você se sentir numa fabulosa era medieval, te levando para as Terras Médias, para Hyrule, para Camelot, etc, além disso, as músicas possuem uma composição lírica muito profunda, explorando de forma complexa os sentimentos de quem está ouvindo, depois disso nem preciso dizer o quão virtuosos são os músicos, sem contar a voz de elfo de Fábio Lione.

O Álbum “Symphony of Enchanted Lands” é o Segundo da Banda e foi lançado em 1998 e possui 10 faixas épicas, a banda era formada (na época) pelo já citado Fábio Lioni nos vocais, Luca Turili na guitarra “e letrista”, Alex Staropoli nos teclados, Daniele Carbonera na bateria e Alessandro Lotta no baixo.

Algumas curiosidades: A banda é conhecida por ter criado um estilo chamado “Hollywood Metal” por seu estilo musical muito parecido com trilhas sonoras. No ano de 2006 a banda deixou de se chamar Rhapsody e passou a se chamar Rhapsody of Fire devido a problemas de direitos autorais e marca registrada. Em 2011 Luca Turili o fundador, guitarrista e principal compositor deixou a banda.

Voltando a falar da música Emerald Sword, ela consegue mostrar profundamente do que é feito o guerreiro, como é a alma do justo, pois mesmo antes de conseguir a espada ele já era um herói, ele sabia disso, pois a lendária espada não poderia ser empunhada por qualquer um, teria que ser um guerreiro de coração limpo que jamais sucumbiria diante do poder do Lorde das Trevas.

Então fiquem com a música numa homenagem a Aragorn, as legendas ficam por conta de um usuário chamado “lucgbs” (God bless him):

Mas recomendo ouvir o álbum “Symphony of Enchanted Lands” na integra e não se incomode se seus olhos ficarem úmidos quando o guerreiro falar adeus a Tharos, o amado Dragão.

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Rackor

Gamer de fliperamas aos consoles, passando pelo saudoso GB Color e seu Pokémon Yellow. Leitor de mangás, e dou preferência a estes ao invés de animes. Mais recentemente descobri as HQs, e desde então sou fã da trajetória de Geoff Johns em Laterna Verde, entre outros clássicos como Watchmen.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.