JogandoRapidinhas

Vikings minimalistas de Bad North estão invadindo os consoles

Desenvolvido pela Plausible Concept, um pequeno estúdio independente de três pessoas na Suécia, Bad North está em contagem regressiva para que suas hordas invadam o PlayStation 4 e Xbox One na próxima semana, mais precisamente no dia 28 de agosto. No mares do Nintendo Switch essa invasão aconteceu alguns dias antes, e o game foi lançado agora no último dia 20. O título é distribuído globalmente pela sempre competente Raw Fury, que é responsável por cuidar da distribuição de diversos títulos de sucesso nesta geração (eis o catálogo).

E esta não é a primeira vez que menciono Bad North aqui no site. Já havia comentando um pouco a seu respeito em março desse ano, na ocasião de seu anúncio. Admito que fiquei surpreso de vê-lo sendo lançado assim, de supetão, sem uma grande janela entre a revelação da data oficial e sua chegada aos consoles. Já era um título que estava em meu radar.

Bad North é um jogo de batalhas táticas em tempo real, onde pequenos soldados precisam defender suas pequenas ilhas da invasão de hordas e mais hordas de sanguinários vinkings. Tudo em um escolha de direção de arte focada no estilo minimalista, o que certamente dá um charme todo pessoal e próprio ao jogo. As ilhas são pequenas, mas tridimensionais, no sentido de que há verticalidade que é preciso ponderar para a estratégia de defesas e os inimigos surgem dentro de um raio de 360 graus ao redor da ilha, e não apenas de um único ponto. Há um novo trailer mostrando um pouco mais de seu gameplay e mecânicas:

O game possui elementos roguelite nas situações de batalhas e também na criação das ilhas. Significa que há uma criação procedural dos ambientes e no desenrolar das batalhas. Isso é bom porque impede o jogador de decorar o cenário ou a forma como as batalhas se desenrolam. É preciso realmente conseguir lidar em tempo real com os elementos a qual o jogo lhe apresenta. Para um game tático isso é uma forma inteligente de adaptar os elementos do gênero roguelite.

Cabe ao jogador controlar uma equipe de soldados, saber gerenciar a crise e lidar com uma invasão imprevisível de inimigos. Não é um game sobre vencer uma guerra, mas sobre defender seu lar. Sobre sobreviver a um cenário de pressão. É bem interessante. Tem um quê de sobrevivência e defesa de território. Claro que conforme o game avançar o jogador terá melhorias desbloqueáveis para tornar seus soldados mais fortes e experientes.

Bad North também está anunciado para PC (via Steam) e também deve ser lançado via mobile, para Android e iOS. Porém as datas para tais plataformas ainda não foram reveladas. No PC o game deve chegar ainda esse ano, enquanto a versão mobile ainda não tem tal confirmação e será a última plataforma a receber o título.

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios