Japão

Novas aberturas dos animês da temporada de Abril! Qual é a melhor? [+Fanart]

Rá! Que fanart bacanuda! Confesso que 60% do pique para escrever o post neste momento foi por causa dela. Ela foi criada pelo usuário Dodus-Taichou lá no DeviantArt e a julgar pela data é fresquinha na internet. Ichigo Vongola e Tsuna Shinigami! Cool. Isso demonstra um pouco a popularidade que Katekyo Hitman Reborn vem ganhando, e entrando na famosa trinca Naruto – One Piece – Bleach. Ou seja, logo logo, não vai mais ser a trinca da Jump. Qual a palavra correta… “Quadra”? Hum…

Enfim, Abril é aquele mês divertido para os fãs de animê, afinal começam novas temporadas, novas sagas e especialmente novas aberturas! Dá para dizer que uma abertura é quase que 30% dos motivos de um animê me empolgar. É sério, adoro as músicas, as cenas e todo o processo caprichado com que os japoneses dão para as aberturas. Até curto um ou outro encerramento, mas acho as aberturas em geral muito mais legais, em termos musical. As vezes fico até triste como os desenhos americanos não tem isso, ou quando tem, é aquela coisa curta de 30 segundos, só com música, sem vocal. Até as séries americanas hoje em dia, andam deixando de lado aberturas. Mas os animês não! As bandas que tocam em aberturas de animê devem achar o máximo isso, porque deve criar a maior fama entre o galera dos animês. É um meio de promover e mostrar que trilhas sonoras ainda valem a pena. No meu PC mesmo tem uma pasta gigante com mp3 de animês. Alias uma dica para quem não sabe onde conseguir mp3 das aberturas na sua versão completa: Club AniMania! Adoro esse site! É sério!

Enfim, vamos começar então com as aberturas de Reborn e Bleach, já que ambos abrem o post. E logo em seguida, mais alguns que certamente valem à pena serem mostradas. 😉

Katekyo Hitman Reborn!8ª Abertura, “Listen to the Stereo“, da banda Going Under Ground. Achei muito bacana a música, este animê em geral tém ótimas músicas, inclusive de encerramento. Acho que não chega a superar a música de abertura anterior, mas é tão empolgante quanto. É meio engraçado como os japoneses cantam “Tonigh! Tonight! Tonigh!”. Quanto a animação, sempre bem recheada com bons momentos. A nova temporada começa com uma arco filler que promete ser bem divertido. “Hein, filler divertidos?”. Pois é, meus amigos, eles existem, apesar de Naruto e Bleach insistirem em não comprovar esse conceito. Reborn é um destes casos, este é o segundo arco filler do animê e assim como o anterior, tem um enredo amarrado à história principal e não deve durar um “zilhão de anos”. Tanto que na abertura temos algumas ótimas animações com os últimos e emocionantes momentos da saga do futuro! Katekyo Hitman Reborn! está coladíssimo com o mangá japonês! CA-RA-CA!

Bleach12ª Abertura, “Chance“, pela cantora Miwa. Finalmente acabaram-se os fillers em Bleach! Ainda é cedo para dizer como vai ser os episódios dessa temporada, se vão ficar meio enrolados graças aos capítulos curtos do mangá, mas aparentemente teremos mais um bom pedaço do arco atual do mangá animado. A abertura já revela Ichigo versus Ulquiorra e os Vaizards chegando em Karakura para batalhar contra os Espadas de Aizen. Até a bankai da Son Foi já rola na abertura. Nada mal, essa promete ser uma temporada empolgante para a série que também está coladíssima no mangá e por isso rola tanto filler. O maior problema é que os produtores acabam precisando pausar a saga atual, porque ele é interminável e com isso fica esa sensação bizarra de que Bleach é cansativo demais no animê. Mas enfim, de volta ao mangá e com ótimos momentos. Vale à pena voltar a acompanhar!

Depois do continue, Naruto Shippuuden, Full Metal Alchemist Brotherhood, Fairy Tail e o novíssimo Heroman de Stan Lee! Mais aberturas? É só deixar as sugestões nos comentários que eu aumento o post. E qual a melhor na sua opinião? Dou meu parecer no final de tudo. Uma pena que Dragon Ball Kai e One Piece aparentemente ainda não vão ganhar novas aberturas, mas vou falar isso também depois dos outros vídeos!

Naruto Shippuuden7ª Abertura, “Toumei Datta Sekai“, pelo cantor Motohira Hata. Uau! Temporada épica. Só preciso dizer isso. Porém admito que a abertura anterior, com aquele contraste entre Naruto e Sasuke e com as cenas do Jiraya, ainda ganham por muito (muito mesmo) pouco desta abertura. Mas nem por isso ela não é fabulosa! Naruto vs Pain! Uma pena que para quem já leu o mangá, um pedaço do charme dessa temporadara já foi revelada. Quem é Pain? Ou como derrotá-lo. Bem, os leitores já sabem. E uau, foi um excelente mistério criado pelo Kishimoto. Vai ficar marcado no universo da série. Torço para que não façam os episódios rápidos demais. Não me importaria com algumas expansões de lutas aqui e ali, para que seja mais saboroso esse momento do animê.

Full Metal Alchemist Brotherhood5ª Abertura, “Rain“, pela banda SID. Putz, que medo de mais alguns personagens bacanas morrerem nessa temporada de Fullmetal. Quando os personagens morrem nesse animê é sempre triste pra caramba. A temporada anterior foi meio “morna”, deu uma enrolada em algumas coisa acho. Demorou para empolgar um pouco depois que os irmãos chegaram naquela fortaleza na neve (perdão não lembrar os nomes). Mas teve ótimos e importantes acontecimentos. E agora que chegou o dia prometido, a coisa está insanamente fenomenal. Aquele “exército zumbi” já da nova temporada já me arrepiou geral! Em relação a nova abertura, não curti muito. Uma pena. Achei a música muito “depressiva” na melodia, para algumas cenas acabou não combinando. A música de encerramento da temporada anterior também era sensacional, sempre começando antes mesmo do episódio terminar. Era uma combinação contagiante. A nova não achei que casou tão bem assim. Mas ainda assim, mantenho empolgadíssimo com o verdadeiro Full Metal Alchemist!

Fairy Tail3ª Abertura, “Ft.“, pela banda FUNKIST. Muito, mas muuito melhor que a música da segunda temporada da série com a mais absoluta certeza. Mas a minha preferida até o momento continua sendo a primeira, que curiosamente também é tocada pela banda desta nova abertura. Parece que as coisas finalmente começaram a esquentar e a ficar realmente emocionantes em Fairy Tail. Achei os primeiros arcos um tanto fraquinhos, mas este atual com a semi-destruição da guilda de Natsu & cia realmente me conquistou. De uma certa forma, agora entendo melhor porque muita gente acaba comparando esse animê com One Piece. Ainda acho que falta muito feijão com arroz para chegar na qualidade de enredo do Eiichiro Oda, mas certamente Fairy Tail tem um charme único. Estou animado com a versão animada, mesmo já tendo espiado o mangá e notado que o mangá não está tão avançado assim. Fico pensando se esse será outro anime eterno na TV ou se vai acabar terminando logo logo, como ocorreu com D.Gray-Man, por exemplo. Espero que não. O gato Happy já está no rol dos meus personagens de animês favorito de todos os tempos (Ei, isso daria um post legal, não?).

HEROMAN1ª Abertura, “Roulette“, na voz de Tetsuya da banda L’Arc-en-Ciel. O único animê da nova temporada de estréia que tive tempo de assistir até o momento. Ainda pretendo fazer uma matéria solo sobre ele. Mas já digo que é uma história com cara e cheiro do estilo Stan Lee. Não há nada realmente original, é mais uma colcha de retalhos do que o Stan Lee faz de melhor. Eu aposto que vai fazer um sucesso enorme quando chegar nos EUA, já no Japão, o que salva e muito a qualidade da série é o fato dela ser animada pela Bones, que na minha opinião é o melhor estúdio de animação tradicional atual do mundo inteiro. Ainda estou pra algum estúdio superar a qualidade da Bones. É divertido, tem boas cenas de ação, mas ainda não consegui enchergar nada de realmente original das idéias do Stan Lee, mas talvez ainda seja muito cedo para afirmar isso. Aguardem uma maior análise aqui no blog em breve, pois pretendo continuar acompanhando semanalmente, sem sombra de dúvidas.

E acabei. Eu sei que teve mais estréias e novas aberturas agora esse mês, mas por enquanto só vi estas. Se tem mais alguma bacana que você, leitor do blog, queira compartilhar, peço que não deixe de comentar e de colocar o link do you tube nos comentários mais abaixo. Prometo atualizar o post com a sugestão.

E, infelizmente, Dragon Ball Kai ainda não conseguiu concluir por total a saga do Freeza. Falta pouco, mas ainda não acabou. Claro que a música da abertura não deve mudar, mas as cenas de algumas partes sim. Mas acho que isso só vai acontecer em Maio. Enquanto isso, One Piece continua usando a sua 12ª abertura, “Kaza o Sagashite“, nesta temporada. Bem, como a saga de Impel Down ainda deve durar mais alguns bons episódios e como a abertura também mostra bons pedaços do arco Marinford, dúvido muito que outra abertura aconteça agora. O animê é caso raro, onde a abertura dura mais de 2 minutos e não tem encerramento na série, o que alias sinto muita falta, então os produtores constumam fazer ela render muito mais do que apenas uma temporada de 6 meses. Acho que a 13ª só deve estrear em Outubro. É meu palpite, se alguém souber de algo mais concreto, não deixa de me avisar. 😉

E por que não, colocar a abertura de OP de novo? Só para terminar o post. 🙂

Qual a melhor abertura atual? Hum… Visualmente, em termos de animação, daria o troféu para abertura de Naruto Shippuuden que está simplesmente animal! Agora musicalmente, fico realmente muito empolgado com a musiquinha do Katekyo Hitman Reborn!.Listen to the Stereo! Tonight! Tonight! Tonight!“. Rá! Sei lá, ela me contagiou. É uma daquelas músicas que gruda na cabeça e demora para sair. Mas se for escolher o conjunto da obra, daria o troféu para Shippuuden. Ótima música e animação de tirar o fôlego. Já começo os novos episódios com falta de ar com essa abertura. XD

E aí? Qual a melhor abertura da temporada? Em termos de animação e na trilha sonora? Opinem!

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios