Lendo

Prévia: Almanaques Pato Donald e Zé Carioca #03! Pato de Strobl e os planos da ANACOZECA!

A Editora Abril continua apostando nos clássicos na terceira rodada dos almanaques do Pato Donald e Zé Carioca. Alias é esta a maior qualidade desta linha de quadrinhos das demais publicações Disney atualmente. Procurar temas em comuns em clássicos para preencher os almanaques, assim como procurar dar importancia a grandes artistas da casa. Soma-se ao fato de que os problemas com encadernação e qualidade de capa e lombadas não passaram da primeira edição, o que é um bom sinal.

Almanaque do Pato Donald #3 possui alguns destaques interessantes e curiosos. A começar com 5 pérolas do americano Tony Strobl, que recheiam mais da metade do almanaque. Strobl é um dos grandes nomes da produção Disney de décadas passadas, não só de quadrinhos, mas de animações inclusive. O Inducks lista mais de 3.000 trabalhos de Strobl para os quadrinhos Disney. As HQs selecionadas nesta edição são verdadeiras raridades, que não eram republicadas a décadas, algumas jamais foram republicadas.

Mas este não é o único destaque do almanaque do pato. As duas HQs feitas durante a produção nacional dos estúdios da Abril na década de 80 são excelentes, desenhos do Euclides K. Miyaura, que recentemente teve uma HQ inédita (e excelente) na revista Pateta #3. “A Eleição” traz uma história muito bacana com Donald e Peninha ainda crianças, narrada pela Vovó Donalda. É um daqueles achados dos arquivos da produção B que não era republicado desde os anos 80. Alias o Peninha marca uma boa presença no almanaque, aparecendo em algumas histórias, enquanto o Gastão também parece ter um papel importante na última HQ da edição.

Almanaque do Zé Carioca #3 continua tão seleto quanto a sua edição anterior, que trazia apenas histórias com seus primos. Desta vez a seleção temática de histórias tem relação com a ANACOZECA, que para quem não sabe significa “Associacao NAcional dos CObradores do ZE CArioca”. Grupo de personagens criados em 1976 e que vingou como antagonistas regulares das histórias do Zé Carioca até o fim da produção nacional, lá pelo ano de 2001 (mais ou menos). O almanaque faz uma comparação curiosa do grupo ao longo de décadas de quadrinhos, com roteiristas e desenhistas diferentes. Dá para ver a evolução da ANACOZECA, tanto em traço quanto em personalidade. O almanaque apresenta uma perspectiva interessante sobre isso, ainda que deixe de fora uma das principais HQs relacionadas ao tema (O Segredo da ANACOZECA – série em 6 partes, totalizando 50 páginas).

Entre os destaques estão “A Pedra dos Tesouros“, roteirizada por Paulo Borges, que traz desenhos incríveis dentro do cenário real do Rio de Janeiro dos anos 90, e que infelizmente o Inducks não soube identificar o talentoso desenhista da HQ. É uma daquelas raras aventuras de caça tesouros com o Zé Carioca. Esse tipo de plot é comum com o Tio Patinhas, mas com o Zé não é algo comum mesmo, ainda mais usando os ricos cenários nacionais. É uma daquelas HQs que certamente valem uma capa (e que curiosamente numa foi feito uma capa). Outra que chama bastante a atenção é “Delírio Coletivo” que traz um layout bem incomum para a produção nacional, com quadros pequenos e apertados, que dão uma dinâmica diferente para a trama. Outra que merece a menção é “ANACOZECA ataca com o Bulk” numa brincadeira-paródia com o Hulk, rá!, Bulk foi contratado para cobrar o Zé Carioca por suas dívidas! Um clássico que nunca me esqueci, já que gosto destas brincadeiras criativas relacionadas a outras referencias fora da casa Disney (na época a Marvel não era da Disney, só pra lembrar). Por fim, a edição abre com a origem do “Robozé“, fazendo uma ligação com Zé Carioca #2362 (Agosto/11), que trouxe outra HQ do Robozé (foram produzidas 4 nos anos 90). Ah e até mesmo o Morcego Verde tem um papel importante numa outra HQ chamada “Comissão Impossível“. Um belo almanaque como podem ver, ainda que seguindo um tema fixo, são várias HQs com diversas tramas e personagens e produzidas em décadas distintas. Devo admitir que os almanaques do papagaio brasileiro estão ficando mais caprichados que a sua própria mensal. Fico mais animado lendo as raridades que encontro nos almanaques do Zé do que em sua revista mensal. Estranho…

Após o continue a seleção de histórias e prévias em imagens!

Almanaque do Pato Donald #03 [Agosto/2011]

84 páginas – R$ 4,95 – Distribuição Nacional

  1. O Espantalho sem Cabeça [07 págs] [1973] [Inducks] Desenho: Tony Strobl
  2. Doce Lar [10 págs] [1986] [Inducks] Trama: Philippe Le Bars / Roteiro: Dave Angus / Desenho: Tino Santanach Hernandez
  3. S.O.S. Encanador [07 págs] [1973] [Inducks] Desenho: Tony Strobl
  4. …é o Rock! [10 págs] [1984] [Inducks] Roteiro: Arthur Faria Jr. / Desenho: Euclides K. Miyaura
  5. O Hábito Não Faz o Pato [05 págs] [1973] [Inducks] Roteiro: Tor Bomann-Larsen / Desenho: Vicar
  6. Patos de Auditório [08 págs] [1974] [Inducks] Desenho: Tony Strobl
  7. Essa Não Estava no Programa [11 págs] [1977] [Inducks] Roteiro: Gary Kurtz / Desenho: Tony Strobl / Arte-final: Steve Steere
  8. A Eleição [07 págs] [1981] [Inducks] Roteiro: Gérson L. B. Teixeira / Desenho: Euclides K. Miyaura
  9. A Sereia das Ilhas Encantadas [13 págs] [1972] [Inducks] Desenho: Tony Strobl





Almanaque do Zé Carioca #03 [Agosto/2011]

84 páginas – R$ 4,95 – Distribuição Nacional

  1. Robozé [11 págs] [1994] [Inducks] Trama: Carlos Edgard Herrero / Roteiro: Arthur Faria Jr. / Desenho: Aluir Amâncio / Arte-final: José Wilson Magalhães
  2. Quando a Esmola é Muita… [07 págs] [1981] [Inducks] Desenho: Roberto O. Fukue
  3. Os Craques da Cobrança [07 págs] [1982] [Inducks] Desenho: Roberto O. Fukue
  4. Comissão Impossível [07 págs] [1983] [Inducks] Roteiro: Renato Vinicius Canini / Desenho: Euclides K. Miyaura / Arte-final: Luiz Carlos Natalino Ribeiro
  5. O Delírio Coletivo [06 págs] [1983] [Inducks] Desenho: Roberto O. Fukue
  6. ANACOZÉCA Ataca com o Bulk [08 págs] [1984] [Inducks] Desenho: Luiz Podavin
  7. Olimpíadas na Vila [09 págs] [1984] [Inducks] Roteiro: Ivan Saidenberg / Desenho: Roberto O. Fukue
  8. O Imprevisto [GAG] [2000] [Inducks] Roteiro: Paulo Edson de Moura / Desenho: Eli Marcos M. Leon
  9. Cobradores do Ano 2000 [08 págs] [1985] [Inducks] Desenho: Roberto O. Fukue
  10. A Pedra dos Tesouros [09 págs] [1996] [Inducks] Desenho: Paulo Borges
  11. O Celular [05 págs] [2001] [Inducks] Desenho: Eli Marcos M. Leon






Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.