Conversa de Mangá: Bakuman 174 – How It Should Be and How It Should End

How It Should Be and How It Should End é o título da semana!

Lido no mangareader. Spoilers à frente!

Essa semana algumas coisas me impressionaram. A primeira delas foi a concisão de Ohba ao contar os fatos até o final já decidido de Reversi. Não tivemos uma enrolação que poderia ter se extendido por uns dois capítulos. No clima dos protagonistas, tudo foi mostrado, explicado e “terminado” essa semana. Tivemos aquela citação bacana do Hattori, uma visão dos leitores, e a consagração total de Ashirogi. Confesso que adorei a cara do Eiji, lendo o mangá, coisa que há um tempo já não via.

E se do lado Ohba tivemos uma show, do Obata tivemos seus melhores quadros em tempos. Eu adoro Obata ser tão eclético (já deram uma comparada no traço inicial, ainda bem real, bem Death Note, e como ele deixou a coisa mais leve para condizer com o clima de Bakuman?), mostrando nesse meio tempo vários estilos de traços, dentro do seu mesmo estilo.  As duas páginas duplas que ele desenhou de Reversi foram de cair o queixo. Eu fiquei muito boquiaberto, até porque Bakuman não tem o costume de por si próprio, proporcionar imagens tão complexas e geniais. Mas Obata consegue deixar sua marca em momentos como esse, momentos que só um verdadeiro gênio como ele poderia tirar da cartola algo tão bonito e bacana, mesmo sem nem mesmo termos um mangá por trás. Digo termos lido o mangá em questão para além de apreciarmos as páginas, bater aquele tom de epicidade da coisa.

Agora nos resta a estréia do anime e o casamento. Seria um bom momento para terminar a série, mas se Ohba decidir continuar acho que estará em boas mãos, já que capítulos atrás ele já nos mandou a mensagem nas entrelinhas: “Se a segunda parte não for superar a primeira, não a faça”. Espero que ele siga isto à risca.

Isso também pode lhe interessar

14 Comentários

  1. Bakuman é um mangá que não a muito o que comentar sobre a sua trama. pelo menos nesse ponto da historia nao há o que divagar. mas assim como vc, gostei e me surpreendi que ele nao enrolou com o final do reversi, foi uma atitude que mostra que ele cansou de enrolar mais, mais do que ja fez nesse mangá, agora chegará o momento que eu acredito que possa continuar, e muitos que tem que terminar. Eu nunca pensei que a trama do mashiro e miho é que tornam o mangá legal, mas veremos o que ele escolherá!!!

    1. Isso é uma verdade! O casal tem muito destaque mas o que define mesmo a trama seria o trabalho em equipe e as situações em que a dupla se vê capaz ou não de seguir com seus objetivos… a dúvida é: será que eles ja conseguiram tudo? seria isso ai o suficiente?
      Também acho que ainda tem estória pra rolar, porém ele deve realmente superar a 1 parte pra não parecer enrrolação.

  2. Comprei os 7 volumes já lançados no Brasil do Bakuman,Não consigo achar os 13 de Death Note,
    Sou fã dos Autores Obata-sensei e Ohba sensei…
    (=

  3. Sem comentários quanto ao capitulo, já falou tudo no post. Capitulo Excelente.
    Também aposto que a série irá terminar em pouco tempo e mesmo Bakuman sendo um dos meus mangás favoritos, creio que depois da estréia do anime com grande sucesso também e o casamento é o momento certo para terminar.

  4. Adorei o capítulo: os fanboys colegiais, a reação dos autores (até a Aoki sorriu lendo, justo ela que no começo era toda anti-shounens-violentos XD), a consagração de Ashirogi Muto que agora só precisa superar Zombie nas vendas de volumes. Também amei a parte das cartas dos fãs apoiando o Saiko e a Azuki, tão diferentes dos otakus de dubladoras.

    Agora que venha o anime, o beijo e o casamento. 8D

  5. As últimas páginas do capítulo foram as melhores. Obata simplesmente caprichou, ao desenhar o final de Reversi. Fico me perguntando o trabalho que deu desenhar as páginas que finalizam o mangá de Ashirogi Mutto, principalmente se levarmos em conta os prazos de entrega da Jump. E logo após a cena que abre este Conversa de Mangá, a sensação de todo mundo ao ler um final épico de uma obra épica… não sei se fui o único, mas fiquei imaginando como será presenciar o final de One Piece e Hunter X Hunter, alguns dos melhores mangás atuais da Jump e que estão junto aos fãs por vários anos ( nunca passei por tal experiência, pois sempre acompanhei mangás já com um longo caminho andado ). Espero estar vivo e saudável para poder presenciar isso. ^_^

  6. Alguém mais reparou em um rosto novo na página onde os outros autores estão lendo o final de Reversi? Será a próxima saga? Após o casamento só resta a eles criarem mais uma obra que coloque o Eiji no chinelo.
    Também achei incrível os traços das páginas de Reversi. Digna de última página de um grande mangá. Diferente de PCP, nós não conhecemos muito o rumo que a história de Reversi tomava, exceto nas primeiras semanas. Mas pelos questionários, foi uma grande história. E teve um final onde o mal se arrepende de tudo que faz e resolve compensar isso de alguma forma.

  7. Capitulo foda, apesar de divergir da historia de Death Note neh…
     
    Acho que é uma critica a Jump, que não deixa os autores acabarem as obras quando querem, como fizeram com  DBZ, Yu Yu e, aparentemente, Death Note.
     
    Gostaria de ver o quao epico seria o fim de Death Note do jeito que eles planejaram, o quao "ficaria na historia da Jump", como disse o personagem de Bakuman. Seria sonhar demais eles lançarem um final alternativo, partindo de antes da morte de L?
     
    Enfim, que venha o casamento, e o anime [e o proximo manga da Dupla Ohba e Obata, se a parceria não estiver desgastada..]! o/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.