Conversa de Mangá: Bakuman 175 – Release date and the Might Before

Parece que o fim se aproxima. Spoilers à frente.

Olha eu li o capítulo ontem e não consegui vir escrever o post de tão mexido que estava (tá bom que a internet caiu aqui em casa depois mas w/e). Acho que este capítulo teve de tudo.

Começamos com aquele ciffhanger que rondou a série por toda sua publicação em relação aos números. Ali depois mais uma vitória, talvez a última que faltava, contra Eiji. Mais tarde foi muito bom ver aquele clima, aquela troca de olhares de novo entre os dois. Me trouxe várias lembranças a mente.

Iwase reclamando, Takahama sempre calado, até o doido do Shizuka. Todo mundo reaparecendo mostrando sua personalidade, e para cada um deles no geral, nada mais que 2 quadros. Mas tudo que precisava ser relembrado, foi conseguido aí.

O humor veio com Kazu-tan e a Yuri-tan. Mas o que ri mais mesmo foi aquele encontro do Fukuda. Deve ser bem dessa quando o cara fala que é mangaka para quem não liga pra coisa.

Da metade pra frente foi a parte mais emocional.

Houve o momento da Kaya, e eu juro pra vocês que nem lembrava que era ela que tinha dado o nome à dupla. Realmente foi algo que os guiou pelo mangá todo, e foi de suma importância de acordo com Mashiro, ter aquelas palavras encorajadoras em cada coisa que assinavam.

O papel da Kaya foi de um suporte essencial, e ela é quem acabou sendo a pessoa #1 que empurrava os dois em frente. Muito merecido esse momento todo, e aquela página soberba do aperto de mãos.

Azuki falando com a mãe, foi legalzinho, mas Ohba estava guardando o melhor para o final. Mashiro tendo uma conversa com o tio. Prometendo que ia realizar tudo que ele não conseguiu. E neste momento lágrimas masculinas foram derramadas de minha parte.

Center Color semana que vem já dá um belo indicativo que semana que vem deve ser o fim. Devemos ter um final bem bacana vindo da dupla. Segundo o Manga-News Japon o será. Então vejo vocês para o momento épico de semana que vem.

 

Isso também pode lhe interessar

21 Comentários

  1. Sabia que o primeiro CDM seria de Bakuman, rá! XD Pensava que o nome fosse night before em vés de might before… mas isso não é relevante.
     
    Esse foi um capítulo que me fez lembrar o porque de eu gostar tanto de Bakuman. Muitas vezes as pessoas dizem que só gostam da parte "bastidores" da Jump e acham insuportável o romance do Mashiro e da Miho, a comédia do Hiramaru, etc. Já vi muitos desse tipo que só faltam lançar um olhar de desprezo para alguém que curte uma estória tão "irreal", "melosa" e "enjoada".
     
    No entanto, o que mais me encanta em Bakuman não é realmente o background. Eu gosto do enredo e dos personagens acima de tudo. Dane-se se era clichê, eu torcia muito desde o começo pelo romance do Mashiro e da Azuki! E daí se eles ficavam sem se ver? Eles se comunicavam, se encorajavam, desabafavam um com o outro e só se viam quando algo realmente muito importante acontecia! Eles punham a felicidade de estarem juntos de lado para focarem em realizar seus sonhos e isso não diminui o amor deles! Foi exigido muito estoicismo e sacrifício, mas eles cumpriram seus objetivos sem se desviarem e poderão ficar juntos se sentindo realizados.
     
    Amei o reconhecimento pelo esforço da Kaya. Ela esteve sempre lá, fazendo tudo o que podia, às vezes sendo alívio cômico e às vezes alicerce dramático, mas com certeza eles não teriam chegado tão longe sem ela. Uma personagem forte, divertida, encorajadora e adorável. Talvez uma de minhas favoritas da estória.
     
    Agora, falando do Eiji. Eu adoro tudo nesse cara! Ele começou como um mangaká arrogante (mesmo sem intenção) e acabou evoluindo no decorrer da série. Suas demonstrações de humildade depois das primeiras lições do time Fukuda (quando o Mashiro era assistente) foram lindas. Seu entusiasmo sempre queimava quando ele se sentia desafiado e ele jamais sentiu rancor ou raiva quando perdia. Embora se portasse de um jeito que lembre uma criança, ele acabou sendo um dos personagens mais sábios da estória, que entendia mangá instintivamente, via além do que os outros viam (ele foi o primeiro a sacar o Nananime, lembram?) e sempre tratava seus rivais/amigos com muito respeito. Os comentários dele com a dupla Ashirogi na página dupla foram épicos.
     
    Hiramaru e Aoki felizes me deixa feliz também (torci por eles desde o comecinho, e que fofura ela o chamando de Kazu-tan e o editor preocupado querendo ir para a lua de mel), Iwase quer uma obra que supere + Natural, espero que ela consiga (só tenho a reclamar que gostaria que ela interagisse mais com o Eiji, seria muito legal), todos foram mostrados dando o seu melhor e isso foi bem bacana de se ver.
     
    Ah, o momento da Miho com a mãe dela foi outro que adorei. A mulher dizendo que não se aborreceria se a Miho não voltasse do encontro com o Mashiro (sem saber que o mangaká já havia decidido pedir a seyuu em casamento oficialmente) foi cômico e bonito, ela deve ter lembrado do tio do Mashiro, a quem ela esperou por muito tempo (foge logo pra casar com o Mashiro, Miho!).
     
    Saiko e Shuujin não precisavam de nenhuma conversa de homens. Eles não tinham nada mais a dizer um para o outro depois de tanto tempo de convivência. Sabemos que ambos continuarão juntos e continuarão no caminho do mangá e isso é ótimo!
     
    E, finalmente, o melhor momento do capítulo: a conversa de Mashiro com seu tio. Ele conseguiu chegar aonde Nobuhiro não pôde e realizar seus sonhos. As vitórias de Mashiro ganham todo um valor de justiça poética quando lembramos de seu tio. A maior inspiração, a maior dor, a maior fonte de medo e de coragem, o maior professor: Nobuhiro foi, apesar de só ter aparecido em flash-backs, a real alma de Bakuman!
     
    Fiz um comentário gigante (imaginem quando for mesmo o CDM do último capítulo, lol) deve ser efeito do fim de uma série que eu amo se aproximando. Bakuman falou de sonhos, foi idealista, à vezes exagerado e com uma e outra escorregada, mas sem dúvida o mangá teve muitos momentos épicos e emocionantes e ficará para sempre em minha memória e em meu coração. 🙂

    1.  @andreanekacs Deu vontade de dar "like" só pelo tamanho XD mas li tudo. E concordo com tudo. Me emocionei especialmente no agracecimento à Kaya, e daí pra frente… chorei algumas vezes. =P
      Aliás, é por esse tipo de coisa realmente não consigo entender quem parou de ler Bakuman porque "tava ruim" ou "tava um saco". Sério, IMO não teve momento ruim no mangá (talvez o ponto baixo tenha sido o campeonato de histórias de amor, e mais porque… meio que não levou a nada XD já que até foi engraçado a seu modo.)
      No começo eu lia por causa das ideias de mangás, vendo o que fariam para serem publicados… Mas as relações entre os personagens me cativaram. O jeito que Saiko e Shujin confiam plenamente um no outro, a promessa com a Miho que foi BIZARRA no primeiro capítulo, mas teve todas as suas minúncias explicadas (chamem de retcon se quiserem, eu decididamente não ligo) e se desenvolveu num sentimento extremamente foda, o amor "normal" da Kaya que é sempre muito bonitinho ou muita comédia, a rivalidade com o Eiji… tudo, foda, foda.
      Eu digo sem medo que Bakuman é meu shounen favorito dos que estou lendo (talvez o mangá favorito, mas tenho dúvidas. =P), e tenho um sentimento misto ao vê-lo terminar, porque sentirei saudades, mas ao mesmo tempo quero que termine em seu melhor momento possível. Eles próprios falaram sobre isso durante a história, e se estender mais do que o necessário é como tentar espalhar pouca manteiga numa fatia muito grande de pão e acabar ficando sem gosto. Espero um final memorável que me deixe feliz todas as milhares de vezes que eu o reler. XD

      1.  @Haiiro87  @andreanekacs  sagas como a do mangá gaga, ou os erros que foram forçadamente colocados no saiko e shujin na abordagem ou na forma de ver determinada situação eram chatas demais, lembro que quase desisti de tanto ver eles batendo a cabeça na porta e caindo nas toc e ficando entre 14° a 7° colocado, ou nanami, enfim, bakuman deu uma enrolada de uns 50 capitulos que foram bem chatos.

    2. Fazem exatamente 3 min que acabei de ver o anime, e cara me fez chorar com um comentário tão fiel, tão claro e verdadeiro dessa obra, espero que haja algum tipo de continuação por mais pequena que seja, até vamos seguir o exemplo desses personagens tão carismáticos e determinados… Boa sorte a todos nós !

  2. eu estava na duvida sobre a continuação da serie ou não, mas após ver que os dois reafirmaram a rivalidade com o eiji daquela forma, ficou claro que bakuman chegou ao fim!

    1.  @Renato Romano  Não ando acompanhando Bakuman, mas será que vai ter fim sem nenhum anuncio antes? A maioria dos mangás que ja peguei para ler antes de terminar rolava alguma noticia sobre a data do lançamento do ultimo cap

      1. @GlauberAndrade @Renato Romano 
        Um site bem confiável no Japão sobre esses assuntos já tinha dado a notícia sobre o fim(em meados de maio que estaria programado para terminar) e creio que seja questão de tempo a Jump anunciar isso oficialmente. Eu parei de ler Bakuman há vários capítulos atrás, mais olhando reviews não só aqui, todos que leram notaram que as dicas sobre que Bakuman está acabando está no modo com a dupla principal do mangá (dupla que é claramente inspirada nos próprios autores de Bakuman)  age ou diz.

      2.  @GlauberAndrade eu nem estava sabendo da noticia do site quando disse isso, pq sabe aqueles momentos onde deixa claro que determinado fato que ocorreu na trama vai prosseguir? isso aconteceu em bakuman, eiji perdeu e falou que ia bater o recorde deles, e ashiroge retruca falando que ai vai quebrar a quebra de recorde. Deixa claro que a batalha deles nunca tera fim e sao amigos e rivais eternos, entao bakuman resolveu a rivalidade e o casamento, entao nao tem mais o que fazer mesmo =/

  3. Como sempre, capitulo muito bom de Bakuman e que deu mais certeza de que o mangá está acabando.
    Mostrou finalmente a ultima vitória do Ashirogi Muto contra o Eiji, o vencendo nos questionários e nas vendas e reafirmando a rivalidade entre ambos, me lembrou também de vários momentos do mangá.
     
    Depois foi mostrado as cenas de vários personagens. Personagens estes que tiveram suas vidas muito influenciadas pelo Ashirogi Muto, para melhor. Muitos deles mudaram completamente influenciados pelo Mashiro e o Takagi, trazem muitas lembranças também.
     
    A Kaya realmente foi a que mais auxiliou a dupla durante todo o mangá, fazendo de tudo para os dois (áté ajudar como assistente), além de ter dado nome a dupla. Enfim, ela mereceu os agradecimento do Mashiro por tudo que fez por eles ao longo e muitos anos. Tá na hora do Mashiro e a Azuki se encontrarem finalmente, depois de seus sonhos se realizarem, os dois quase explodindo de nervoso, acho que vai ser engraçado essa parte, eles mal conseguem se olhar. XD
     
    A conversa no final do Mashiro com o seu tio não preciso nem dizer nada, melhor final possivel para um capitulo preparatório para o final épico da série. Não acho que ela vá acabar semana que vem, acho que só vão anunciar o final da série como fazem normalmente, ainda tem algumas coias que tem aparecer e um capitulo só não daria conta. Pelos rumores é provável que termine em Maio, então ainda há uns 3~4 capitulos para fechar toda a história da melhor forma possivel.
     

  4. Não consigo ficar triste com o Fim de Bakuman,eu até fico feliz,é uma obra incrivel que eu vi desde o Capitulo 01 até agora sem reclamar e somente ficar empolgado.
    Claro que teve seus momentos de baixa,mais mesmo assim ver Bakuman sempre foi algo super importante em minhas semanas,Esse cap foi épico e espero que continue assim até o fim que dizem ser no meiado de maio. Bakuman tem uma historia que comove,eu fico feliz e triste ao mesmo tempo com o fim,Feliz por que a historia estaria acabando perfeitamente,triste pq não poderei acompanhar mais essa obra prima de Ohba e Obata
       Realmente Ohba e Obata fizeram algo grande nessa obra que ficara na minha mente pra sempre,agora eu espero que eles continuem nessa parceria e façam um manga que explore mais o talento do Ohba,algo mais Shonen.Mais por enquanto vo ver com toda felicidade os ultimos capitulos de Bakuman.
     
     Quanto ao cap da semana,eu achei muito show,e além de dar a nos a certeza do fim do mangá,nos deu comedia com o encontro do Fukuda que eu rachei o bico,rachei muito com o Plano de Casamento do Kazuya e a briga dele com o Yoshida  kkkkkkk coitada da Yuri-Tan,o Shizuka tbm foi de rachar muito o bico kkkkkkkkk,e as belas palavras do Mashiro para a Kaya,monstrando que a Kaya não ta no mangá so pra ser desastrada,a conversa da Azuki e sua mãe,e pra encerrar,o Mashiro(que tava inspirado nesse cap) dizendo umas palavras sinistras para seu Tio. Bakuman vai fazer muita falta,muita mesmo.

      1.  @MagoDoMetal  Eu já to vendo Bakuman no anime,ta nos meus planos mesmo é depois do fim de Bakuman eu rever ele todinho no mangá,so pra relembrar seus momentos épicos

    1.  @MagoDoMetal Eu já to vendo Bakuman no anime,ta nos meus planos mesmo é depois do fim de Bakuman eu rever ele todinho no mangá,so pra relembrar seus momentos épicos.

      1.  @Kurosaki Ismael Kkkkk manolo pode prestar atenção, Reversi = DeathNote xP Ah e fikdik pra que gosta mesmo de Bakuman da uma olhada nas outras obras do Takeshi Obata, tem bastante coisa familiar ;D

  5. Um Manga simplesmente sensacional, como esperado da dupla Ashirogi Muto da vida real xD Tanto Ohba quanto Obata são verdadeiros gênios quando se trata sobre escrever Manga, me emocionei em cada capitulo lendo essa obra prima (principalmente nos últimos). Esse capitulo simplesmente esquentou meu coração reavivendo tudo que senti lendo a Série, ja tem um tempo era possivel sentir o final chegando, mas nunca pensei que poderia pesar tanto. É tão legal olhar para trás e ver tudo o que aconteceu. Quem não lembra de Trap e de seu fim devastador? Das trapalhadas de Tanto? Das artimanhas de PCP? Quem não se animou quando Reversi venceu ZombieGun nos Oneshot? Sinceramente meus amigos, esse é um Manga que vai fechar com chave de ouro e vai entrar para a história não só da Jump, mas de toda a Literatura Mundial. Ah fikdik ler as outras obras do Takeshi Obata, vocês irão notar varias semelhanças com algumas obras dentro do Manga ^^

  6. Realmente um capítulo fantástico. Bakuman vai ser o primeiro mangá que vou comprar que já li tudo em scanlators. Merece ficar guardado, para ler, reler, passar para os filhos… Como sempre muito emocionante e tocante. Quem nunca deu uma choradinha, nem que seja um marejar de olhos que atire a primeira pedra. Não é bem melhor quando a série acaba quando tem que acabar? Naruto que o diga…
     

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.