Conversa de MangáJapãoLendo

Naruto | 700 capítulos, o fim do ciclo e o até breve!

Naruto 699 - Maos

Conversa de Mangá Especial!

Trecho liberado a todos! (Sem Spoilers)

Há 15 anos, 1999, se iniciava os contos do ninja laranja de Konoha, ou Vila da Folha. Nestes quinze anos muita coisa rolou. Aventuras aconteceram, inimigos surgiram, queridos personagens morreram, guerras e conspirações chegaram querendo abalar a estrutura que nós, leitores, estávamos habituais. Personagens cresceram, poderem inflaram ao um nível absurdo, a história se esticou mais do que talvez devesse, o que era ótimo, ficou apenas bom, em alguns momentos foram ruins, mas a maior lembrança que podemos ter de um mangá do Naruto foram os grandes momentos, a grande jornada que esse personagem teve nestes últimos 15 anos e que no fim, o bem venceu, porque é isso que acontece nas histórias em geral.

Valeu a pena acompanhar e ler Naruto por tantos e tantos anos? Certamente. É um alívio ver uma história com começo, meio e fim, mesmo com certos tropeços ao longo do caminho, pois isso é natural. Agora eu sei como esse personagem surgiu, como ele cresceu e o que ele se tornou. Quão foda é isso quando você pensa que há muitos seriados, quadrinhos, desenhos ou personagens da ficção que jamais tiveram esse privilégio. E Naruto não é exatamente o primeiro mangá que vejo terminar ou que leio seu fim, mas certamente é o primeiro que acompanho há tantos anos que finalmente vejo acabar e a sensação é muito positiva. Não é algo para se revoltar ou ficar triste, mas para comemorar mesmo.

E o final? Foi satisfatório? Era o que eu esperava? Em parte sim. em parte não. No âmbito geral eu gostei. Comparado ao que vinha acontecendo nestes últimos dois anos foi até melhor do que esperava. O fato do último capítulo ter tido mais páginas, ser todo colorido e ter esse pulo temporal certamente é algo que me agradou bastante. Se o mangá tivesse terminado no capítulo 699 eu teria achado uma merda. Eu sou o tipo de leitor que quer ver o futuro, não quero ficar imaginando. Claro que há finais que podem ficar nas entrelinhas, mas uma história de 15 anos, com tantos personagens e aspectos não poderia jamais acabar no capítulo 699. Sendo assim o capítulo 700 é uma forma fechamento, de encerramento de um longo castelo de cartas, onde você finalmente colocou no topo a última carta, ainda que tenha ficado algumas de fora. Foi um ótimo final, não algo mirabolante, inacreditável ou revolucionário, apenas um final que era o mínimo que os leitores mereciam ganhar. E talvez nem mesmo tenha sido um fim, mas apenas um até logo.


Naruto 699 - Time 7

Opa, opa! A partir daqui a coisa complica! (Com Spoilers)

Enfim, agora alguns pontos que merecem algumas considerações mais específicas. Com o final revelado, com toda a drama encerrada, eu consigo ver alguns panoramas gerais de toda a construção da história que talvez, num exercício de imaginação, ficassem melhores se tivessem sido feitas de outras maneiras.

Nagato & Obito

Um bom exemplo diz respeito ao Pain (Nagato) e Tobi (Obito). Eu acredito que seja consenso geral entre os fãs de Naruto que o arco de Pain foi muito mais memorável e épico do que o arco de Obito, ou ao menos o momento em que Obito se revela e vai até antes do verdadeiro Madara assumir o volante do caminhão. O caso é que hoje em dia enxergo muitas semelhanças em personagens como Nagato e Obito, onde ambos com passados trágicos, manipulados, com rancor no coração e sem qualquer esperança contra a humanidade. Mesmo assim eu sinto simpatia por Nagato que não consegui ter pelo Obito. Será que porque Pain veio primeiro? Será que porque ali, naquele momento de seu arco, ainda estava chocado com a morte de Jiraya? Será que porque foi ali o ponto de virada do Naruto como um herói muito mais do que talvez nem ele imaginasse ser? Não sei. Só que no fim, fiquei pensando em como toda essa situação com o Obito, seu ódio, e seu objetivo, se parecia muito com o que Pain queria. E um deja vu nos momentos finais do mangá não é algo legal. Eu realmente esperava um momento de explodir a cabeça, tal qual tivemos quando Pain destrói a vila da Folha e Naruto chega como o último fio de esperança. Esse momento no meio do mangá foi tão incrível que pra mim ficou a impressão de que ele é o responsável pelo final ter ficado um pouco fora do que esperava em termos de um vilão e inimigo final. E olha que Obito não mesmo foi o grande vilão final, mas sinceramente, pra mim ele foi a peça final, a última grande boa surpresa vilanesca em Naruto.

O que isso indica? Que talvez tanto o uso de Pain quanto o Rinnegan deveria ter sido guardados para o final do mangá. E se no fim, Nagato estivesse ali? O penúltimo discípulo de Jiraya contra tudo e todos, o grande mal da profecia. Se o rinnegan se estivesse surgido no final?  Eu não sei se Kishimoto escreveu Naruto exatamente como planejou ou o quanto ele já havia criado da história. Já vi alguns comentários de que o mangá deveria ter acabado ao fim do arco de Pain e se você pensar há muito de fim ali. Naruto se torna o herói que sempre sonhou ser, desmascara um grande vilão que se redime no fim e até mesmo dá um sacolejo na cabeça do Sasuke logo em seguida, como se a batalha final deles pudesse ter acontecido naquele momento. É verdade que depois disso muito do contexto e do universo do mangá foi contextualizado e explicado, e há momentos tocantes, que a Dakini me lembrou num papo que tivemos hoje a tarde ao discutir alguns pontos do mangá, como o encontro do Naruto com a mãe e até mesmo a relação dele com a Kurama e os outros tantas-caudas.

O fim de Naruto não poderia acontecer ali, porém e se Pain foi um dos personagens criados pensando no final do mangá originalmente? Faria muito sentido pra mim. E se ele foi usado antes porque o autor sabia que precisaria dele para segurar um pouco mais o mangá por mais alguns anos? Pra mim, quem deveria ter invadido a vila da Folha e destruído tudo deveria ter sido o Obito e ali sim poderia ter rolado a redenção do personagem, o fechamento do ciclo da história do Kakashi e até mesmo a ascensão dele como Hokage. E no final derradeiro, seria justo ter Nagato como a mão direita de Madara, indo ao contrário do que Jiraya queria que ele tivesse se tornado. O papel dele, como a pessoa que despertou o rinnegan seria muito mais importante ali no fim, assim como sei vínculo com o Naruto ao fim. E eu sei que ajustes precisariam ser feitos na história, mas a minha impressão é que o último arco teria sido bem mais épico assim.

E imaginar não como uma história poderia ter corrido pra cá ou pra lá, de forma alguma desmerece como ele foi oficialmente. É apenas um exercício criativo.


Naruto 699 - Sasuke e Sakura

O destino de Sasuke

Outro ponto controverso da história do mangá sempre foi o destino do personagem Sasuke. Ele deveria ter tido sua redenção? Ele deveria ter morrido? Se ele morresse, que o mataria? Naruto? Kakashi? Sakura? Itachi? Orochimaru? Não é fácil chegar num consenso unânime sobre qual seria o melhor desfecho para um personagem complexo como Sasuke. O final real fez o que qualquer conto de fadas faria, dando a redenção e um final relativamente feliz ao personagem. Digo relativamente porque no final das contas Sasuke ainda é uma espécie de alma solitária, onde até mesmo sua filha reconhece isso.

É um destino meio novela pra um personagem que muitos, eu inclusive, torceu por tanto tempo para que morresse, para que não tivesse uma segunda chance. Eu ainda acredito que para que Naruto tivesse um final diferente ou mais controverso, Sasuke não deveria ter continuado vivo, porém entendo que dá forma como se construiu o personagem do Naruto e como a guerra levou a situação na qual os dois se reuniram, Naruto jamais teria matado o Sasuke.

Isso é claro que não impediria que outro o personagem o fizesse. Talvez Kakashi, ou até mesmo a Sakura eu entenderia tomar essa decisão e ter isso em sua consciência pro resto da vida. Talvez com a Sakura fosse mais complicado, afinal isso impactaria diretamente o Naruto e sua promessa com ela, enfim, não faltaria personagens que poderia tomar pra si essa tarefa, e não acho que isso destruiria Naruto ou mudaria certos rumos do final como ele aconteceu oficialmente.

Em todo caso o Kishimoto me convenceu nos 45 minutos do segundo tempo que Sasuke merecia uma segunda chance e o perdão. Se não me emocionei com os capítulos 699 e 700, certamente o 698 fez tal papel de uma forma que não estava esperando.

Sasuke mereceu esse final? Talvez não, mas era exatamente essa a convicção do Naruto para seu amigo, de ir além das convicções morais e sociais e subjugar o normal frente a conhecer o sentimento de seu amigo. No fim, não foi algo preto no branco, ou ao menos o autor conseguiu criar essa nuvem cinza em torno do fim que Sasuke merecia, e isso é um ótimo ponto positivo.


Naruto700 - Filhos

Capitulo 700

Em relação ao capítulo 700, eu ainda devo ler ele mais umas quatro ou cinco vezes, Porque sinceramente não é fácil lembrar todos os nomes dos filhos dos personagens ou até mesmo pescar todos os pequenos detalhes que estão sendo apresentados ao fundo dos quadros.

No aspecto geral algumas coisas era o que esperava, como casais óbvios. Fico triste por não ter mostrado a Hinata ao lado do Naruto, apenas mostrando seus filhos. Gostaria de ter visto muito mais, porém deve ser por isso que no Japão terá um filme agora no final do ano, que aliás terá um capítulo extra em manga.

É até bonitinho o conceito de ciclo que se repete, como o ciclo da vida em Rei Leão. Não é algo inédito, mas foi bem feito e por isso há seus méritos. E sinceramente era algo que eu queria muito ver, a geração após o mundo que Naruto criou. Mesmo que seja curioso como algumas coisas não parecem ter mudados, mas de novo, esse é o ciclo da vida.

Há algumas coisas que não curti, como a necessidade de tornar o Kakashi o sexto Hokage. Ainda mais depois de enfraquecida que o personagem teve após toda a Guerra. Não acho ele do nível dos outros Kages anteriores, sendo que achei apenas forçado e meio que “é o que os leitores queriam ver, então toma”. Também não se se gosto dessa ideia de Naruto ter se tornado alguém tão ocupado a ponto de seu filho não ter atenção que gostaria. Claro que o contexto apresentado é bem limitado e pode não ser o aspecto geral de sua relação de pai e filho, porém mesmo assim, num mundo de paz, nem ele tem tempo pra família? Pow. Eu acho que nesse aspecto, tem um pouco dessa coisa da cultura de pais e filhos no Japão, de não terem a atenção devida.

Por fim, pra fechar esse texto, o mangá termina com certas pontas soltas, não acham? E não me parece algo acidental e sim algo feito justamente porque o autor sabe que Naruto não acabou ainda. Ok, há o filme, um one-shot especial para 2015 e eu duvido muito que o anime acaba como o mangá acabou. Se a fase criança do mangá durou 2 anos de fíllers, sendo que Naruto é o anime com mais fillers que já vi na vida, obviamente teremos algo com os filhos do Naruto por ai. Dito isso, sinceramente não acho que esse é o final definitivo da série. É apenas um encerramento necessária da história principal é um até logo para uma franquia que pode continuar de muitas formas diferentes, sendo que o plot principal acabou mesmo.


Naruto 700 - Bolt e Naruto

Pequenas coisas sem importância (ou de repente não):

– Queria ter visto que fim levou Orochimaru.
– O mesmo para Yamato, e qualé daque Zetsu de madeira?
– Quem ficou com o Rock Lee? Deu a entender que ele arranjou um pupilo, seria seu filho?
– Qualé da cena do Sasuke assustado no meio do mato? Seria uma ponta pra uma futura sequência?
– Achei que o Naruto iria atrás e restauraria o clã Uzumaki, de sua mãe. Afinal, por fim nada de falar sobre a Karin e sua relação com o clã, tipo suas origens ou o que ela se lembra.
– Kakashi sem máscara? Não. 🙁
– Gai ficou mesmo paraplégico? Ou apenas está com a perna quebrada?
– Tanto escarcéu por causa das bestas de caudas e mostrou apenas o Oito caudas e a Kurama numa soneca no final. Queria ter visto um pouco de cada uma, que fim levaram. O uma cauda não estava considerando voltar pro Gaara? Ficou no ar isso.

É isso! Adeus Naruto, mas espero mesmo que seja apenas um até logo. Que esse universo volte de vez em quando para nos divertir apenas. Como acontece com Dragon Ball. A história acaba aqui, mas as aventuras soltas talvez não.


Naruto 700 - 213

Extra: rápidos comentários da antiga galera do blog!

Mailson de Oliveira (Shin) | Indo direito ao ponto, sem rodeios, de forma geral Naruto terminou muito melhor do que eu esperava. Para mim não teria nenhuma formação de casal, ou preocupações com aspectos familiares na conclusão da história, pensei mesmo que o embate Sakura x Hinata não teria vencedor, e o que vimos, na verdade, foram ambas vencendo. Grata surpresa. Todo mundo feliz em um mudo perfeito. Happy End. Olhando para trás, e sendo um pouco mais crítico, continuo afirmando que essa guerra foi desnecessária, as coisas que se aproveitaram dela, e estão presentes nesses sete últimos capítulos são: (1) Neji morreu; (2) Gai ficou aleijado; e, por último (3) As vilas ficaram em paz (mas já não estavam antes?! diga-se de passagem). Pra manter a qualidade total da obra, esse final deveria vir após a luta contra o Pain, aí, seria épico. Pra finalizar, comentário bônus: Nem no final de Naruto One Piece deixará de ser lembrado e comentado xD, todo mundo percebeu né?

Paulo Roberto (PRLS) | O Ultimo capitulo juntou algumas pontas soltas, trouxe personagens de volta e tal, mas me emocionei mais com o capitulo da luta e da “lenga-lenga” entre Naruto e Sasuke, onde eles explicaram o que sentiam um pelo outro e pelo fato do Naruto sentir o peso que teria a forma como Sasuke queria levar o mundo em suas costas (como o grande mártir a quem todos odiariam).

Sofia Sabbado (Dakini) | Super água com açúcar, haha. XD Nem tenho muito o que comentar. Gostei dos pares, os “filhotes” ficaram legais, é massa ver as coisas se repetindo ao longo das gerações, etc… foi um bom final, mas é isso. Naruto não será lembrado por como acabou, mas pela jornada, provavelmente.

Rafael Oliveira (Gaara) | Depois do Pain ter destruido Konoha, matado Kakashi e utilizado o Rinnegan de uma maneira fantástica tinha ficado ruim pra qualquer vilão se destacar… Nagato era um personagem com motivações muito mais aceitáveis que Madara e Obito, além disso naquela época o mangá vinha em uma crescente com a excelente saga de Hidan e Kakuzu, Shikamaru com destaque, a luta de Itachi contra Sasuke, etc… Acho que a depois de Pain a história saiu de um fluxo natural para que um final com guerra e Naruto e Sasuke se enfrentando fosse realizado, no entanto não acho que tenha sido pressão da Jump e sim que Kishimoto deixou pontas soltas demais e não poderia concluir a história naquele arco, afinal Pain também era manipulado, e dali em diante o que vimos foi uma sucessão de altos e baixos, com o ápice negativo na luta contra Kaguya. No fim o mangá terminou com alguma dignidade, Kishimoto jogou pra “torcida” e nos deu um final feliz, mas na cronologia que criei na minha cabeça, Naruto terminou como um grande herói na luta contra Nagato, vingando Jiraya e sendo reconhecido pela vila de Konoha!!!

Naruto 700 - Fim Hokage


Extra II – 2 Fanarts!

Naruto 700 por ewadloNaruto : Bolt and Sarada por Sa-Dui

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!

Artigos relacionados

Fechar