Conversa de MangáJapãoMiscelânea

Conversa de Mangá: Naruto Gaiden 700.4 | Deu tempo de sentir saudades?

Chance Encounter 2

sarada naruto gaiden 700_4

| Texto recomendado para quem está acompanhando os capítulos semanais de Naruto Gaiden e que já tenha lido até o de número 700.4, ou para aqueles que não se importam com spoilers |

Eu disse que a despedida de Naruto em novembro do ano passado era um “até breve” não disse? Não que isso fosse segredo de estado. A Jump já havia avisado na ocasião do fim que a história iria continuar, que sairiam livros, que o animê iria continuar mesmo após o fim, que viriam filmes para o cinema e spin-offs na revista. Pois bem, estamos então em Naruto Gaiden e contando “700 ponto alguma coisa” pela últimas 4 semanas. Acompanhando a história da jovem Sarada, que nunca conheceu seu pai, o xarope do Sasuke. E esse é o pontapé inicial para a expansão do universo do mangá Naruto para uma nova geração de leitores e ninjas da Vila da Folha.

E você chegou a sentir saudades desse universo nestes últimos meses? Não posso negar que teve semanas lendo Bleach, Toriko e One Piece que fiquei pensando a falta que estava sentindo de ler mais um mangá na leitura semanal online. Tanto que avancei pra caramba em Boku no Hero Academia (que ainda voltarei a comentar aqui no blog muito em breve) que teve alguns arcos iniciais que me impressionou alias. Enfim, senti sim o vazio deixado pela leitura semanal que Naruto me proporcionava, mas não necessariamente do mangá em si. Ficou confuso?

O fato é que a história do Naruto acabou mesmo. O ciclo se encerrou. Não dá mais para esperar aquelas loucuras de batalhas e sagas que a boa fase do mangá teve. Deixando um pouco de lado as lutas exageradamente overpower nos momentos finais da história. E essa fase nova fase, chamada de Gaiden, parece neste ponto, um pouco mais pé no chão, ainda que este quarto capítulo namore um pouco os exageros do fim da fase anterior. Faz sentido já que tanto Naruto quanto Sasuke devem ser monstros, no sentido de ninjas que ninguém consiga derrotar facilmente.

Percebo que esta nova fase, que segundo se diz por aí não será “infinita” como foi o mangá original, está sendo escrita pelo Masashi Kishimoto como uma espécie de teste para ver se a rejuvenização desse universo consegue atrair novos leitores menores, tal qual éramos quando começamos a ler Naruto. Ela parece ser feita para leitores novatos, apesar de que também tem elementos que podem agradar os veteranos. Estes, se não quiserem acompanhar, talvez não percam nada, mas é difícil imaginar um fã de Naruto que tenha ido até o final e que não vá continuar mais um pouco para ver o que os filhos dos personagens que cresceram com a gente podem fazer.

Fora que como disse lá no Conversa de Mangá do capítulo 700, o próprio mangá terminou com pontas soltas justamente para que o autor pudesse trabalhar no futuro desse universo. E estes quatro primeiros capítulos de Naruto Gaiden instigam bastante isso.

Achei interessante essa relação do Boruto com o Naruto, que parece um pouco apática, mesmo com o esforço do Naruto para ter um clone perto do filho e que aparentemente o filho acha que não é a mesma coisa que ter o pai em pessoa ali. Claro que o que mais chama a atenção é mesmo a Sarada, filha do Sasuke e supostamente da Sakura. A relação do casal não foi explorada direito no fim do mangá original e parece ser um ponto interessante para se explorar agora sobre a perspectiva da Sarada. O curioso é que mesmo depois de tudo o Sasuke parece que continuou a ser um escroto a ponto de nem conhecer a sua própria filha!

Além disso não sei o que mais achar por enquanto desse retorno. Parece que os novos adversários são instigantes o bastante para dar uma tensão a trama. Tem o amigo do Boruto que é bem estranho também. Ah e como a filha do Chouji – é Chocho ou Chouchou? –  é terrivelmente irritante. Que personagem chata! Não sei por quanto tempo essa fase com o núcleo jovem vai durar, mas espero que ela não se torne uma coadjuvante do time da Sarada a ponto de ficar constantemente na história. Há outras crianças dessa nova geração bem mais interessantes, não?

Pra terminar, gostei bastante do Naruto como o sétimo Hokage. Sendo de responsabilidade, totalmente atento ao seu redor, continua com uma força descomunal e ainda tem sua graça, como quando ele distorce um pouco se comparando com o Sasuke na infância. Dá para sentir claramente a maturidade da fase adulta no personagem.

naurto gaiden 700_4 B

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios