EditoriaisMiscelâneaVídeos & Trailers

Editorial | Portallos agora no Instagram (e porque isso é bacana)!

Então, Redes Sociais vieram para ficar, né? Tal como essa coisa de internet. E pensar que há mais de 10 anos atrás as pessoas ficavam apenas em dois lugares para baterem papo (e brigarem por opiniões): fóruns pela internet ou no Orkut. Hoje em dia é tudo tão fracionado, precisamos estar em tantos lugares, há tantas redes com características tão peculiares que é impossível prestar atenção em apenas uma única rede social.

Enfim, sem grandes reflexões filosóficas sobre redes sociais e o porque precisamos dela, ou porque o site está chegando com um gigantesco atraso em mais uma rede social, o Portallos estreou há algumas semanas no Instagram, e agora dá para acompanhar parte do conteúdo daqui lá, na praticidade da rede social dedicada a fotos e vídeos com menos de 60 segundos!

Mas há um porém: o que isso difere das demais redes sociais que o site já possui, como o Twitter e o Facebook? Pois é, devo admitir que me surpreendi com a comodidade e a praticidade na qual posso subir conteúdo visual no Instagram, e que não fica só lá, mas também se espalha com facilidade pelas outras duas redes sociais mencionadas e que também servem para acrescentar conteúdo as matérias aqui no site.

Aos leitores mais atentos, que deram uma espiada nas últimas matérias publicadas ao longo dos últimos dias aqui, devem ter percebido pequenos vídeos que estão sendo publicados nas postagens, retirados diretamente da conta do Portallos no Instagram, algo que até então não acontecia por aqui e nem era tão fácil de acontecer. No geral tem sido clipes de games, como estes:

https://www.instagram.com/p/BLQqoEMh5xT/

https://www.instagram.com/p/BLmf0i7BhFr/

Bacana, não? Conferir um pequeno trecho de versões dubladas dos grandes lançados em games dessa forma prática é algo que sempre tive vontade de fazer por aqui (sem ter que abrir uma conta no You Tube, já que lá o formato e a linguagem é em outro formato) e que agora com o Instagram é possível. Fora a praticidade de qualquer um poder conferir rapidamente no celular ou tablet, já que estes vídeos possuem na média apenas 45 segundos.

Pequenos clipes de indie games também tem sido postados lá quase todos os dias, e é muito legal poder mostrar um trechinho de um indie game (as vezes até desconhecido pela própria comunidade gamer), antes da impressões do mesmo ser publicado aqui no site, seja dias ou semanas depois. Ajuda pra caramba na hora de montar o texto, saber que terei um recurso visual específico que já fiz previamente pensando na hora em que escreveria a respeito. Exemplos:

https://www.instagram.com/p/BLtZHp_h16o/

https://www.instagram.com/p/BLrOCGqBbSh/

Dá até mesmo para mostrar aquele momento de sorte (e um pouco de bug) em alguns games, como ter a chance de matar um Swarmark sozinho em uma Horda em Gears of War 4.

https://www.instagram.com/p/BLYrOHchyq2/

Além de games, acabou vindo calhar também outro recurso que também sempre tive muita vontade de fazer por aqui, mas que, novamente, não rolava abrir um canal no You Tube para o site (ainda, isso está na planilha de projetos para quando tiver equipamento e uma internet decente), que é fazer vídeos mostrando rapidamente livros, mangás e quadrinhos. Aí de repente, me vi criando uma espécie de coluninha no Instagram do site, chamada “Folheando”, na qual o nome já diz tudo:

https://www.instagram.com/p/BLrOmUyB8vt/

https://www.instagram.com/p/BLm67rzBTu9/

https://www.instagram.com/p/BLubIIfBGFE/

E antes que perguntem “por que vídeos com o áudio desativado?”, bem, por duas razões. Primeiro porque o local onde gravo os vídeos é totalmente barulhento. Não consigo ainda gravar isso no completo silêncio, para que possa falar algo (e ter uma qualidade bacana) ou deixar apenas o som das páginas sendo viradas. E segundo porque o aplicativo (chamado Quik) que estou usando para fazer estas vinhetinhas para deixar o começo dos vídeos mais apresentáveis não possui faixas musicais totalmente livres de direitos autorais, e isso é algo que não quero ter dor de cabeça eventualmente, e apesar de saber que existem faixas livres de copyrights, ainda não tive tempo para caçar trilhas legais livres que se encaixem nestes pequenos vídeos. Então por enquanto, elas seguem com o áudio desativado.

Fora que é caso do modelo e do formato. Normalmente as pessoas assistem estes vídeos sem som mesmo, seja no Instagram ou no Facebook. Como o propósito no momento é apenas mostrar as publicações, ainda não se faz necessário o recurso sonoro, ainda que entenda que há quem obviamente sinta falta disso. Espero futuramente chegar a um consenso a respeito (ou trilhar com algum fundo sonoro ou deixar o som ambiente – o que me obrigaria a gravar estes vídeos em horários de silêncio). No momento, eles estão servindo ao seus propósitos.

E tudo que for bacana e pertinente as matérias que vão ser publicadas aqui no site, serão postadas aqui também. Não ficarão exclusivas ao Instagram ou as demais redes sociais do site. Então não é como se eu fosse segregar o conteúdo. Apenas vão aparecer lá antes de serem postadas aqui, em matérias que dizem respeito ao material em si. Apenas estou animado com a praticidade de levar esse conteúdo lá, e aí sim, trazer para cá no momento em que for oportuno.

Claro que Instagram não é uma rede social de vídeos. Estou fazendo um quebra galhos, eu sei. Portanto, algumas coisas bacanas em fotos também estão indo para lá. Trechos de livros, de mangás e outras coisas legais. Alguns exemplos:

https://www.instagram.com/p/BLgoGfHhrC5/

https://www.instagram.com/p/BLtTKPYhJCx/

https://www.instagram.com/p/BLmh5P2BOgr/

https://www.instagram.com/p/BLjNZq4BWmm/

Enfim, acho que deu para explicar um pouquinho os motivos que me levaram a abrir uma conta no Instagram para o Portallos. É mais uma rede social para agregar conteúdo, apresentar o site a outras pessoas, para somar features as matérias que serão publicadas no site e também para dar um gostinho aos leitores do que virá a seguir na fila de pautas. No fim, é para ser algo divertido também.

Espero que os leitores do Portallos que participem do Instagram possam seguir o site lá: https://www.instagram.com/portallos/, afinal isso é algo que ajuda também a levantar a bola do site com assessorias e editoras que estão sempre fornecendo material para que o conteúdo aqui do site continue sendo opinativo, para que o site continue apresentando coisas novas e diferentes.

E é isso, o Portallos agora está também no Instagram, com atualizações todos os dias. Siga e acompanhe!

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios