JogandoRapidinhas

Ficha Indie | My Time at Portia, dos desenvolvedores Pathea Games

Quando olho para My Time at Portia penso que esse game, ainda em desenvolvimento, é algo que sempre pensei que seria o próximo passo para jogos como Animal Crossing. Trata-se de um indie game que mistura muitos gêneros e elementos em uma única experiência.

O jogador tem que cuidar de uma comunidade, gerenciar sua fazenda e plantações, tem os habitantes da vila para conhecer e interagir, tem que coletar recursos, tem que construir pontes e estruturas para avançar para novos ambientes, explorar novas terra, tem inimigos fora da vila que devem ser combatidos, tem um sistema de progressão como um RPG, há missões e tarefas para se cumprir para os NPCs da vila, que também trazem suas próprias histórias e, por fim, há diversos elementos de customização de seu próprio protagonista, assim como o lar que o mesmo vive. É muito coisa em um único game!

My Time at Portia é um projeto do estúdio chinês Pathea Games, que está sendo feito em parceria com a Team17, que ficará a cargo de distribuir o game globalmente tanto no PC quanto nos consoles da atual geração, PlayStation 4, Xbox One e Nintendo Switch.

No momento em faço esse texto o game encontra-se em acesso antecipado da Steam, com muitos dos features mencionados acima já disponíveis para os jogadores experimentarem nesse versão, mas os desenvolvedores garantem que ainda há muito mais a ser lançado e acertado até o lançamento da versão final do game, que deve ocorrer ainda em 2018. E quando isso acontecer o jogo irá chegar as demais plataformas citadas.

Parece uma proposta interessante. Gosto de quão diversificado o jogo se propõem a ser, ainda que sobre o risco de ao fazer muito, não faça direito. Porém acesso antecipado é justamente para aparar tais arestas, ao menos é o que penso. Acho que o visual do game é certeiro, não muito estilizado, apelando justamente para algo mais simples, meio infantil, tal como Animal Crossing. Funciona para um público infantil, assim como já se provou que o público mais adulto também aceita esse estilo para esse tipo de game. É um jogo que talvez até fizesse sucesso em portáteis, como o Nintendo 3DS (ainda que no momento não haja anúncio para tal plataforma). Certamente é um título que vale ficar de olho!

Links.

Para saber mais de My Time at Portia faça a excursão até seu site oficial. O game também possui páginas oficiais no Facebook e Twitter. Já a equipe da Pathea Games também seu site oficial, página no Facebook, Twitter e canal no You Tube. E para mais indies como esse, a Team17 tem feito parcerias com excelentes estúdios independentes, então é sempre bacana visitar o site oficial e suas páginas no Facebook e Twitter, além do canal no You Tube. Por fim, e talvez mais importante, para aqueles interessados em ver mais e talvez até em começar a sua aventura em Portia, basta visitar a página no Steam do game.

Trailer.

Imagens.

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios